Videogame na escola: a utilização do videogame Xbox e o sensor de movimentos kinect como recurso didático e estímulo ao processo de aprendizagem nas aulas de Educação Física

Autores

  • Cristiano Santos de Ávila Universidade Federal do Rio Grande, FURG. Rio Grande/RS

Palavras-chave:

Educação, Educação Física, Exergames

Resumo

Neste texto os exergames são abordados como recurso didático nas aulas de Educação Física unindo exercício físico e videogame, podendo ser um novo recurso pedagógica onde a disseminação de conhecimentos tecnológicos propiciam o aprendizado dos conteúdos específicos da área. Sendo assim, aqui são apresentados resultados parciais de uma pesquisa que pretende responder a seguinte questão: Qual a percepção de alunos do último ano do ensino fundamental de uma escola pública da cidade de Rio Grande-RS, acerca da utilização do Xbox360 e o sensor de movimentos Kinect como recurso didático e estímulo ao processo de aprendizagem nas aulas de Educação Física? Para tal efetuou-se cinco intervenções com alunos que relataram suas percepções, respondendo à questionários semiestruturados. Neste trabalho, são apresentados e discutidos os primeiros resultados decorrentes das intervenções previstas pela pesquisa que apresentam alguns relatos afirmando a possibilidade de aprendizado de alguns conteúdos da Educação Física com o uso dos EXGs.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristiano Santos de Ávila, Universidade Federal do Rio Grande, FURG. Rio Grande/RS

Aluno do curso de Educação Física – Licenciatura, Universidade Federal do Rio Grande – FURG

Downloads

Publicado

2016-07-19

Como Citar

Ávila, C. S. de. (2016). Videogame na escola: a utilização do videogame Xbox e o sensor de movimentos kinect como recurso didático e estímulo ao processo de aprendizagem nas aulas de Educação Física. Revista Didática Sistêmica, 17(1), 38–50. Recuperado de https://periodicos.furg.br/redsis/article/view/5897

Edição

Seção

Artigo - GTT Escola