Aspectos favoráveis do exercício físico no controle das patofisiologias provocadas pelo estresse crônico

Gabriela Nilson, Sandra Godinho Lagaron Marques, Daiciany Espírito Santo Lima, Karen Pagliani Pereira

Resumo


Atualmente, o estresse é considerado como “o mal do século” por desencadear um processo patológico em cadeia. Entre as alterações metabólicas induzidas pelo estresse crônico encontramos: hipertensão, dislipidemia, obesidade central, diabete mellitus, arteriosclerose coronariana et. Sedentarismo, dieta inadequada, tabagismo, consumo excessivo de álcool também são fatores de risco para essas doenças. No entanto, a
hipersecreção do hormônio cortisol, como resposta ao estresse crônico, é o principal agente causador dessas desordens fisiológicas. Nesse contexto, esta revisão tem o intuito de
apresentar os mecanismos de ação do exercício físico na prevenção e tratamento das patofisiologias provocadas pelo estresse crônico.

Palavras-chave


Exercício físico. Estresse. Cortisol.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/rds.v11i0.1737

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


REDSIS -Revista Didática Sistêmica,ISSN 1809-3108, Rio Grande/RS, Brasil. revdidaticasistemica@furg.br