Pensando a diversidade sexual nas escolas

Autores

  • Anderson Ferrari Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Juíz de Fora, Minas Gerais.
  • Roney Polato de Castro Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Juíz de Fora, Minas Gerais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anderson Ferrari, Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Juíz de Fora, Minas Gerais.

Professor da Faculdade de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

Roney Polato de Castro, Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Juíz de Fora, Minas Gerais.

Professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

Referências

FERRARI, Anderson. O professor frente ao homoerotismo masculino no contexto escolar. Dissertação (Mestrado em Educação), Faculdade de Educação, Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2000.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade I: a vontade de saber. Tradução de Maria Thereza da Costa Albuquerque e José Augusto Guilhon Albuquerque. Rio de Janeiro: Graal, 1988.

LOURO, Guacira L. Gênero e sexualidade: pedagogias contemporâneas. Pró-posições, Campinas, v. 9, n. 2, p. 17-23, maio/ago. 2008.

MISKOLCI, Richard. Teoria Queer: um aprendizado pelas diferenças. Belo Horizonte: Autêntica: UFOP, 2012.

Downloads

Publicado

2017-02-18

Como Citar

Ferrari, A., & de Castro, R. P. (2017). Pensando a diversidade sexual nas escolas. Diversidade E Educação, 2(4), 20–26. Recuperado de https://periodicos.furg.br/divedu/article/view/6355