A TRAJETÓRIA DOCENTE DE MULHERES QUE LECIONAM CIÊNCIAS DA NATUREZA: OS DESAFIOS DA DOCÊNCIA

Autores

  • Gardenia Oliveira Muniz UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA
  • Talamira Brito Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Resumo

A partir das análises realizadas numa pesquisa de mestrado que teve como título: Narrativas de Professores de Ciências sobre o Mal Estar Docente: Trajetória, Adoecimento e Permanência, defendida em 2018, destacamos alguns resultados em torno da trajetória docente de mulheres e sua permanência na docência. Como objetivo analisamos como as demandas da docência implicaram na vida dessas mulheres e suas escolhas. Construímos uma pesquisa qualitativa, empregando o método (auto) biográfico, que recorre à história de vida como processo de investigação de si. Foram utilizadas as narrativas escritas das colaboradoras através do uso de uma Caixa de Memória para discutir sobre o trabalho docente de mulheres, que se apresentaram sobrecarregadas e adoecidas diante das demandas do seu cotidiano. Percebe-se que as mulheres, historicamente, vivenciam contradições de gênero e acúmulos de tarefas em sua rotina profissional e doméstica, atingindo a sua disposição, entusiasmo pela vida e trabalho e até mesmo sua saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-05-23

Como Citar

Oliveira Muniz, G., & Rodrigues Brito, T. T. . (2021). A TRAJETÓRIA DOCENTE DE MULHERES QUE LECIONAM CIÊNCIAS DA NATUREZA: OS DESAFIOS DA DOCÊNCIA. Diversidade E Educação, 9(Especial), 128–154. Recuperado de https://periodicos.furg.br/divedu/article/view/12677

Edição

Seção

N. Especial: Tecituras em Redes de Discussões e Afetos: interface..