Estilos de vida e velocross: uma investigação com pilotos do Rio Grande do Sul

Autores

  • Nicole Manzke Souza FURG
  • Luiz Felipe Alcantara Hecktheuer FURG
  • Billy Graeff Bastos FURG

Palavras-chave:

Velocross, Estilos de vida, Habitus

Resumo

Neste estudo foi investigado o universo do velocross, procurando entender como se constituíram as trajetórias de seus sujeitos, entre outras questões. Tendo como campo de estudo o Campeonato Gaúcho de Velocross 2013, a partir do conceito de Estilos de Vida de Pierre Bourdieu. O trabalho visa compreender e encontrar respostas para inquietudes advindas da prática nesta modalidade esportiva, através de entrevistas com pilotos. Sendo assim, são apresentados cinco temas que surgiram a partir dos dados produzidos nas entrevistas: contato, lazer/trabalho, família/medo, patrocínio e paixão. Tais temas, a cerca dessa prática, são colocados em diálogo com Pierre Bourdieu.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nicole Manzke Souza, FURG

Graduação em Educação Física Licenciatura, Universidade Federal do Rio Grande

Luiz Felipe Alcantara Hecktheuer, FURG

Professor Doutor Universidade Federal do Rio Grande – Curso de Educação Física

Billy Graeff Bastos, FURG

Professor Mestre Universidade Federal do Rio Grande – Curso de Educação Física

Downloads

Publicado

2015-09-02

Como Citar

Souza, N. M., Hecktheuer, L. F. A., & Bastos, B. G. (2015). Estilos de vida e velocross: uma investigação com pilotos do Rio Grande do Sul. Revista Didática Sistêmica, 16(1), 136–151. Recuperado de https://periodicos.furg.br/redsis/article/view/5217

Edição

Seção

Artigo - GTT Corpo, Cultura e Sociedade