Estudo epidemiológico e da qualidade da água em uma escola de ensino fundamental do município de Uberlândia, MG: aspectos ambientais e sociais

Autores

  • Guilherme Afonso Figueiredo Martins Universidade Federal de Uberlândia

Resumo

O presente estudo visou analisar a qualidade da água do bebedouro e da torneira da cantina da Escola Amanda Carneiro Teixeira, de Uberlândia, MG. Neste trabalho foram também apresentadas palestras, cartilhas e questionários com o intuito de promover a conscientização ambiental para preservação e tratamento adequado da água junto aos alunos, pais e profissionais locais. A qualidade da água foi investigada através da análise bacteriológica de coliformes totais e fecais pela técnica de tubos múltiplos. Não foi observada a presença de coliformes fecais nas amostras analisadas e detectou-se apenas uma ocorrência de coliformes totais, porém em baixo número, resultante da higienização anual do reservatório. Com relação à incidência de doenças em função da água ingerida, como por exemplo, diarreia, não foi verificada associação com a renda das famílias, tipo de utensílio utilizado para filtragem, freqüência e forma de higienização da caixa d’água e forma de lavar alimentos. Esses resultados sugerem um bom sistema de saneamento nesta região e que a água em questão é de boa qualidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-09-01

Como Citar

Figueiredo Martins, G. A. (2015). Estudo epidemiológico e da qualidade da água em uma escola de ensino fundamental do município de Uberlândia, MG: aspectos ambientais e sociais. Ambiente &Amp; Educação, 19(1), 205–222. Recuperado de https://periodicos.furg.br/ambeduc/article/view/4740

Edição

Seção

Artigos