EDUCAÇÃO DOS, PARA E PELOS TRABALHADORES: O JORNAL OPERÁRIO “O NOSSO VERBO” COMO FONTE PARA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO POPULAR (1918-1921)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/rds.v22i1.11650

Palavras-chave:

História da Educação, Educação Libertária, Anarquismo, Movimento Operário.

Resumo

Este trabalho apresenta a análise do jornal operário “O Nosso Verbo” para o entendimento do pensamento e da ação dos anarquistas na educação. Para tal intento recorre-se autores que analisaram a imprensa, como Tânia Luca, Jorge Jardim e Eliana Xerri. Ainda apoia-se em Silvio Gallo para a compreensão do pensamento anarquista sobre a educação. Far-se-á analise da materialidade deste jornal e seu conteúdo, de forma a contextualizar-lo. Objetiva-se mensurar a riqueza desse material para o estudo da História da Educação Libertária, suas particularidades e generalidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Furtado Gomes Riet Vargas, Escola Técnica Estadual Getúlio Vargas Escola Municipal de Ensino Fundamental Clemente Pinto

Bacharel e Licenciado em História (FURG), Mestre em Educação, linha de História e Filosofia da Educação (UFPel), professor da rede estadual do RS e da rede municipal de Rio Grande. Atualmente, vice-diretor na E.T.E. Getúlio Vargas

Rita de Cássia Grecco dos Santos, Universidade Federal do Rio Grande

Socióloga e Pedagoga, Doutora em Educação. Professora no Instituto de Educação e no Programa de Pós-Graduação em História do Instituto de Ciências Humanas e da Informação da Universidade Federal do Rio Grande

Downloads

Publicado

2021-02-05

Como Citar

Vargas, F. F. G. R., & dos Santos, R. de C. G. (2021). EDUCAÇÃO DOS, PARA E PELOS TRABALHADORES: O JORNAL OPERÁRIO “O NOSSO VERBO” COMO FONTE PARA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO POPULAR (1918-1921). Revista Didática Sistêmica, 22(1), 131–143. https://doi.org/10.14295/rds.v22i1.11650