A educação ambiental realizada por fundações, institutos e empresas: uma análise a partir de seus materiais didáticos para professores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v24i1.7961

Palavras-chave:

Educação ambiental. Material didático. Teoria e métodos.

Resumo

Neste artigo objetivamos analisar a educação ambiental proposta por fundações, institutos e empresas através de seus materiais didáticos voltados para professores. Para isso, nos apoiamos nas construções para avaliações de materiais impressos e audiovisuais de Trajber e Manzochi (1996), Trajber e Costa (2001) e Carvalho et al. (1996). Consideramos que os materiais mantém relações superficiais entre os temas desenvolvidos, mostrando-se informativos. Definem a educação ambiental proposta, porém apresentam discrepâncias internas, privilegiando atividades e metodologias a serem utilizadas em detrimento da reflexão. Prevalece a percepção de educação ambiental enquanto sugestão, solução, metodologia e atividade, imprimindo uma dimensão instrumental e desconsiderando a produção social de problemas ambientais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Evelin Cunha Biondo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Licenciada e mestra em Geografia pelo Programa de Pós-graduação em Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Posgea/ UFRGS, doutoranda por este mesmo Programa. Professora do Colégio de Aplicação - CAP/ UFRGS.

Downloads

Publicado

2019-05-28

Como Citar

Biondo, E. C. (2019). A educação ambiental realizada por fundações, institutos e empresas: uma análise a partir de seus materiais didáticos para professores. Ambiente &Amp; Educação, 24(1), 75–92. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v24i1.7961

Edição

Seção

Artigos