<b>Educação não formal de adultos como espaço de constituição do sujeito</b>

Autores

  • Jussara Botelho Franco
  • Susana Inês Molon

Palavras-chave:

Educação não formal. Educação de adultos. Constituição do sujeito.

Resumo

O artigo reúne percepções da investigação realizada no ano de 2000, na cidade do Rio Grande, junto ao Projeto Integrar RS/Alimentação, promovido pela Federação dos Trabalhadores na Indústria da Alimentação do Estado do Rio Grande do Sul, que entre outras práticas educativas certificou o ensino fundamental a adultos, trabalhadores e trabalhadoras, (desempregados e empregados). O objetivo do estudo foi perceber como o espaço não formal oferecido educa os trabalhadores; se os submetendo à dominação exercida pelo capital ou possibilitando que construam um conhecimento próprio e necessário para o enfrentamento com a realidade posta pela classe dominante, dentro da luta de classes estabelecida, não para ajustar-se a ela, mas para superá-la, construindo novas relações sociais em que todos possam ao constituir-se como sujeito, exercer plenamente a sua humanidade. No sentido apontado, após situar os pesquisados em seu contexto sócio-histórico econômico e cultural procuro perceber em que medida essa vivência foi determinante como espaço mediador na constituição dos sujeitos, individual e coletivamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jussara Botelho Franco

Professora-colaboradora da Fundação Universidade Federal do Rio Grande. Doutoranda do Programa de Pós Graduação em Educação Ambiental da FURG.

Mais informações: Currículo Lattes

Susana Inês Molon

Possui graduação em Psicologia pela Universidade Católica de Pelotas (1988), mestrado em Psicologia (Psicologia Social) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1995) e doutorado em Psicologia (Psicologia Social) pela PUC/SP(2000).

Mais informações: Currículo Lattes

Downloads

Publicado

2010-03-29

Como Citar

Franco, J. B., & Molon, S. I. (2010). &lt;b&gt;Educação não formal de adultos como espaço de constituição do sujeito&lt;/b&gt;. Revista Didática Sistêmica, 5, 23–34. Recuperado de https://periodicos.furg.br/redsis/article/view/1231

Edição

Seção

Artigos