Mídia, governamento e meio ambiente: provocações sobre Educação Ambiental

Lorena Santos da Silva, Paula Corrêa Henning

Resumo


O presente artigo segue sua linha da análise a partir do conceito de governamento presente nos estudos de Michel Foucault (2008). Como material empírico utiliza três propagandas circulantes na televisão brasileira e internet no primeiro trimestre de 2016. Campanhas de conscientização a favor da diminuição ou eliminação dos criadouros do mosquito Aedes aegypti. Tais artefatos midiáticos como produtores de saberes que ensinam e educam certos modos de agir, representar e relacionar-se com o meio ambiente. As considerações deste artigo enxergam no uso da estatística, dos saberes produzidos nos artefatos midiáticos legitimados pelo discurso científico, técnicas de governamento que incidem nas condutas e sentidos tomados como indispensáveis para a manutenção e bem-estar da população.

Palavras-chave


Pedagogia Cultural; Michel Foucault; Educação Ambiental.

Texto completo:

PDF

Referências


AMBEV. Pior que água parada é você parado. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=zv58GBMX6IU. Acesso em: 22 dez. 2016

ANDRADE, Paula Deporte; COSTA, Marisa Vorraber. Usos e possibilidades do conceito de pedagogias culturais nas pesquisas em estudos culturais em educação. Textura, Canoas v. 17, n. 34, p. 48 – 63, mai./ago. 2015. Disponível em: http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/txra/article/view/1501. Acesso em: 22 dez. 2016

BRASIL. Ministério da Saúde. Campanha Zika Zero. 2016. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=TrECnGykCog. Acesso em: 22 dez. 2016 a

BRASIL. Ministério da Educação. Mobilização dos estudantes contra o vírus zika. 2016. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=_ef_rbv-Dqw. Acesso em: 22 dez. 2016b

CAMOZZATO, Viviane Castro; COSTA, Marisa Vorraber. Vontade de Pedagogia – Pluralização das pedagogias e condução dos sujeitos. In: Cadernos de Educação. N. 44. P. 22 – 44. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/caduc/issue/view/235. Acesso em: Acesso em: 22 dez. 2016

FEITOSA, Charles. O Silêncio dos Animais. In: LINS, Daniel; OLIVEIRA, Nilson; BARROS, Roberto (orgs.).Nietzsche/ Deleuze: Natureza/Cultura. 1 ed. São Paulo: Lumme Editor, 2011.

FOUCAULT, Michel. Segurança, Território e População: Curso dado no College de France(1977-1978). São Paulo: Martins Fontes, 2008.

________. Em defesa da sociedade: Curso dado no College de France (1975-1976). 2 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

________. Vigiar e Punir: nascimento da prisão. 41 ed. Petrópolis: Vozes, 2013.

________. Arqueologia do Saber. 8ª. Ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2015a.

________. Microfísica do poder. 2 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015 b.

GARRÉ, Bárbara Hees. O dispositivo da Educação Ambiental: modos de constituir-se sujeito na revista Veja. Rio Grande, 2015. 185 f. Tese (Doutorado em Educação Ambiental) – Universidade Federal do Rio Grande. Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental.

GODOY, Ana. O modelo da Natureza e a Natureza do modelo. In: São Paulo em Perspectiva. Vol 14. 2000. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-88392000000400015. Acesso em: 22 dez. 2016

GUATTARI, Félix. As três ecologias. 21ª ed. Campinas: Papirus, 2012.

GUIMARÃES, Leandro Belinaso; SAMPAIO, Shaula Maria Vicentini. Praticando Estudos Culturais em articulação com a Educação Ambiental. In: ZAKRZEVSKI, Sônia Balvedi; BARCELOS, Valdo. (Orgs.). Educação Ambiental e Compromisso Social. Erechim: EdiFAPES, 2004. P. 125 – 146.

GUIMARÃES, Leandro Belinaso. Imagens da sustentabilidade em um mundo sem ilhas. In: HENNING, Paula; RIBEIRO, Paula Regina; SCHMIDT, Elisabeth (Org.). Perspectivas de investigação no campo da educação ambiental & educação em ciências. Rio Grande: FURG, 2011.

HENNING, Clarissa Corrêa; LUVIELMO, Marisa de Mello; HENNING, Paula Corrêa. Meio Ambiente, prevenção e Seguridade: “A Hora do Planeta” sob análise. In: HENNIG, Paula Corrêa; GARRÉ, Bárbara Hees; LUVIELMO, Marisa de Mello (org). Biopolítica e Governamentalidade: modos de fazer e gerenciar a educação contemporânea. Rio Grande: FURG, 2010.

HENNING, Paula Corrêa. Provocações para este tempo... a educação ambiental e os atravessamentos midiáticos. In: PREVE, Ana Maria Hoerperset et. al. (orgs.). Ecologias inventivas: conversas sobre educação. Santa cruz do Sul, RS: EDUNISC, 2012.

LINDNER, Edson Luiz. Refletindo sobre o ambiente. In: LISBOA, Cassiano Pamplona; KINDEL, Eunice Aita Isaia (org). Educação Ambiental: da teoria à prática. Porto Alegre: Mediação, 2012

NOGUERA-RAMÍREZ, Carlos Ernesto. O governamento pedagógico: da sociedade do ensino para a sociedade da aprendizagem. Porto Alegre, 2009. 266 f. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.

REIGOTA, Marcos. O que é Educação Ambiental. 2ª ed. São Paulo: Brasiliense, 2014.

VEIGA-NETO, Alfredo. Coisa do governo... In: RAGO, Margareth; ORLANDI, Luiz B. Lacerda; VEIGA-NETO, Alfredo. Imagens de Foucault e Deleuze: ressonâncias nietzschianas. 2 ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2005. P. 13 – 34.

________. Foucault & a educação. 3ª ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2011.

WORTMANN, Maria Lúcia Castagna. A Educação Ambiental em perspectivas culturalistas. In.: CALLONI, H. e SILVA, P.R.G.C. (org). Contribuições à Educação Ambiental. Pelotas: Editora Universitária/UFPel, 2010. p. 13-37.

________. Por que se valer do cinema, da mídia, da literatura, da televisão para discutir a natureza/ambiente? In: ZAKRZEVSKI, Sônia Balvedi; BARCELOS, Valdo. (Org). Educação Ambiental e Compromisso Social. Erechim: EdiFAPES, 2004. p. 147-161.




DOI: https://doi.org/10.14295/momento.v26i1.6749

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


MOMENTO - Diálogos em Educação, E-ISSN 2316-3100, Rio Grande/RS, Brasil

PROPESQ
PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ