Imagens do carnaval na colônia africana: identidade e representação do real

Autores

  • Alexandre Barcelos Silveira PUCRS
  • Margaret Marchiori Bakos PUCRS

Palavras-chave:

Fotografia. Carnaval. Símbolos. Representações.

Resumo

Este artigo procura situar e identificar um dos espaços negros de Porto Alegre na primeira metade do século XX, território denominado pela imprensa da época como “Colônia Africana”. As suas representações imagéticas e as festividades, no caso, o Carnaval, é o aspecto a ser analisado a partir de fotografias da época, coletadas da família de um ex-morador da referida região, o Sr. Jayme Moreira da Silva, nascido em 1915. Nessas imagens, repletas de memórias, observaremos os trajes da época, os elementos simbólicos e a produção das fotografias, analisando os seus significados culturais, dentro e fora daquela cultura, e de que forma esses aspectos fortalecem ou descrevem a comunidade da Colônia Africana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre Barcelos Silveira, PUCRS

Especialista em Cultura Afro-Brasileira pela FAPA e Mestrando em História pelo PPGH-PUCRS.

Margaret Marchiori Bakos, PUCRS

Doutora em História pela Universidade de São Paulo; pós-doutora pela University College London; professora da PUCRS.

Downloads

Publicado

2014-05-14

Como Citar

Silveira, A. B., & Bakos, M. M. (2014). Imagens do carnaval na colônia africana: identidade e representação do real. Momento - Diálogos Em Educação, 22(2), 65–86. Recuperado de https://periodicos.furg.br/momento/article/view/4407