Infância, religião e colonialidade: trajetórias de homens gays

Henrique Caetano Nardi, Robson Antônio da Silva Gonçalves

Resumo


A colonização do ser e do saber passaram pela imposição de um regime de verdade que construiu na América Latina a subalternização e o aniquilamento das cosmologias indígenas e dos negros escravizados. O saber de matriz cristã eurocêntrica foi progressivamente incorporado por meio de um tropo performativo pelo discurso científico a partir do final do século XVIII na Europa disseminando-se nas colônias do novo mundo. Os traços desse esquadrinhamento e hierarquização dos sujeitos pela passagem/acoplamento da religião-ciência construíram a cisheteronormatividade que atravessa os modos de subjetivação. Este ensaio toma narrativas de trajetórias de vida de sujeitos homossexuais identificados com a teologia cristã e relatos de membros da Igreja Cristã Contemporânea publicados na seção de “Testemunhos” da página virtual da instituição. A perspectiva teórica utilizada hibridiza conceitos da teoria descolonial, da genealogia foucaultiana e dos estudos queer.

Palavras-chave


homossexualidade; cristianismo; trajetórias de vida

Texto completo:

PDF

Referências


ARIÈS, Philippe. História social da infância e da família. Tradução: D. Flaksman. Rio de Janeiro: LCT, 1978.

BERGSON, Henri. La Pensée et le Mouvant. Paris: PUF, 1998.

BRAH, Avtar. Diferença, diversidade, diferenciação. Cad. Pagu, Campinas, n. 26, p. 329-376, junho 2006.

BUTLER, Judith. Problemas de gênero: feminismo e subversão da identidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

CARNEIRO, Aparecida. A construção do outro como não-ser como fundamento do ser. Tese (Doutorado em Educação). São Paulo: FEUSP, 2005.

COSTA, Jurandir Freire. História da Psiquiatria no Brasil: Um Corte Ideológico. Rio de Janeiro: Garamond, 1976.

FOUCAULT, Michel. Histoire de la Sexualité. v. I. La volonté de savoir. Paris: Gallimard, 1976.

FOUCAULT, Michel. Entretien avec Michel Foucault. In. Dits et Ecrits, v. IV. Paris: Gallimard, 1994.

FOUCAULT, Michel. Naissance de la biopolitique: cours au Collège de France (1978-1979). Paris: Gallimard-Ed. EHESS, 2004.

HEREK, Gregory M. Beyond "homophobia": Thinking about sexual stigma and prejudice in the twenty-first century. Sexuality Research and Social Policy. v.1, n. 2, p. 6-24, April 2004.

HERSHBERGER, Scott; D‟AUGELLI, Anthony. R. The impact of victimization on the mental health and suicidality of lesbian, gay and bisexual youth. Developmental Psychology. v.37, n.1, p. 65-74, January 1995.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2010. Disponível em: https://censo2010.ibge.gov.br. Acesso em: fevereiro de 2019.

LAQUEUR, Thomas. Making Sex: Body and Gender From the Greeks to Freud. Harvard University Press, 1990.

LUGONES, María. Rumo a um feminismo descolonial. Estudos Feministas. v. 23, n. 3, p. 935-952, set./dez. 2014.

MIGNOLO, Walter. A colonialidade de cabo a rabo: hemisfério ocidental no horizonte conceitual da modernidade. In: LANDER, Edgardo. (Org.). A colonialidade do saber: eurocentrismo e ciências sociais – perspectivas latino-americanas. Buenos Aires: Clacso, 2005, p. 33-49.

NARDI, Henrique Caetano. Nas bordas do humano: lutas pelo reconhecimento e capturas identitárias. In: RODRIGUES, Alexsandro; DALLAPICULA, Catarina C; FERREIRA, Sérgio Rodrigo da S. (Eds). Transposições: lugares e fronteiras em sexualidade e educação. Vitória, Edufes, 2014, p. 213-225.

NATARELLI, Taison Regis Penariol et al. O impacto da homofobia na saúde do adolescente. Esc. Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 19, n. 4, p. 664-670, 2015.

SAVIN-WILLIAMS, Ritch C. Verbal and physical abuse as stressors in the lives of lesbian, gay male and bisexual youth. Journal of Consulting and Clinical Psychology, v. 62, n. 2, p. 261-269, 1994.

QUIJANO, Aníbal. Colonialidad del poder, eurocentrismo y América Latina. In: LANDER, Edgardo. (Ed.)., La Colonialidad del saber: Eurocentrismo y Ciencias Sociales. Perspectivas Latinoamericanas. Caracas: Clacso, 2000, p. 201-245.

VERDIER, Éric; FIRDION, Jean-Marie. Homosexualités & suicide. Les jeunes face à l ́homophobie. Études, témoignages et analyse. Paris: H & O Ed, 2003.




DOI: https://doi.org/10.14295/momento.v28i1.8765

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


MOMENTO - Diálogos em Educação, E-ISSN 2316-3100, Rio Grande/RS, Brasil

PROPESQ
PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ