UMA PERSPECTIVA PSICANALÍTICA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Autores

  • Ana Lizete Farias
  • Maria do Eosário Knechel

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v23i2.8443

Resumo

O debate sobre a crise ambiental tem ultrapassado as relações usuais com as ciências naturais e passaram a incluir novos saberes de diferentes disciplinas. É sabido que a psicanálise de Sigmund Freud operou uma ruptura com o saber existente produzindo seu próprio lugar. Como olhar a Educação Ambiental, então, a partir da psicanálise, que supõe um sujeito dividido, dominado pelas pulsões e sua implicação (ou não) na preservação da vida no planeta? Este trabalho propõe alguns elementos para essa discussão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-11-26

Como Citar

Farias, A. L., & Knechel, M. do E. (2018). UMA PERSPECTIVA PSICANALÍTICA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Ambiente &Amp; Educação, 23(2), 322–338. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v23i2.8443