Desafios sob perspectivas docentes: limitações para o desenvolvimento de Práticas Pedagógicas Integradas em meio a escolas.

Autores

  • Isadora Loch Sbeghen UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
  • Natacha da Silva Tavares UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
  • Elisandro Schultz Wittizorecki UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL

DOI:

https://doi.org/10.14295/rds.v19i1.7166

Palavras-chave:

Educação Física Escolar, Prática Docente, Práticas Pedagógicas Integradas, Trabalho Coletivo.

Resumo

Através do conceito de Práticas Pedagógicas Integradas, este estudo aborda distintos encontros disciplinares (trabalho coletivo, interdisciplinaridade, transdisciplinaridade e multidisciplinaridade) com o objetivo de analisar e interpretar as condições que permitem ou limitam a construção destas práticas no universo escolar sob a perspectiva de professores de Educação Física. Trata-se do recorte de um estudo qualitativo descritivo, no qual foram realizadas entrevistas individuais semiestruturadas com sete docentes de Educação Física de escolas de Passo Fundo/RS. A partir das análises identifica-se que as limitações frente a construção de Práticas Pedagógicas Integradas são relacionadas aos colegas de trabalho, ao planejamento e ao desenvolvimento destas propostas, compreende-se, também, que há uma busca dos docentes para construir condições que permitam a realização destas práticas, visto que estas podem possibilitar uma formação diferenciada aos docentes e alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-09-24

Como Citar

Sbeghen, I. L., Tavares, N. da S., & Wittizorecki, E. S. (2017). Desafios sob perspectivas docentes: limitações para o desenvolvimento de Práticas Pedagógicas Integradas em meio a escolas. Revista Didática Sistêmica, 19(1), 29–39. https://doi.org/10.14295/rds.v19i1.7166

Edição

Seção

Artigos