E o clima deu à costa! Impacto do “Pequeno Ótimo Climático” e da “Pequena Idade do Gelo” na formação e evolução da laguna de Aveiro (Portugal)

Autores

  • Olegário Nelson Azevedo Pereira MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade NOVA de Lisboa, Portugal https://orcid.org/0000-0002-5935-0932
  • Maria Rosário Bastos Universidade Aberta, Delegação do Porto, Porto, Portugal & CITCEM - Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória, Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Porto, Portugal. https://orcid.org/0000-0001-6154-1589
  • João Alveirinho Dias CIMA (Centro de Investigação Marinha e Ambiental, Faro, Portugal), Universidade do Algarve, Faro, Portugal https://orcid.org/0000-0002-6271-6501

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i3.12286

Palavras-chave:

clima, radiação solar, litoral norte português, morfodinâmica costeira

Resumo

À medida que recuamos no tempo histórico torna-se cada vez mais complexa a tentativa de reconstituição de climas passados e seu impacte nos ecossistemas. Neste estudo faz-se uma correlação entre a irradiação solar e o crescimento da flecha arenosa (restinga) que permitiu a formação da laguna de Aveiro. Sabendo-se da controvérsia em torno da utilização de um só indicador (proxy) para a definição de fenómenos tão complexos como são o das oscilações climáticas, sempre que possível, estabelece-se um nexo entre as taxas médias de progressão anual da restinga com os dados conhecidos da NAO (North Atlantic Oscillation) e dos grandes períodos climáticos. Detecta-se existir um ritmo mais intenso de desenvolvimento durante o “Pequeno Ótimo Climático” que é amortecido para uma velocidade de cerca de metade na Pequena Idade do Gelo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Olegário Nelson Azevedo Pereira, MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade NOVA de Lisboa, Portugal

MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade NOVA de Lisboa, Portugal

Maria Rosário Bastos, Universidade Aberta, Delegação do Porto, Porto, Portugal & CITCEM - Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória, Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Porto, Portugal.

Universidade Aberta, Delegação do Porto, Porto, Portugal & CITCEM - Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória, Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Porto, Portugal.

João Alveirinho Dias, CIMA (Centro de Investigação Marinha e Ambiental, Faro, Portugal), Universidade do Algarve, Faro, Portugal

CIMA (Centro de Investigação Marinha e Ambiental, Faro, Portugal), Universidade do Algarve, Faro, Portugal

Referências

ABECASIS, Carlos Krus. “The history of a tidal lagoon inlet and its improvement (the case of Aveiro, Portugal)”. Proceedings of the Fifth Conference on Coastal Engineering, Grenoble, 5, 1955, p. 329-363.

ABECASIS, Fernando. “O regime aluvionar da costa portuguesa entre Peniche e a foz do Mira”. Yngenium, n. 8, Lisboa, p. 4-18, 1987.

ALCOFORADO, Maria João; NUNES, Maria de Fátima; GARCIA, João Carlos; TABORDA, João Paulo. “Temperature and precipitation reconstruction in southern Portugal during the late Maunder Minimum (AD 1675-1715)”. The Holocene, v. 10, Issue 3, p. 333-340, 2000. DOI: https://doi.org/10.1191/095968300674442959

ALMEIDA, Fortunato de. História da Igreja em Portugal. Ed. Preparada e dirigida por Damião Peres. Vol, I, Porto, Portucalense Editora, 1967.

ALVES, Francisco J. S.; DIAS, João Manuel Alveirinho; ALMEIDA, Mário Jorge Rocha de; FERREIRA, Óscar; TABORDA, Rui. “A armadilha de pesca da época romana descoberta na praia de Silvalde (Espinho)”. O arqueólogo português, série IV, 6/7, p. 187-226, 1988-1989.

ALVES, Pe. Manuel Alves. Subsídios para a História de Mira. Mira: Paróquia de Mira, 1990.

AMARAL; Diamantino Antunes do. “A laguna: vida, morte e ressurreição de Aveiro”. Aveiro e o seu Distrito. 6, Aveiro, p. 25-35, 1968.

AMORIM, Inês. Aveiro e sua Provedoria no séc. XVIII (1690-1814) estudo económico de um espaço histórico. Coimbra: Comissão de Coordenação da Região Centro, 1996.

AMORIM, Inês; SILVA, Luís Pedro; GARCIA, João Carlos. “As cheias do rio Douro no Porto (Portugal) do século XVIII”. SÉMATA, Ciencias Sociais e Humanidades, vol. 29, 2017, p. 185-217.

ANTT Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Livro da Estremadura, Lvro. 6.

ARAÚJO, Maria de Assunção. Climatic and coastal evolution during Little Ice Age: some considerations. European seaport systems in the Early Modern Age – a comparative approach. International Workshop Proceedings. Porto: IHM-UP, 2007, p. 79-88.

ARAÚJO, Maria de Assunção. Variações climáticas e evolução da linha de costa: algumas reflexões. In: ARAÚJO, Maria Assunção; VARETA, Nicole; GRANJA, Helena (org.). Os aspectos geomorfológicos e as dinâmicas históricas dos portos do NW Português. XXIII Encontro da APHES (Associação Portuguesa de História Económica e Social), Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, 7 e 8 de Novembro de 2003, CD Rom, 2003, p. 1-10. Disponível: https://www.researchgate.net/publication/277159858_Variacoes_climaticas_e_evolucao_da_linha_de_costa_algumas_reflexoes (Acedido em out. de 2020).

A.H.P Archivo Historico Portuguez. vol. II, Lisboa, 1904.

BASTOS, Maria Rosário; DIAS, João Alveirinho. Um teste de resiliência nas relações Homem-Meio: o caso da restinga arenosa da laguna de Aveiro. In: RODRIGUES, Maria Antonieta da Conceição; PEREIRA Silvia Dias & SANTOS, Sónia Barbosa dos (eds.). Baía de Sepetiba: Estado da Arte. Rio de Janeiro: Ed. Corbã, 2012, p. 239-250.

BASTOS, Maria Rosário da Costa. O Baixo Vouga em tempos medievos: do preâmbulo da monarquia aos finais do reinado de D. Dinis. Saarbrücken, Novas Edições Académicas/Verlag, 2015.

BRAUDEL, Fernand. Memórias do Mediterrâneo. Pré-História e Antiguidade. Lisboa, Terramar, 2001.

CASTELO-BRANCO, Fernando. “Desenvolvimento da Geo-História em Portugal”. História e Desenvolvimento da Ciência em Portugal, vol. II, Lisboa: Publicações do II Centenário da Academia das Ciências em Lisboa, 1986.

CLIMATESNACK. https://www.scisnack.com/2013/11/26/to-index-or-not-to-index/ (acedido em out. de 2020).

CROPPER, Thomas; HANNA, Edward; VALENTE, Maria Antonia; JONSSON, Trausti. “A daily Azores – Iceland North Atlantic Oscillation index back to 1850”. Geosci. Data J., v. 2, p. 12–24, 2015. DOI: https://doi.org/10.1002/gdj3.23

CUNHA, Silvério Ribeiro da Rocha. “O porto de Aveiro. Notícia histórica da barra de Aveiro. O porto e a barra de Aveiro nos séculos XI, XVI, XVII e XVIII”. Revista de Obras Públicas e Minas. 81, p. 42- 48, 1959.

DIAS, João Manuel Alveirinho; FERREIRA, Óscar M. F. Cerveira; PEREIRA, Ana P. R. Ramos. Estudo sintético de diagnóstico da geomorfologia e da dinâmica costeira dos troços costeiros entre Espinho e a Nazaré. Lisboa: Esamim, 1994.

DIAS, João Manuel; RODRIGUES, Aurora; MAGALHÃES, Fernando. “Evolução da linha de costa, em Portugal, desde o último máximo glaciário até à actualidade: síntese dos conhecimentos”. Estudos do Quaternário, v. I. Lisboa: APEQ, 1997, p. 53-66.

DIAS, João Manuel Alveirinho; BOSKI, Tomasz; RODRIGUES, Aurora; MAGALHÃES, Fernando. “Coast line evolution in Portugal since the Last Glacial Maximum until present – a synthesis”. Marine Geology, v. 170, Issue 1-2, p. 177-186, 2000. DOI: https://doi.org/10.1016/S0025-3227(00)00073-6

DIAS, João Manuel Alveirinho. A história da evolução do litoral português nos últimos vinte milénios. In: TAVARES, António Augusto (ed.). Evolução geohistórica do litoral português e fenómenos correlativos: geologia, história, arqueologia e climatologia. Actas do Colóquio. Lisboa: Universidade Aberta, 2004, p. 157-170.

DIAS, João Alveirinho. “Evolução da zona costeira portuguesa: forçamentos antrópicos e naturais”. Revista Encontros Científicos – Turismo, Gestão, Fiscalidade, Faro, 1, p. 7-27, 2005.

DIAS, João Alveirinho. “Alguns exemplos da rápida evolução costeira em Portugal”. In: BOSKI, Tomasz; MOURA, Delminda & GOMES, Ana (ed.). VII Reunião do Quaternário Ibérico. Livro de Resumos. Faro: Centro de Investigação Marinha e Ambiental / Universidade do Algarve, 2009, p. 17-21.

DIAS, João Alveirinho; BASTOS, Maria Rosário; BERNARDES, Cristina; FREITAS, Joana Gaspar; MARTINS, Virgínia. Interacções Homem-Meio em zonas costeiras: O caso de Aveiro, Portugal. In: RODRIGUES, Maria Antonieta da Conceição; PEREIRA Silvia Dias & SANTOS, Sónia Barbosa dos (eds.). Baía de Sepetiba: Estado da Arte. Rio de Janeiro: Ed. Corbã, 2012, p. 215-249.

DIAZ, Henry F.; TRIGO, Ricardo; HUGHES, Malcolm K.; MANN, Michael E.; XOPLAKI, Elena; BARRIOPEDRO, David. “Spatial and temporal characteristics of climate in medieval times revisited”. American Meteorological Society, November, p. 1487-1500, 2011. DOI: https://doi.org/10.1175/BAMS-D-10-05003.1

GIRÃO, Aristides de Amorim. Bacia do Vouga: Estudo Geográfico. Coimbra, Imprensa da Universidade, 1922.

HURRELL, James; KUSHNIR, Yochanan; VISBECK, Martin “The North Atlantic Oscillation”. Science, vol. 291, Issue 5504, p. 603-605, 2001. DOI: https://doi.org/10.1126/science.1058761

HURRELL, James. W.; KUSHNIR, Yochanan; OTTERSEN, Geir; VISBECK, Martin. An Overview of the North Atlantic Oscillation. In: HURRELL, James W.; KUSHNIR, Yochanan; OTTERSEN, Geir; VISBECK, Martin (eds.). The North Atlantic Oscillation: Climatic Significance and Environmental Impact. Geophysical Monograph, vol. 134, American Geophysical Union, 2003, p. 1-35.

JACKSON, Derek W. T.; COSTAS, Susana; GUISADO-PINTADO, Emilia. “Large-scale transgressive coastal dune behaviour in Europe during the Little Ice Age. Global and Planetary Change, V. 175, p. 82-91, 2019. DOI: https://doi.org/10.1016/j.gloplacha.2019.02.003

LEITÃO, António do Nascimento. Aveiro e a sua laguna (Estudo comparativo de temas regionais). Lisboa, Livraria Sá da Costa, 1944.

LILLEBØ, A. I.; AMEIXA, O. M. C. C.; SOUSA, L. P.; SOUSA, A. I.; SOARES, J. A.; DOLBETH, M.; ALVES, F. L. “The physio-geographical background and ecology of Ria de Aveiro”. In: LILLEBØ, A. I.; P. STÅLNACKE, P.; GOOCH, G. (eds.). Coastal Lagoons in Europe Integrated Water Resource Strategies. London: IWA Publishing, 2016, p. 21-29.

LIU, Yu; QIUFANG, Cai; HUIMING, Song; AN, ZhiSheng; LIDERHOLM, Hans W. “Amplitudes, rates, periodicities and causes of temperature variations in the past 2485 years and future trends over the central-eastern Tibetan Plateau”. Chinese Science Bulletin, 56, art. 2986. 2011. DOI: https://doi.org/10.1007/s11434-011-4713-7

LOUREIRO, Adolpho. Os Portos Marítimos de Portugal e Ilhas Adjacentes. Vol. II, Lisboa, Imprensa Nacional, 1904.

LUCCI, Luiz Filipe de Lencastre Schwalbach. Estudos Geográficos – Alterações Litorais. A Ria de Aveiro. Lisboa, Typographia do Annuario Commercial, 1918.

MANN, Michael E.; JONES, Philip D. “Global surface temperatures over the past two millennia”. Geophysical Research Letters, v. 30, nº 15, 1820, p. 1-5, 2003. DOI: https://doi.org/10.1029/2003GL017814

MANN, Michael E.; ZHIHUA, Zhang; SCOTT, Rutherford; HUGHES, Malcolm K.; SHINDELL; Drew; AMMANN; Caspar; FALUVEGI, Greg; NI, Fenbiao. “Global Signatures and Dynamical Origins of the Little Ice Age and Medieval Climate Anomaly”. Science, 326 (5957), p. 1256-1260, 2009. DOI: https://doi.org/10.1126/science.1177303

MARTINS, Fernando. “A configuração do litoral Português no último quartel do século XIV. Apostila a um mapa”. Biblos, Coimbra, XXII, 1947.

MATTOSO, José.; KRUS, Luís; ANDRADE, Amélia. O Castelo e a Feira, a terra de Santa Maria nos séculos XI a XII. Lisboa: Editorial Estampa, 1989.

MORENO, Ana; PÉREZ, Ana; FRIGOLA, Jaime; NIETO-MORENO, Vanesa; RODRIGO-GÁMIZ, Marta; MARTRAT, Belén; GONZÁLEZ-SAMPÉRIZ, Penélope; MORELLÓN, Mario; MARTÍN-PUERTAS, Celia; CORELLA, Juan Pablo; BELMONTE, Ánchel; CANALS, Miguel; GRIMALT, Joan O.; JIMÉNEZ-ESPEJO, Francisco; MARTÍNEZ-RUIZ, Francisca; VAGAS-VILLARÚBIA, Teresa; VALERO-GARCÉS, Blas L. “The Medieval Climate Anomaly in the Iberian Peninsula reconstructed from marine and lake records”. Quaternary Science Reviews, v. 43, Issue 8, p. 16-32, 2012. DOI: https://doi.org/10.1016/j.quascirev.2012.04.007

MUSCHELER, Raimund; JOOS, Fortunat; BEER, Jürg; MULLER, Simon A.; VONMOOS, Maura; SNOWBALL, Ian. “Solar activity during the last 1000 yr inferred from radionuclide records”. Quaternary Science Reviews, 26 (1-2), p. 82-97, 2007. DOI: http://doi.org/10.1016/j.quascirev.2006.07.012

NEVES, Francisco Ferreira. “Documentos relativos à abertura da actual barra de Aveiro”. Separata do Arquivo do Distrito de Aveiro, vol. XXII, Aveiro, 1956.

OLIVA, M.; RUIZ FÉRNANDEZ, J.; BARRIENDOS, M.; BENITO, G.; CUADRAT, J.M.; DOMÍNGUEZ-CASTRO, F.; GARCIA-RUIZ, J.M.; GÓMEZ-ORTIZ, A.; HÉRNANDEZ, A.; LÓPEZ-COSTA, O.; LÓPEZ-MORENO, J.I.; LÓPEZ-SAÉZ, J.A.; MARTÍNEZ-CORTIZAS, A.; MORENO, A.; PROHOM, M.; SAZ, M.A.; SERRANO, E.; TEJEDOR, E.; TRIGO, R.; VELERO-GARCÉS, B.; VICENTE-SERRANO, S.M. “The Little Ice Age in Iberian mountains”. Earth-Science Reviews, v. 177, p. 175-208, 2018. DOI: https://doi.org/10.1016/j.earscirev.2017.11.010

OLIVEIRA, Orlando de. Origens da Ria de Aveiro. Aveiro, Câmara Municipal de Aveiro, 1988.

OLIVEIRA, Miguel de. Ovar na Idade Média. Ovar, Câmara Municipal de Ovar, 1967.

ORTEGA, Pablo; LEHNER, Flavio; SWINGEDOUW, Didier; MASSON-DELMOTTE, Valerie; RAIBLE, Christof C.; CASADO, Mathieu; YIOU, Pascal. “A model-tested North Atlantic Oscillation reconstruction for the past millennium”. Nature, 523, p. 71-74, 2015. DOI: https://doi.org/10.1038/nature14518

PFISTER, C.; LUTERBACHER, J.; SCHWARZ-ZANETTI, G.; WEGMANN, M. “Winter air temperature variations in western Europe during the Early and High Middle Ages (AD 750-1300)”, The Holocene, 8, p. 535-552, 1998.

P.M.H. Portugaliae Monumenta Historica a saeculo octavo post Christum usque ad quintumdecimum iussu Academiae Scientarium Olisiponensis Edita. Diplomata et Chartae. Volvmen I, fascicvlvs I, Olisipone, Typis Academicis, 1867.

SANTOS, João A.; CARNEIRO, Maria F.; ALCOFORADO, Maria J.; LEAL, Sofia; LUZ, Ana L.; CAMUFFO, Dario; ZORITA, E. “Calibration and multi-source consistency analysis of reconstructed precipitation series in Portugal since the early 17th century”. The Holocene, v. 25, Issue 4, p. 1-14, 2015. DOI: https://doi.org/10.1177/0959683614566250

SILVA, Luís Pedro. O clima do Noroeste de Portugal (1600-1855): dos discursos aos impactos. Dissertação (Doutoramento em História) - Universidade do Porto. 2019.

SILVA, Maria João Violante Marques da. Aveiro Medieval. Aveiro: Câmara Municipal de Aveiro, 1991.

SILVA, Maria João Violante Marques da. Esgueira - A Vida De Uma Aldeia Do Século XV. Redondo: Patrimonia, 1994.

SOUTO, Alberto. Origens da Ria de Aveiro (Subsidio para o estudo do problema). In: Apontamentos sobre a geografia da Beira-Litoral. Vol. I. Aveiro: Livraria João Vieira da Cunha / Tipografia Minerva, 1923.

TROUET, Valérie; ESPER, Jan; GRAHAM, Nicholas E.; BAKER, Andy; SCOURSE, James D.; FRANK, David C. “Persistent Positive North Atlantic Oscillation Mode Dominated the Medieval Climate Anomaly”. Science, v. 324, nº 78, p. 78-80, 2009. DOI: https://doi.org/10.1126/science.1166349

VICENTE, Claudino Martins. “Evolução maregráfica e morfológica do canal de Mira da Ria de Aveiro”. Actas do 2o Simpósio sobre a Protecção e Revalorização da Faixa Costeira do Minho ao Liz. Porto, 1991, p. 65-85.

VISBECK, Martin H.; HURREL, James W.; POLVANI, Lorenzo; CULLEN, Heidi M. “The North Atlantic Oscillation: Past, present, and future”. PNAS, v. 98, nº. 23, p. 12876-12877, 2001. DOI: www.pnas.orgcgidoi10.1073pnas.231391598

Downloads

Publicado

2021-02-01

Como Citar

Pereira, O. N. A., Bastos, M. R., & Dias, J. A. (2021). E o clima deu à costa! Impacto do “Pequeno Ótimo Climático” e da “Pequena Idade do Gelo” na formação e evolução da laguna de Aveiro (Portugal). Ambiente &Amp; Educação, 25(3), 55–78. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i3.12286

Edição

Seção

Dossiê: Fenômenos ambientais costeiros em tempos de mudanças ambientais globais