ADENTRANDO ESPAÇOS ESCOLARES: ANÁLISE DE DISSERTAÇOES EM PROGRAMA DE MESTRADO EM EDUCAÇÃO SEXUAL

Autores

  • Pâmela Cian da Cruz Bengozi UNESP/FCLAR campus Araraquara-SP https://orcid.org/0000-0002-2052-8027
  • Ricardo Desidério da Silva UNESP/FCLAR campus Araraquara-SP

DOI:

https://doi.org/10.14295/de.v7i1.9007

Resumo

A sexualidade, proposta como tema transversal pelo PCN (BRASIL, 1997), ainda é rodeada por tabus e preconceitos, dos quais precisam ser desmistificados. Entretanto, existem avanços significativos que contribuem de forma positiva para os alunos, visando uma Educação Sexual emancipatória e responsável, que possibilite ao aluno ser um sujeito ativo frente a sua própria sexualidade. Pensando nisso, buscou-se analisar a partir de uma pesquisa do Estado da Arte as produções acadêmicos-científicas em 36 (trinta e seis) Dissertações de Mestrado na área da Educação Sexual. Para tanto, a escolha se deu no Mestrado em Educação Sexual da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP, primeiro Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação Sexual no Brasil. Apontando assim, para os progressos ocorridos em sala de aula, bem como a repercussão construída, que poderão servir de base para o aprimoramento de novos estudos e pesquisas no campo da Educação Sexual.

PALAVRAS-CHAVE: Sexualidade. Escola. Educação sexual. Dissertações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pâmela Cian da Cruz Bengozi, UNESP/FCLAR campus Araraquara-SP

Mestranda em Educação Sexual pela Unesp - Araraquara, SP. Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Paraná - campus Apucarana. Atualmente é professora na Educação Infantil da Prefeitura Municipal de Apucarana. Integrante do grupo GEFES - Formação de Educadores Sexuais - Supervisora (2017)

Ricardo Desidério da Silva, UNESP/FCLAR campus Araraquara-SP

Doutor em Educação Escolar na linha de pesquisa em Sexualidade, Cultura e Educação Sexual pela UNESP/Araraquara. Pós-doutorando junto ao Núcleo de Estudos da Sexualidade (NUSEX, UNESP, Araraquara). Pedagogo e também Licenciado em Ciências e Matemática. Mestre em Educação para a Ciência pela Universidade Estadual de Maringá-PR.

Referências

AUGUSTINI, Érica Rodrigues do Nascimento. Contos de fadas no Ensino Fundamental I: analisando os recursos empregados e as estratégias que podem ser adotadas pelas/os docentes na desconstrução de estereótipos sexistas. 235f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

BERTOLINI, Débora Brandão. Sexualidade e adolescência: rodas de conversa e vivências em uma escola de ensino fundamental / 2015 104f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

BORGES, Rita de Cassia Vieira. Educação em sexualidade, sexualidade e gênero: desafios para professoras(es) do Ensino Infantil – 2017. 190f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2017

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: introdução aos parâmetros curriculares nacionais / Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997. 126p. 1. Parâmetros curriculares nacionais. 2. Ensino de primeira à quarta série. I. Título. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/livro01.pdf B823p. Acesso em: 05/10/17.

CARVALHO, Ana Márcia de Oliveira. Vozes masculinas no cotidiano escolar: desvelando relações de gênero na educação infantil sob a perspectiva fenomenológica de Alfred Schutz. 2015. 148f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

FERREIRA, Gabriella Rossetti. Cursos de Formação em Educação Sexual que empregam as Tecnologias Digitais / Gabriella Rossetti Ferreira.– 2015. 150f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) – Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências e Letras, Campus de Araraquara. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

FERREIRA. Norma Sandra de Almeida. As pesquisas denominadas “estado da arte”. Educação & Sociedade, 79, ano XXIII, ago, CEDES, Campinas – SP, 2002.

______. A produção teórica no Brasil sobre educação sexual. Cadernos de Pesquisa, n. 98. São Paulo, ago., pp. 50-63, 1996.

FIGUEIRÓ, Mary Neide. Educação Sexual no dia a dia. Londrina: o autor, 1999.

FIRMINO. Flávio Henrique. Educação Sexual de crianças e adolescentes em abrigos: o lugar do educador. 2017. 114f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2017

LUCIFORA, Cristiane de Assis. A reprodução das desigualdades de gênero nos contos de Fadas/Maravilhosos como marcas circunscritas na educação infantil – 2017. 172 f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2017

MANZINI, Beatriz Rodrigues Kavahara. O professor de educação física no processo de exteriorização da sexualidade das crianças a partir das manifestações corporais, à luz dos pensamentos de Bourdieu. 2017 – 62f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2017

MOREIRA, Daniela Arroyo Fávero. Compreendendo a sexualidade infantil nas relações de gênero: o lúdico como estratégia educativa/ 2015, 124 f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

PALIARIN, Franciely. Sexualidade e Deficiências: dando vozes aos adolescentes por meio de oficinas pedagógicas – 2015, 117f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

PONGELUPPE, Maria Angélica Brizolari. A mídia e a infância: da exposição aos reflexos na escola no tocante à sexualidade – 2016. 238f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2016

RAPATÃO, Andréia Serrano Cayres. Educação sexual, saúde e sexualidade: (re) significando as relações entre pais e filhos. 2015. 119f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

RUIS, Fernanda Ferrari, Ser menino ou menina na Educação Infantil: um entrelaçamento entre vozes – 2015, 224f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

SILVA, Ricardo Desidério da. Educação em ciência e sexualidade: o professor como mediador das atitudes e crenças sobre sexualidade no aluno. 2009. 123f. Dissertação (Mestrado em Educação para a Ciência e o Ensino de Matemática) – Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Exatas, UEM, 2009.

______. Educação Audiovisual da Sexualidade: olhares a partir do Kit Anti-Homofobia. 2015, 144 f. Tese (Doutorado em Educação Escolar). Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara-SP, 2015.

ROCHA, Anne Kariny Lemos. O jogo pedagógico como instrumento para educação sexual de facilitadores e estudantes jovens: análise do material “em seu lugar”. 2015. 166f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015.

ZOCCA, Adriana. A educação sexual e suas entrelinhas nas concepções dos gestores / Adriana Zocca. – 2015. 78f. Dissertação (Mestrado em Educação Sexual) Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, Campus de Araraquara-SP. 2015

Downloads

Publicado

2019-09-11

Como Citar

Bengozi, P. C. da C., & Silva, R. D. da. (2019). ADENTRANDO ESPAÇOS ESCOLARES: ANÁLISE DE DISSERTAÇOES EM PROGRAMA DE MESTRADO EM EDUCAÇÃO SEXUAL. Diversidade E Educação, 7(1), 205–226. https://doi.org/10.14295/de.v7i1.9007