O cabelo de lelê: reflexões sobre educação, cultura e identidade

Agnaldo Mesquita de Lima Junior, Gionara Tauchen

Resumo


A partir da obra “Os cabelos de Lelê”, o presente trabalho busca refletir sobre os pressupostos educativos contidos na obra, focando-se no debate sobre a formação e descoberta de identidades e erotização infantil através do matrimônio. A ideia central é mostrar como as diferentes vontades de pedagogia funcionam na condução de sujeitos, utilizando-se do conceito foucaultiano de governamento, e, além disso, mostrar como essas diferentes vontades se articulam com a cultura contemporânea.

Palavras-chave


Identidade. Cultura. Educação. Governamento.

Texto completo:

PDF

Referências


BAMBI, Lisete. Governo, subjetivação e resistência em Foucault. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 27, n. 1, p. 127-150, jan./jun. 2012.

BITTAR, Eduardo Carlos Bianca. Família, sociedade e educação: um ensaio sobre individualismo, amor líquido e cultura pós-moderna. Revista da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, São Paulo, v. 102, p. 591-610, jan/dez. 2007.

CAMOZZATO, Viviane Castro. Entre a pedagogia legisladora e as pedagogias intérpretes. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 20 n.61, p. 501-5017, abr/jun, 2015.

______. Pedagogias do Presente. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 39, n. 2, p. 573-593, abr./jun. 2014.

CAMOZZATO, Viviane Castro; COSTA, Marisa Vorraber. Vontade de pedagogia – pluralização das pedagogias e condução dos sujeitos. Cadernos de Educação – Faculdade de Educação - UFPEL, Pelotas, n. 44, p. 22-44, jan./abr. 2013.

COSTA, Marisa Vorraber. Sobre as contribuições das análises culturais para a formação dos professores do início do século XXI. Educar, Curitiba, n.37, p. 129-152, maio/ago, 2010.

COSTA, Marisa Vorraber; SILVEIRA, Rosa Hessel; SOMMER, Luis Henrique. Estudos culturais, educação e pedagogia. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n.23, p. 36-61, maio/ago, 2003.

LIMA JUNIOR, Agnaldo Mesquita de; FREITAS, Santiago Bretanha. Um grito de negritude: Experiências na formação de leitores/escritores no Programa Mais Educação. Conexões Culturais, Jaguarão, v. 1 n. 02, p. 12-20, 2015.

LOURO, Guacira Lopes. Gênero, sexualidade e educação: uma perspectiva pós-estruturalista. 6. Ed. Petrópolis: Vozes, 2003.

FELIPE, Jane; GUIZZO, Bianca Salazar. Erotização dos corpos infantis na sociedade de consumo. Pro-posições, Campinas, v. 14, n. 3(42), p. 119-130, set/dez. 2003.

FISCHER, Rosa Maria Bueno. Foucault e a análise do discurso em educação. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 114, p.197-223, nov. 2001.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade I: a vontade de saber. 13. Ed. Rio de Janeiro: Graal, 1999.

______, Michel. Microfísica do Poder. 17. Ed. Rio de Janeiro: Graal, 2002.

______, Michel. Arqueologia do Saber. 7. Ed. Rio de Janeiro: Forense, 2008.

______, Michel. História da sexualidade III: o cuidado de si. 10. Ed. São Paulo: Graal, 2009a.

______, Michel. Do governo dos vivos: Curso no Collège de France, 1979-1980: aulas de 09 e 30 de janeiro de 1980. tradução, transcrição e notas Nildo Avelino. – São Paulo: Centro de Cultura Social, 2009b.

FURLANI, Jimena. O bicho vai pegar! – Um olhar pós-estruturalista à educação sexual a partir de livros paradidáticos infantis. 2005, 197f. (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Porto Alegre, RS. 2005. [Online].

GUIZZO, Bianca Salazar; BECK, Dinah Quesada. Corpo, Gênero, erotização e embelezamento na infância. Textura, Canoas, n. 24, p. 16-36 jul/dez. 2011.

GOUVÊA, Maria Cristina Soares. Imagens do negro na literatura infantil brasileira: análise historiográfica. Educação e Pesquisa, São Paulo, v.31, n.1, p. 77-89, jan./abr. 2005.

ICLE, Gilberto. Pedagogia teatral como cuidado de si : problematizações na companhia de Foucault e Stanislavski. In: 30ª Reunião Anual da Anped, 2007, Caxambu, PR. CD-ROM. p. 1-16

NYAMIEN, Francy Rodrigues da Guia. Educação e identidade étnico-racial. In: 1º Simpósio Nacional de Educação; XX Semana da Pedagogia, 2008, Cascavel, PR. Anais. p. 1-15

SAFFIOTI, Heleieth Iara Bongiovani. O poder do macho. São Paulo: Moderna, 1987.

WESCHENFELDER, Viviane Inês. A produção do sujeito negro: uma analítica das verdades que circulam em Venâncio Aires – RS. 2012, 172f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS. São Leopoldo. 2012. [Online].




DOI: https://doi.org/10.14295/momento.v26i2.6525

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




MOMENTO - Diálogos em Educação, E-ISSN 2316-3100, Rio Grande/RS, Brasil

PROPESQ
PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ