O efeito cultural sobre a interação homem - plantas comestíveis

Autores

  • Antonio Santos Jr Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia Campus Porto Velho Calama

Palavras-chave:

Domesticação de plantas, Comportamento humano, Plantas nativas e exóticas, Educação ambiental

Resumo

As pessoas não se questionam sobre a produção e comercialização de plantas comestíveis. Afinal, são alimentos que aprenderam a comer enquanto cresciam, sem relação aparente com o clima ou conservação das águas. A interação homem - plantas comestíveis tem muito a dizer a respeito da predominante visão utilitarista pelo qual o homem observa a natureza e isto explica o porquê das florestas tropicais serem substituídas por cultivos de soja. De fato, a história da interação homens-plantas comestíveis ainda está sendo escrita e as novas tecnologias, a mudança de comportamento e a globalização têm acrescentado novos capítulos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Santos Jr, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia Campus Porto Velho Calama

Biólogo, Doutor em Ecologia, Professor EBTT Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia Campus Porto Velho Calama

Downloads

Publicado

2014-07-25

Como Citar

Santos Jr, A. (2014). O efeito cultural sobre a interação homem - plantas comestíveis. Ambiente &Amp; Educação, 18(2), 83–92. Recuperado de https://periodicos.furg.br/ambeduc/article/view/3667

Edição

Seção

Artigos