Saberes e vivências na formação de educadores ambientais Amazônicos

Autores

  • Raimunda kelly silva gomes Universidade do Estado do Amapá
  • Vitor Sousa Cunha Nery Universidade do Estado do Amapá
  • Angela do Céu Ubaiara Brito Universidade do Estado do Amapá

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v22i2.7297

Palavras-chave:

saberes, educação ambiental, práxis educativa, Amazônia

Resumo

Este artigo teve como objetivo compreender os saberes docente como pilar para a formação de educadores amazônicos, apontando proposta para a inserção da educação ambiental em suas práxis educativas, a partir de uma vertente holística e/ou socioambiental. Os resultados mostram que que a implementação de uma estratégia pedagógica que possibilite a aproximação entre os educadores no ambiente escolar, talvez seja uma alternativa de integração das atividades curriculares com os saberes e vivências dos educandos, tendo o grupo focal como estratégia metodológica de aproximação e dialogo no ambiente escolar. Portanto, a EA no contexto escolar deve levar em conta a dinâmica de seus contextos socioambientais e culturais, entendendo os professores como profissionais que têm saberes e concepções construídas na práxis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raimunda kelly silva gomes, Universidade do Estado do Amapá

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Pará (2006). Atualmente é Mestre em Biologia Ambiental, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas Costeiros e Estuarinos, pela Universidade Federal do Pará, Campus Universitário de Bragança (2008), executando atividades de pesquisa junto ao Laboratório de Oceanografia Costeira e Estuarina. Tem experiência na área de Educação Ambiental, Gestão escolar, educação do campo, zoneamento ecológico econômico e de Ecologia de Ecossistemas Costeiros e Estuarino, atuando na Zona Costeira Amazônica. Tem desenvolvido atividades de pesquisa no Instituto de Pesquisa Cientifica e Tecnológica do Estado do Amapá. Atualmente é docente da Universidade do Estado do Amapá, curso de licenciatura em Pedagogia, e líder do grupo de pesquisa de integração socioambiental e educacional na Amazônia amapaense.

Vitor Sousa Cunha Nery, Universidade do Estado do Amapá

Doutorando em EDUCAÇÃO na Linha de Educação, Cultura e Sociedade (UFPA, 2016), Mestre em EDUCAÇÃO na modalidade sanduíche (UEPA/PUC-Rio, 2013), Especialista em GESTÃO ESTRATÉGICA DO CONHECIMENTO (UEPA, 2011), Graduado em Licenciatura Plena em PEDAGOGIA (UEPA, 2010) e Tecnologia em GESTÃO PÚBLICA (UNAMA, 2009). Atualmente atua como Professor efetivo da Universidade do Estado do Amapá (UEAP). Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação na Amazônia Amapaense (GEPEA-UEAP), Integrante do Núcleo de Estudos e Documentação em História da Educação e das Práticas Leitoras no Maranhão (NEDHEL). Membro da Cátedra Paulo Freire da Amazônia. Representante docente no Conselho Universitário-CONSU da UEAP. Associado a ANPEd (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação) e a SBHE (Sociedade Brasileira de História da Educação). Pesquisa os temas: História da Educação na Amazônia, Ensino de História e Educomunicação

Angela do Céu Ubaiara Brito, Universidade do Estado do Amapá

Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo- USP (2013), Mestre em Direito Ambiental e Políticas Públicas pela Universidade Federal do Amapá- UNIFAP (2008) e graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia pela Universidade Federal do Amapá- UNIFAP (1999). Líder do Grupo de Pesquisa Ludicidade, inclusão e Saúde (LIS). Membro do Grupo de Pesquisa Contextos Integrados de Educação Infantil, da Faculdade de Educação da USP (FEUSP). Consultora pedagógica em unidade escolar pública e privada. Coordenadora da sala ambiente Projeto Vivencial do curso de Especialização em Gestão Escolar da Universidade Federal do Amapá (Programa Escola de Gestores_ MEC). Avaliadora de projetos educacionais a nível de extensão e especialização doCentro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC). Atualmente é professora da Universidade do Estado do Amapá, atua no Colegiado de Pedagogia (UEAP). Presidente da Comissão Própria de Avaliação da Universidade do Estado do Amapá. Coordenadora dos Projetos de Extensão Formação do Educador da Infância (início em 2015); Ludicidade e Saúde (desde de 2014). Coordenadora da Brinquedoteca da Universidade do Estado do Amapá. Autora do livro Práticas de Mediação e o Brincar na Educação Infantil (ISBN: 978-85-8148-830-1) publicado pela editora Paco/SP2015. Tem experiência na área de Pesquisa da Infância e Educação Básica atuando, principalmente, nos seguintes temas: alfabetização e letramento, Jogos, brinquedos e brincadeiras, Formação de Professores e Política Públicas para a Infância.

Downloads

Publicado

2018-03-16

Como Citar

silva gomes, R. kelly, Nery, V. S. C., & Brito, A. do C. U. (2018). Saberes e vivências na formação de educadores ambientais Amazônicos. Ambiente &Amp; Educação, 22(2), 173–190. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v22i2.7297

Edição

Seção

Dossiê: Saberes, Práticas e Formação de Educadores(as) Ambientais