Conto de tradição oral: um dossiê de uma prática interdisciplinar em aula de ciência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v23i3.7046

Palavras-chave:

Ensino interdisciplinar, Educação ambiental, Conto amazônico

Resumo

O presente trabalho descreve uma seqüência didática que foi desenvolvida durante a pesquisa de mestrado com quinze estudantes do 4°ano, da Instituição de Ensino Monsenhor Azevedo, localizado na Cidade de Belém/Pá. Trata-se de um ensino de ciências no contexto interdisciplinar que teve como objetivo fazer um dossiê do resgate dos contos tradicionais da região amazônica por meio da narrativa do Boto Cor de Rosa, bem como introduzir a questão da preservação da espécie aquática e a questão do cuidado ambiental dos rios e florestas. A proposta permitiu que os estudantes ressaltassem suas inquietações contribuindo para que os mesmos adquirissem posturas de cidadania social e educação ambiental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diana Gonçalves Santos, Universidade Federal do Pará

Mestre em Educação em Ciência, pela Universidade Federal do Pará. Professora dos anos Iniciais pelo Orgão SEDUC/PA. Pesquisadora na área de comunidades ribeirinhas das ilha de Belém/PA, relacionado aos impactos ambientais e preservação da cultura local.

Downloads

Publicado

2018-12-22

Como Citar

Santos, D. G. (2018). Conto de tradição oral: um dossiê de uma prática interdisciplinar em aula de ciência. Ambiente &Amp; Educação, 23(3), 281–296. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v23i3.7046

Edição

Seção

Artigos