<b>O estágio curricular na formação de professores do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal de Pelotas</b>

Autores

  • Guilherme Cardoso
  • Juliana Hartleben da Costa
  • Rita de Cássia Morem Cóssio Rodriguez

Palavras-chave:

Reflexão sobre prática pedagógica, formação de professores, ensino de ciências.

Resumo

Este trabalho teve como objetivo analisar a importância do estágio curricular supervisionado na formação de professores de biologia, sob a óptica dos formandos 2010 em licenciatura em ciências biológicas da Universidade Federal de Pelotas. O estudo foi de caráter qualitativo, com base na análise de conteúdo dos questionários aplicados aos discentes formandos em licenciatura em biologia. A importância do estágio supervisionado é a referência para análise de conteúdo, além da necessidade de orientação durante a prática do estágio, e a construção de aprendizagens a partir das vivências escolares. De acordo com os resultados, o papel do estágio curricular supervisionado para os alunos formandos de licenciatura em ciências biológicas, é o momento de contato com a realidade escolar e está totalmente ligada a relação teoria e prática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Guilherme Cardoso

DOUTORANDO EM BIOTECNOLOGIA - UFPEL

Juliana Hartleben da Costa

Bióloga pela Universidade Federal de Pelotas, e Especializando-se em Educação pelo IFSul-Pelotas.

Rita de Cássia Morem Cóssio Rodriguez

Professora Adjunta Departamento de Botânica _ Ufpel

Downloads

Publicado

2012-05-25

Como Citar

Cardoso, G., da Costa, J. H., & Rodriguez, R. de C. M. C. (2012). &lt;b&gt;O estágio curricular na formação de professores do curso de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal de Pelotas&lt;/b&gt;. Momento - Diálogos Em Educação, 20(2), 67–79. Recuperado de https://periodicos.furg.br/momento/article/view/2435

Edição

Seção

Dossiê temático