ERROS E DISTORÇÕES, HISTÓRICAS E CONCEITUAIS NOS LIVROS DIDÁTICOS DE FÍSICA, É PRECISO CONFRONTÁ-LAS? UM ESTUDO DE CASO

Airton Acácio Castilho Christófalo, José Roberto Boettgher Giardinetto, Sérgio Camargo, Osmar Henrique Moura da Silva, Tania Teresinha Bruns Zimer

Resumo


Este artigo constitui parte da pesquisa desenvolvida em nível de mestrado no ensino de ciências, e versa sobre uma análise de fundamentos e procedimentos estratégicos na abordagem e superação de erros e distorções conceituais contidas nos livros didáticos de física, se insere neste propósito, alguns aspectos da investigação em história da ciência direcionada ao ensino, uma área bem fundamentada e interdisciplinar. Apresenta uma breve exposição de textos de livros didáticos, contidas em amostra, ofertada aos estudantes das licenciaturas. A amostragem que é descrita nesses procedimentos da pesquisa histórica, tem por fins, verificar a qualidade das explicações sobre conceito de calor, essencialmente, comprometidas com as situações de conservação e transformação de energia, tal análise, os autores realizam por um estudo comparativo de fontes históricas primárias e secundarias, apontando erros e distorções nas obras didáticas e suas implicações institucionais da qualidade do ensino e compreensão dos temas para a aprendizagem dos alunos.

Palavras-chave


Historiografia; História da ciência; Pesquisa em Educação em Ciências; Livro Didático

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


REDSIS -Revista Didática Sistêmica,ISSN 1809-3108, Rio Grande/RS, Brasil. revdidaticasistemica@furg.br