INSTRUÇÃO POR INDICAÇÕES CIRCUNSTANCIAIS

UMA APLICAÇÃO NO ENSINO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.11390

Palavras-chave:

Ensino médio, indicações circunstanciais, discurso, educação científica.

Resumo

Os signos do tipo indicações circunstanciais ocorrem de maneira indireta durante a comunicação do professor, de modo a constituírem um tipo de signo colateral de auxílio ao significado das mensagens dos sinais efetuados por ele. Enquanto os sinais são signos comunicados explicitamente compondo o eixo principal do discurso, as indicações circunstanciais são transmitidas de forma tergiversada com a finalidade de refinar a compreensão das mensagens, tornando a aprendizagem mais significativa. O presente trabalho investiga a aplicação de uma instrução por indicações circunstanciais durante o estudo do consumo de energia elétrica de chuveiros em alunos do nível médio de ensino de uma escola da rede pública. Os resultados do episódio analisado indicam uma proposta de ensino e aprendizagem de interesse ao educador científico que leva em conta o modelo instrucional construtivista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

OSMAR HENRIQUE MOURA SILVA, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA

FÍSICO DO DEPTO DE FÍSICA DA UEL. DOUTOR EM EDUCAÇÃO PARA A CIÊNCIA PELA UNESP/BAURU.

CARLOS EDUARDO LABURU, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA

PROFESSOR ASSOCIADO DO DEPTO DE FÍSICA DA UEL. DOUTOR EM EDUCAÇÃO PELA USP/SAO PAULO.

Downloads

Publicado

2022-08-31

Como Citar

SILVA, O. H. M., & LABURU, C. E. (2022). INSTRUÇÃO POR INDICAÇÕES CIRCUNSTANCIAIS: UMA APLICAÇÃO NO ENSINO. Revista Didática Sistêmica, 24(1), 180–191. https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.11390

Edição

Seção

Artigos