Mudanças climáticas e ações individuais mitigadoras dos impactos em ambientes aquáticos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i3.12238

Palavras-chave:

Novas Comunidades. Rio Cuiá. Saneamento Básico. Fossa ecológica. ODS.

Resumo

As mudanças climáticas, com o aumento da temperatura do ar, afetam o funcionamento dos ecossistemas, principalmente dos aquáticos, que tendem a aumentar a eutrofização pela elevação da evaporação e dos processos metabólicos internos no sistema aquático. Sendo assim, ações que levem à melhoria da qualidade de água são essenciais, para poder-se manter os ecossistemas aquáticos e seus serviços ecossistêmicos. Para mitigar esses efeitos este trabalho visou duas ações e avaliar a percepção sobre o descarte e tratamento de esgoto de uma comunidade ribeirinha ao Rio Cuiá; para favorecer a sensibilização ambiental realizaram-se palestras e oficina de construção de fossa ecológica, um Círculo de Bananeiras, para diminuir a entrada de nutrientes no rio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luiza Raquel Fernandes Lima, Universidade Federal da Paraíba

Mestre em Desenvolvimento e Meio ambiente pela UFPB, Especializada em Auditoria e Perícia Ambiental, pela UNIPJP e, por fim, Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela UFPB. Engajada em Projetos que visam a recuperação ambiental por práticas sustentáveis. Atuou na Educação de Jovens (PROJOVEM/ 2015-2016) e no Departamento de Fiscalização da SEMAM/PMJP.

Maria Cristina Basílio Crispim, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)/ Docente

possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal da Paraíba (1987), doutorado em Ecologia e Biossistemática pela Universidade de Lisboa (1997) e pós doutorado na área de ecologia aplicada. Atualmente é professora Associada da Universidade Federal da Paraíba. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas, atuando principalmente nos seguintes temas: zooplâncton, semi-árido, biodiversidade, conservação de espécies, aquicultura, gestão ambiental, biorremediação, ecoturismo e educação ambiental. Realiza projetos de extensão junto a comunidades pesqueiras e rurais, na área de aquicultura familiar e construção de fossas ecológicas.

Referências

BASTOS, Ana Cristina de Almeida Cavalcante; BASTOS, Layanna de Almeida Gomes. As campanhas da fraternidade da igreja católica: um contributo para a formação de um pensamento ecológico integral no Brasil. Gaia Scientia, João Pessoa, v. 10, n. 4, p.482-496, 2016. Portal de Periódicos UFPB. http://dx.doi.org/10.21707/gs.v10.n04a37 .

BRASIL. Agenda Pública – Agência de Análise e Cooperação em Políticas Públicas. (Org.). Guia para a Municipalização dos Objetivos do Milênio: Referências para a adaptação de indicadores e metas à realidade local. São Paulo: Fuego Comunicação Criativa, 2009. 50 p. Disponível em: <http://www.odmbrasil.gov.br/arquivos/guia-de-municipalizacao>. Acesso em: 13 jan. 2017.

_____, Agência Nacional de Águas. Atlas esgotos: despoluição de bacias hidrográficas. Brasília: Agência Nacional de Águas, Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, 2017. 88 p. Disponível em: <http://atlasesgotos.ana.gov.br/>. Acesso em: 13 jan. 2019.

_____, Agência Nacional das Águas. Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil 2018: Informe Anual. Brasília: Ana, 2018. 72 p. Disponível em: <http://arquivos.ana.gov.br/portal/publicacao/Conjuntura2018.pdf>. Acesso em: 06 jul. 2019.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura de. Educação Ambiental: a formação do sujeito ecológico. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2008. 255 p. (Docência em Formação: problemáticas transversais).

CHAPIN III, F Stuart; KOFINAS, Gary. P; FOLKE, Carl (Ed.). Principles of Ecosystem Stewardship: Resilience-Based Natural Resource Management in s Changing World. New York: Springer Science Business Media, lcc, 2009. 409 p. Disponível em: <http://www.springer.com/cn/book/9780387730325>. Acesso em: 04 abr. 2017.

COSTA, Renata Geniany Silva; COLESANTI, Marlene Muno. A CONTRIBUIÇÃO DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL NOS ESTUDOS DAS ÁREAS VERDES. Raega - O Espaço Geográfico em Análise, Curitiba, v. 22, p.238-251, 26 jun. 2011. Universidade Federal do Paraná. http://dx.doi.org/10.5380/raega.v22i0.21774.

CONIC, Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil-. CF ECUMÊNICA. Disponível em: <https://www.conic.org.br/portal/cf-ecumenica>. Acesso em: 10 maio 2019

DIAS, Reinaldo. Gestão Ambiental: Responsabilidade Social e Sustentabilidade. 3. ed. – [3. reimpr.]. São Paulo: Atlas, 2019. Minha Biblioteca. Disponível em: https://integrada.minhabiblioteca.com.br/#/books/9788597011159/

CDMD, Comunidade Doce Mãe de Deus -. Quem Somos: Missão. Disponível em: <http://docemaededeus.org/quem-somos/>. Acesso em: 22 maio 2018.

ESTEVES, F. A.. Fundamentos de Limnologia. 2. ed. Rio de Janeiro: Interciência, 1998. 606 p.

FOLHA DE S.PAULO. Saiba como morreram os pacientes renais em Caruaru (PE). Folha de S. Paulo online. 08/04/2002. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u49009.shtml . Acesso: 05 de agosto de 2020.

FONSECA, B.M. Impactos de mudanças climáticas globais sobre algas e cianobactérias. Hieringeriana Brasília. v.6 (1): 49-51. 2012

FRANCISCO, Papa. Carta Encíclica Laudato Si. São Paulo: Editora Paulus e Editora Loyola Jesuítas, 2015.

FUSHITA, Angela Terumi et al. Caracterização do uso e ocupação do Parque Ecológico do Guarapiranga (São Paulo, SP) e seu entorno. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO - SBSR, 2011, Curitiba, Pr. Anais... . Curitiba, Pr: Inpe, 2011. p. 3071 - 3075.

LEFF, E. Complexidade, racionalidade ambiental e diálogo de saberes. Educação & Realidade. v.34, 2009, p.17-24

____, Enrique. Aventuras da Epistemologia Ambiental: da Articulação das ciências ao Diálogo de Saberes. São Paulo: Cortez, 2012. 132 p.

LIMA, José Ronaldo Oliveira; SANTOS, Érica Luana Nunes dos; MEDEIROS, Jassio Pereira de. SANEAMENTO E SAÚDE PÚBLICA: ANÁLISE DAS RELAÇÕES ENTRE INDICADORES NO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. Revista Metropolitana de Sustentabilidade: RMS, Natal, v. 7, n. 2, p.134-151, 2017. Quadrimestral. Disponível em: <http://www.revistaseletronicas.fmu.br/index.php/rms/article/view/1274>. Acesso em: 13 jun. 2017.

MORIN, Edgar. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento (tradução Eloá Jacobina). – 8. ed. -Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2003. 128 p.

OLIVEIRA, Jefferson Rodrigues de. VENI Creator Spiritus e o movimento de renovação carismática católica: estratégias espaciais de difusão da fé na pós-modernidade. Espaço e Cultura, Rio de Janeiro, n. 37, p.137-155, 30 jun. 2015. Universidade de Estado do Rio de Janeiro. http://dx.doi.org/10.12957/espacoecultura.2015.21942.

OLIVEIRA, Kleber Andolfato de; CORONA, Hieda Maria Pagliosa. A PERCEPÇÃO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA DE PROPOSTAS EDUCATIVAS E DE POLÍTICAS AMBIENTAIS. Revista Científica ANAP Brasil, v. 1, n. 1, p.53-72, 6 mar. 2011. ANAP - Associação Amigos de Natureza de Alta Paulista. http://dx.doi.org/10.17271/198432401120084.

PALMA, Ivone Rodrigues. Análise da Percepção Ambiental como Instrumento ao planejamento da Educação Ambiental. 2005. Dissertação (Mestrado) - Curso de Programa de Pós Graduação em Engenharia de Minas, Metalúrgica e Matérias - PPGEM, Escola de Engenharia, Universidade Federal de Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2005. 72 p.

PEDRINI, Alexandre de Gusmão; SAITO, Carlos Hiroo (Org.). Paradigmas metodológicos em educação ambiental. Petrópolis: Vozes, 2014. 278 p.

RODRIGUEZ, José Manuel Mateo; SILVA, Edson Vicente da. Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável: Problemática, Tendências e Desafios. 4. ed. Fortaleza: Expressão Gráfica e Editora, 2016. 244 p.

SÁNCHEZ, Luis Enrique. Avaliação de impactos ambiental: conceitos e métodos. 2 ed. São Paulo: Oficina de Textos, 2013. 584 p.

TEIXEIRA, Frei Celso Márcio (Org.). Fontes Franciscanas e Clarianas. 2. ed. Petrópolis: Vozes e FFB, 2008. 1996 p.

TERAMUSSI, Thais Motero. Percepção de estudantes sobre o Parque Ecológico do Tietê, São Paulo- SP. Dissertação (Mestrado em Ciência Ambiental), São Paulo: Universidade de São Paulo, 2008. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-05052008-132727/publico/ThaisMoreto.pdf. Acesso em: 15 jan. 2019

Downloads

Publicado

2021-02-01

Como Citar

Lima, L. R. F., & Crispim, M. C. B. (2021). Mudanças climáticas e ações individuais mitigadoras dos impactos em ambientes aquáticos. Ambiente &Amp; Educação, 25(3), 168–194. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i3.12238

Edição

Seção

Dossiê: Fenômenos ambientais costeiros em tempos de mudanças ambientais globais