A relação da Educação Ambiental com a Educação do Campo: aspectos identificados a partir de publicações em periódicos de Educação Ambiental

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i2.11328

Palavras-chave:

Educação Ambiental, Educação do Campo, Práticas educativas

Resumo

O presente estudo tem como objetivo analisar e categorizar a relação entre a Educação Ambiental e a Educação do Campo considerando as modalidades de educação e as dimensões epistemológica e prática das abordagens. Tendo a pesquisa bibliográfica como método de abordagem, foi realizado o levantamento de artigos em sete periódicos online de Educação Ambiental, submetendo-os à técnica de Análise Conteúdo. Os resultados apontaram que a relação da Educação Ambiental com a Educação do Campo ocorre de forma pragmática, reducionista e acrítica, o que representa um obstáculo para uma maior interação entre os campos, e, sobretudo, para a construção de um processo educativo que auxilie os indivíduos na compreensão da dinâmica socioambiental do meio rural onde estão inseridos. The relationship between Environmental Education and Rural Education: aspects from publications in Environmental Education journals The present study objective to analyze and categorize the relationship between Environmental Education and Rural Education considering the education modalities and the epistemological and practical dimensions of the approaches. Using bibliographic research as a method of approach, was carried out a survey of papers in seven online journals on Environmental Education, submitting them to the Content Analysis technique. The results showed that the relationship between Environmental Education and Rural Education occurs in a pragmatic, reductionist and uncritical, which represents an obstacle to greater interaction between the countryside, and, above all, for the construction of an educational process that helps individuals to understand the socio-environmental dynamics of the rural environment where they are inserted. Keywords: Environmental Education; Rural Education; Educational practices.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jonielton Oliveira Dantas, Universidade Federal de Sergipe

Aluno do Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente-PRODEMA/UFS; Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente-PRODEMA

Maria José Nascimento Soares, Universidade Federal de Sergipe

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Mestre em Educação pela Universidade Federal de Sergipe. Professora Associada ao Departamento de Educação - DED/UFS.

Marília Barbosa dos Santos, Universidade Federal de Sergipe

Aluna do Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente-PRODEMA/UFS; Mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente-PRODEMA

Referências

ANDREOLI, Vanessa Marion. MELLO, Lilian Medeiros de. A Educação Ambiental como articuladora dos saberes e fazeres do mar nas Escolas do Campo das Ilhas do litoral do Paraná. Ambiente & Educação - Revista de Educação Ambiental, Rio Grande, vol. 24, n. 2, dez. 2019. Disponível em: https://doi.org/10.14295/ambeduc.v24i2.9729. Acesso em: 14 de abr. de 2020.

BARCELOS, Valdo Hermes de Lima. Educação Ambiental: sobre princípios, metodologias e atitudes. 4. ed. – Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2012.

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. São Paulo, SP: Editora Edições 70, 2011.

BIDINOTO, Vanessa Minuzzi. TOMMASIELLO, Maria Guiomar Carneiro. A História oral de vida de moradores de um bairro rural do Estado de São Paulo: contribuições à Educação Ambiental. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental - REMEA, Rio Grande, v. 30, n. 1, p. 281-301, jun. 2013. Disponível em: https://periodicos.furg.br/remea/article/view/3548/0. Acesso em: 16 de abr. de 2020.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é educação. 28. ed. São Paulo: Brasiliense, Coleção primeiros passos, 1993.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica. Brasília: MEC, SEB, 2013. Disponível em: http://www.mec.gov.br. Acesso em: 22 de mar de 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação - LDB Lei nº 9394/96, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da Educação Nacional. Brasília: MEC, 1996. Disponível em: http://www.mec.gov.br. Acesso em: 22 de mar de 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Política Nacional de Educação Ambiental - PNEA - Lei nº 9.795/99, de 27 de abril de 1999. Estabelece a Política Nacional de Educação Ambiental. Brasília: MEC, 1999. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9795.htm. Acesso em: 20 de abr. 2020.

BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. Política Nacional de Meio Ambiente - Lei Federal nº 6.938/81, de 31 de agosto de 1981. Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente. Brasília: MMA, 1981. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L6938.htm. Acesso em: 24 de abr. de 2020.

CALDART, R. C. Por uma educação do campo: traços de uma identidade em construção. In. ARROYO, M., CALDART, R.S.; MOLINA, M.C. (Orgs). Por uma Educação do Campo. 4 Ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2009.

CAMARA, Lara Rita Albuquerque. et al. Qualidade de vida e percepção ambiental dos moradores de comunidades rurais em São Luís (MA). Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 14, n. 1, p. 263-274, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.34024/revbea.2019.v14.2557. Acesso em: 26 de abr. de 2020.

CARVALHO, Alderuth da Silva. et al. Educação ambiental no campo: enfatizando águas superficiais em uma escola do sudeste paraense. Educação Ambiental em Ação. n. 65, Ano XVII, nov. 2018. Disponível em: http://revistaea.org/artigo.php?idartigo=3383. Acesso em: 16 de abr. de 2020.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. As transformações na cultura e o debate ecológico: desafios políticos para a educação ambiental. In: NOAL, Fernando Oliveira. REIGOTA, Marcos. BARCELOS, Valdo Hermes de Lima. Tendências da Educação Ambiental Brasileira. Santa Cruz do Sul: Editora EDUNISC, 2000.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. Educação Ambiental e Movimentos Sociais: elementos para uma história política do Campo Ambiental. Educação: Teoria e Prática, Rio Claro, v. 9, n. 17, p. 46-56, dez. 2001. Disponível em: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educacao/article/view/1597. Acesso em: 20 de abr. de 2020.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. Educação Ambiental Crítica: nomes e endereçamentos da educação. In: LAYRARGUES, Philippe Pomier (Coord.). Identidades da Educação Ambiental Brasileira. Ministério do Meio Ambiente. Brasília, 2004.

COSTA, Cristiano Cunga. MAROTI, Paulo Sergio. Percepção ambiental de docentes em escola rural no Estado de Sergipe. Revista Monografias Ambientais - REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 11, n. 11, p. 2379-2388, abr. 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/223613087485. Acesso em: 16 de abr. de 2020.

COSTA, Cristiano Cunha. SANTOS, Maria Vanda dos. Percepção ambiental de alunos da modalidade de educação de jovens e adultos em assentamento rural. Revista Monografias Ambientais - REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 14, n. 2, p. 202-219, ago. 2015. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/index.php/remoa/article/view/18063. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

COSTA, Joanne Régis. et al. A percepção ambiental do corpo docente de uma escola pública rural em Manaus (Amazonas). Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, Rio Grande, v. 7, n. 1, p. 63-67, abr. 2012. Disponível em: http://revbea.emnuvens.com.br/revbea/article/view/2152. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

DIAS, Genebaldo Freire. Educação Ambiental: princípios e práticas. 9. Ed. São Paulo: Gaia, 2004.

DUARTE, Rosália. Pesquisa qualitativa: reflexões sobre o trabalho de campo. Cadernos de Pesquisa [online]. São Luís, n. 115, p. 139-154, mar. 2002. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0100-15742002000100005. Acesso em: 09 de abr. de 2020.

DUVOISIN, Ivane Almeida. A necessidade de uma visão sistêmica para a Educação Ambiental: Conflitos entre o Velho e o Novo Paradigmas. In: RUSCHEINSKY, Aloísio (Org). Educação Ambiental: Abordagens Múltiplas. Porto Alegre: Editora Artmed, 2002.

ECKERT, Natali Oliveira Santos. et. al. Percepção ambiental de estudantes da zona rural sobre a Reserva Biológica de Santa Isabel, Pirambu (SE). Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 12, n. 1, p. 43-57, mar. 2017. Disponível em: http://revbea.emnuvens.com.br/revbea/article/view/4891. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa, 28ª ed., São Paulo: Editora Paz e Terra, 1996.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1987.

GOHN, Maria da Glória. Educação Não-formal e Cultura Política: Impactos sobre o associativo do terceiro setor. v. 7, 2. ed. São Paulo: Editora Cortez, 2001.

GOHN, Maria da Glória. Educação Não-Formal na Pedagogia Social. In: Anais do Primeiro Congresso Internacional de Pedagogia Social. São Paulo, 2006. Disponível em: http://www.proceedings.scielo.br/scielo.php?pid=MSC0000000092006000100034&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 10 de abr. de 2020.

GUIMARÃES, Mauro. A dimensão ambiental na educação. 5.ed. Campinas, SP: Editora Papirus, 1995.

GUIMARÃES, Mauro. Educação Ambiental Crítica. In. LAYRARGUES, P.P. (Coord.). Identidades da Educação Ambiental Brasileira. Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2004.

HACK, Glauciéli Quevedo Pinheiro. WEBER, Liane de Souza. A educação ambiental como veículo de inclusão social na escola rural 21 de abril - linha rincão fundo - Panambi/RS. Revista Monografias Ambientais - REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 4, n. 4, p. 801-815, out. 2011. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/remoa/article/view/3956/2341. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

KLEIN, Angela Luciane. ELESBÃO, Ivo. SOUZA, Marcelino de. Propriedades rurais pedagógicas enquanto espaços educativos na promoção da Educação Ambiental. Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 13, n. 3, p. 194-208, ago. 2018. Disponível em: http://revbea.emnuvens.com.br/revbea/article/view/5240. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

KLEIN, Angela Luciane. TROIAN, Alessandra. SOUZA, Marcelino de. O turismo rural pedagógico e a educação ambiental: as ações pedagógicas desenvolvidas na fazenda Quinta da Estância Grande–Viamão (RS). Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental - REMEA, Santa Maria, v. 27, dez. 2011. Disponível em: https://periodicos.furg.br/remea/article/view/3197. Acesso em: 11 de abr. de 2020.

LAYRARGUES, Philippe Pomier. LIMA, Gustavo Ferreira da Costa. As macrotendências político-pedagógicas da educação ambiental brasileira. Ambiente & Sociedade [Online], São Paulo, v. 17, p. 23-40, mar. 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/asoc/v17n1/v17n1a03.pdf. Acesso em: 14 de abr. de 2020.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Editora Cortez, 1994.

LIBÂNEO, José Carlos. Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas. Educar em Revista, Curitiba, v. 17, n. 17, p. 153-173, jun. 2001. Disponível em: www.revistas.ufpr.br/educar/article/viewFile/2074/1726. Acesso em: 08 de abril de 2020.

LÍRIO, Elton John de. et. al. Agricultura sustentável: uma ferramenta para educação ambiental no campo. Revista Educação Ambiental em Ação. n. 46, fev. 2014. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=1695. Acesso em: 01 de abr. 2020.

LOPES, Paulo Rogério. et. al. Diagnóstico socioambiental: o meio ambiente percebido por estudantes de uma escola rural de Araras (SP). Pesquisa em Educação Ambiental, v. 6, n. 1, p. 139-155, 2011. Disponível em: https://doi.org/10.18675/2177-580X.vol6.n1.p139-155. Acesso em 02 de abr. de 2020.

LOPES, Sérgio Luiz (Org.). Práticas educativas na educação do campo: desafios e perspectivas na contemporaneidade. Boa Vista: Editora da UFRR, 2015.

MACHADO, Denise Lenise. GABRIEL, Alice Poche. MASSIA, João Pedro Capeleto. O trabalho da mulher do campo a partir da perspectiva da educação ambiental. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental - REMEA. Ed. Especial EDEA, n. 1, p. 128-138, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.14295/remea.v0i1.8568. Acesso em: 11 de abr. de 2020.

MALLMANN, Adaiana. CARNIATTO, Irene. PLEIN, Clério. A Educação Ambiental do ponto de vista das concepções de Desenvolvimento Sustentável na escola do campo. Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 15, n. 1, p. 44-61, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.34024/revbea.2020.v15.9469. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

MELO, Jeová Moraes de. SILVA, Luiz Rocha da. Ensino por investigação na educação do campo com práticas da educação patrimonial ambiental. Educação Ambiental em Ação. n. 67, Ano XVII, mai. 2019. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=3626. Acesso em: 13 de abr. de 2020.

MENEGAES, Janine Farias. et. al. Práticas de paisagismo em espaços de convivência social em Comunidades rurais e em centro de educação ambiental. Revista Monografias Ambientais - REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 15 n. 1. p. 381-392, 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/2236130819947. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

MESQUITA NETO, José Neiva. RIBEIRO, Francielle Pinto. MACHADO, Gleyce Alves. Educação Ambiental na escola rural: conhecimentos e ferramentas de aprendizado acerca dos mamíferos do cerrado. Revista Brasileira De Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 10, n. 3, p. 124-133, 2015. Disponível em: https://periodicos.unifesp.br/index.php/revbea/article/view/1921. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

MOLINA, Mônica Castagna. JESUS, Sônia Meire Santos Azevedo de. Contribuições para a construção de um Projeto de Educação do Campo. Articulação Nacional "Por Uma Educação do Campo”. Brasília, 2004.

PAIM, Robson Olivino. Educação Ambiental e agroecologia na educação do campo: uma análise de sua relação com o entorno produtivo. Revista Brasileira De Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 240-262, 2016. Disponível em: https://periodicos.unifesp.br/index.php/revbea/article/view/2152. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

PARANAGUÁ, Ismael. TEIXEIRA, Rogério Danieletto. LEMOS, Ediu Carlos Lopes. Uma análise preliminar da qualidade da água subterrânea no abastecimento de comunidades rurais de Conceição da Barra-ES. Educação Ambiental em Ação. n. 68, Ano XVIII, Ago. 2019. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=3728. Acesso em: 13 de abr. de 2020.

PITOMBEIRA, Rafael Soares de Souza. CASIMIRO FILHO, Francisco. ESMERALDO, Gema Galgani Silveira Leite. Educação Ambiental e a interdisciplinaridade em uma Escola do Campo. Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 13, n. 1, p. 213-226, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.34024/revbea.2018.v13.2485. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

POZO, Juan Ignácio. Aprendizes e Mestres: a nova cultura da aprendizagem. Tradução de Ernani da Fonseca Rosa. Porto Alegre: Editora ArtMed, 2002.

RAMOS, Daniel Nascimento. CASTOR, Kátia Gonçalves. Horta escolar como laboratório para ensino-aprendizagem de Ciências em uma escola do campo no interior de Aimorés-MG. Educação Ambiental em Ação. n. 70, Ano XVIII, mar. 2020. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=3885. Acesso em: 13 de abr. de 2020.

REIGOTA, Marcos. O que é educação ambiental. São Paulo: Editora Brasiliense, 1994.

REZENDE, Cristina Nogueira Vianna (et al). Percepção ambiental e a prática docente nas escolas do meio rural do município de Itapetinga-BA. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental - REMEA, Rio Grande, v. 23, p. 493-514, dez. 2009. Disponível em: https://periodicos.furg.br/remea/article/view/4573. Acesso em: 11 de abr. de 2020.

RUIZ, João Álvaro. Metodologia científica: guia para eficiência nos estudos. 5 ed. SP: Editora Atlas, 2002.

RUSCHEINSKY, Aloísio. COSTA, Adriane Lobo. A educação ambiental a partir de Paulo Freire. In: RUSCHEINSKY, Aloísio (Org.). Educação Ambiental: Abordagens Múltiplas. -2.ed. – Porto Alegre: Editora Penso, 2012.

SANSONOVICZ, Angela Maria Maboni. GACIOLI, Cibele Rosa. Educação ambiental pela implantação de uma horta orgânica em uma escola rural no município de Ijuí, RS. Revista Monografias Ambientais REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 14. Edição Especial. p. 126-132, 2015. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/223613087811. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

SANTOS, Divaney Mamédio. et al. Tipologias biofílicas na percepção sobre a caça em uma comunidade rural do recôncavo da Bahia: subsídios à Educação Ambiental para conservação da biodiversidade. Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 10, n. 2, p. 25-35, 2015. Disponível em: http://revbea.emnuvens.com.br/revbea/article/view/4581. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

SANTOS, Lilian Souza. TEIXEIRA, Marcos. A Educação Ambiental nas escolas da Serra da Jiboia (BA): possibilidades de contribuições com o projeto de educação do campo. Revista Brasileira de Educação Ambiental - RevBEA, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 385-399, 2016. Disponível em: https://doi.org/10.34024/revbea.2016.v11.2095. Acesso em: 15 de abr. de 2020.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 8.ed. Campinas: Autores Associados, 2003.

SCOTTO, G.; CARVALHO, I. C.M.; GUIMARÃES, L. B. Desenvolvimento sustentável. 5 ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2010.

SEVERINO, Antonio Joaquim. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Editora Cortez, 2007.

TOZZONI- REIS, Marília de Campos. Contribuições para uma pedagogia crítica na educação ambiental: reflexões teóricas. In: LOUREIRO, Carlos F. B. (org.). A questão ambiental no pensamento crítico. Rio de Janeiro: Editora Quartet, 2007.

VIOLA, Eduardo J. Movimento ecológico: a heterogeneidade política. Lua Nova, v.3, n.4, São Paulo, CEDEC, 1987. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ln/v3n4/a06v3n4.pdf. Acesso em: 09 de abr. de 2020.

WENTZ, Fabiane Malakowski de Almeida. Preservação das águas no meio rural e utilização de recursos didáticos para sensibilização ambiental: uma proposta para educadores ambientais. Revista Monografias Ambientais - REMOA/UFSM, Santa Maria, v. 5, n. 5, p. 1095-1106, 2012. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/223613087811. Acesso em: 12 de abr. de 2020.

Downloads

Publicado

2020-08-31

Como Citar

Dantas, J. O., Soares, M. J. N., & Santos, M. B. dos. (2020). A relação da Educação Ambiental com a Educação do Campo: aspectos identificados a partir de publicações em periódicos de Educação Ambiental. Ambiente &Amp; Educação, 25(2), 448–480. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i2.11328

Edição

Seção

Dossiê: Pesquisas e Práticas em Educação Ambiental e Educação do Campo