Discursos Entrecruzados: gênero e sexualidade nas aulas de Português e Espanhol

Ana Paula Vieira de Andrade Assumpção, Silvia Garcia de Freitas

Resumo


A importância de discutir, em sala de aula, temáticas relacionadas a gênero, à sexualidade, à identidade dá-se pelo simples fato de que vivemos em uma sociedade em que a diversidade existe, mas que é frequentemente desrespeitada, violando, dessa maneira, os direitos humanos e despromovendo a cidadania.  Isso significa que é dever dos aparelhos de Estado – Instituição família, Instituição escola e Estado – promover ações que possibilitem a consolidação de uma sociedade democrática, a desestabilização do sexismo, da homofobia ou de qualquer outro tipo de preconceito.  Por isso, afetadas pelo o lugar que ocupamos – o de educadoras – e pelo desejo de estimular a reflexão em sobre tais questões, inscrevemo-nos no projeto "Escolas Promotoras da Igualdade de Gênero", promovido pelo GESE, que nos ofereceu subsídios para desenvolvermos um bom trabalho com os terceiros anos do Ensino Médio.

 


Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, Roland. A câmara clara: nota sobre a fotografia. Tradução de Júlio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984.

GARCIA, Wilton. Corpo, mídia e representação: estudos contemporâneos. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.

PERROT, Michelle. Minha história das mulheres. Tradução de Angela M. Côrrea. 2ª ed. São Paulo: Contexto, 2016.




DOI: https://doi.org/10.14295/de.v5i2.7621

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


E-ISSN: 2358-8853

Indexadores
  

PROPESQ

PROPESQ

PROPESQ PROPESQ PROPESQ