“DE LEIGA À RAINHA, CADA DIA MAIS DESTRUIDORA”: O ITINERÁRIO DO PROJETO EDUCAÇÃO, GÊNERO E SEXUALIDADE - PEGS

Autores

  • Jonas Mateus Ferreira Araújo Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA
  • Wanderson Diogo Andrade da Silva Universidade Federal do Ceará https://orcid.org/0000-0002-9583-0845

DOI:

https://doi.org/10.14295/de.v6i2.8500

Resumo

O presente relato é fruto do Projeto Educação, Gênero e Sexualidade – PEGS, que consistiu em uma pesquisa-ação desenvolvida durante os anos de 2015 a 2017 no colégio Liceu de Iguatu - CE, o qual objetivou compreender como se davam as relações de gênero e sexualidade na escola, buscando fornecer elementos para a superação das desigualdades historicamente construídas e ali existentes, fosse entre estudante ou professores/as. Para tal, realizou-se uma série de ações durante os três anos de projeto possibilitando a construção de um espaço educativo mais democrático, menos opressor e aberto à diversidade sexual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jonas Mateus Ferreira Araújo, Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA

Licenciado em Letras - Português (UECE), bacharel em Serviço Social (IFCE), especialista em Literatura, Cultura e Ensino da Arte (UCAM), mestrando interdisciplinar em estudos latino-americanos (UNILA). É professor efetivo de língua portuguesa do colégio Liceu de Iguatu Dr. José Gondim. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa, atuando principalmente nos seguintes temas: educação e emancipação, português brasileiro e educação, relações sociais de sexo/gênero e sexualidade.

Wanderson Diogo Andrade da Silva, Universidade Federal do Ceará

Mestrando em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará (PPGE/UFC) com bolsa Funcap,
licenciado em Química (IFCE-2015), especialista em Educação, Pobreza e Desigualdade Social (UFC-2017) e
Orientação e Mobilidade (IFCE-2017). Atuou como professor substituto de Educação Especial da Universidade Estadual do Ceará (UECE/Fecli), é integrante do Grupo de Pesquisa em Educação, Letras e Linguística - GPel (IFCE-Iguatu/CNPq) e do Grupo de Estudos e Pesquisa em Ensino de Ciências (GEPENCI-PPGE/UFC/CNPq). Tem experiência na área de Química, com ênfase em Educação Química e Diversidade na Escola, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Especial e Inclusiva, deficiência visual, formação de professores/as de Química e de Ciências frente as necessidades educacionais da atualidade. Parecerista ad hoc de revistas científicas.

Referências

HELLER, A. O cotidiano e a história. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

PICHARDO, C. O. Hacia la construcción de um feminismo descolonizdo. In: MINOSO, Y. E.; CORREAL, D. G.; MUNOZ, K. O. Tejiendo de outro modo: feminismo, epistemologias e apuestas descoloniales em Abya Yala. Editorial Universidad del Cauca, Cauca, 2014.

TRIP, D. Pesquisa-ação: uma introdução metodológica. Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 31, n. 3, p. 443 – 466, set/dez. 2005.

Downloads

Publicado

2019-02-07

Como Citar

Ferreira Araújo, J. M., & Andrade da Silva, W. D. (2019). “DE LEIGA À RAINHA, CADA DIA MAIS DESTRUIDORA”: O ITINERÁRIO DO PROJETO EDUCAÇÃO, GÊNERO E SEXUALIDADE - PEGS. Diversidade E Educação, 6(2), 177–183. https://doi.org/10.14295/de.v6i2.8500

Edição

Seção

Cotidiano da Escola