As repercussões da educação ambiental numa escola do campo capixaba

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i2.11278

Palavras-chave:

Agroecologia. Educação Ambiental. Educação do Campo. Movimentos Sociais. Escola do Campo.

Resumo

O presente artigo trata da Educação do Campo Capixaba na íntima relação com a Educação Ambiental Agroecológica. Tem como objetivo principal, investigar as questões ambientais trabalhadas pelo Centro Estadual Integrado de Educação Rural de Águia Branca (CEIER-AB), por meio dos Temas Geradores (TGs). Fundamenta-se nos pressupostos de Guimarães (2007), Loureiro (2007), Costa (2017) e Altieri (2006). A metodologia pautou-se na aplicação de questionários com questões abertas e fechadas para educadores e educandos da 3ª Série do Ensino Médio Integrado ao Curso Técnico em Agropecuária. Os resultados da pesquisa demonstraram que as questões ambientais trabalhadas no Centro, impactam de maneira positiva o discurso dos educandos. Foi evidenciado que a escola trabalha na perspectiva da educação crítica e emancipadora, desenvolvendo ações de transformação da realidade dos sujeitos. The repercussions of environmental education in a capixaba rural school This paper deals with the Rural Education in Espírito Santo, in the intimate relationship with Environmental Education, having as locus of research and analysis the Integrated State Center of Rural Education of Águia Branca (CEIER-AB). It investigates which environmental issues were proposed by teachers through the Generating Themes, with a 3rd grade High School class Integrated to the Agriculture Technical Course, in the academic year 2018, and how these issues resonate in the environmental perceptions of these educators and students. The qualitative methodology of dialectical approach is based on the application of questionnaires, school routine observation, classes and planning monitoring, and conversations with students and school professionals.Data analysis shows that the environmental issues worked at the Center have a positive impact on the perception of many educators and students. Keywords: Agroecology. Environmental Education. Rural Education. Rural School. Generating Themes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ramofly Bicalho, UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Docente na UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Campus Seropédica. Lotado no Departamento de Educação do Campo, Movimentos Sociais e Diversidade. Docente na Licenciatura em Educação do Campo, no PPGEA – Programa de Pós-Graduação em Educação Agrícola e no PPGEduc – Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares. Pós-Doutorando em Educação na Universidade Federal Fluminense – UFF. Título do Projeto: História da Educação do Campo e os Movimentos Sociais no Brasil: as ações do PROCAMPO na formação de educadores. Atuo com as seguintes temáticas: História da Educação do Campo e os Movimentos Sociais. Educação Popular e Educação de Jovens e Adultos.

Rainei Rodrigues Jadejiski, Docente na Secretaria de Estado da Educação do Espírito Santo.

Licenciatura em Educação do Campo - UFES - Universidade Federal do Espírito Santo. Mestre em Educação no PPGEA - Programa de Pós-Graduação em Educação Agrícola, na UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

Referências

ALTIERI, Miguel Ángel. Agroecologia: princípios e estratégias para a agricultura sustentável na América Latina do século XXI. In: O desenvolvimento rural como forma de aplicação dos direitos no campo: princípios e tecnologias (MOURA, E.G. e AGUIAR, A. C. F., São Luís, UEMA, 2006. p. 83 – 99). Brasília, 11 de novembro de 2006.

AZEVEDO, Genoveva Chagas de. Uso de jornais e revistas na perspectiva da representação social de meio ambiente em sala de aula. In: Verde Cotidiano: o meio ambiente em discussão. REIGOTA, Marcos (org.). 3ª ed. Petrópolis: DP et Al, 2008. p. 59-71.

BICALHO, Ramofly. Educação do Campo e Movimentos Sociais. In: Muito além do jardim: educação e formação nos mundos rurais. OTRANTO, Célia; FAZOLO, Eliane; GOUVÊA, Fernando (orgs.). Seropédica, RJ: EDUR, 2012.

COSTA, Manuel Baltasar Baptista da. Agroecologia no Brasil: história, princípios e práticas. São Paulo: Expressão Popular, 2017.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 57. Ed. Ver. E atual. Rio de Janeiro: paz e Terra, 2014.

GUIMARÃES. Mauro. A formação de educadores ambientais. Campinas, São Paulo: Papirus, 2007a.

GUIMARÃES. Mauro. Educação ambiental: no consenso um embate?. Campinas, São Paulo: Papirus, 2007b.

LEFF. Enrique. Educação ambiental e desenvolvimento sustentável. In: Verde Cotidiano: o meio ambiente em discussão. REIGOTA, Marcos (org.). 3ª ed. Petrópolis: DP et all, 2008. p. 97-112.

LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo. Educação ambiental crítica: contribuições e desafios. In: Vamos cuidar do Brasil: conceitos e práticas em educação ambiental na escola. Ministério da Educação, Coordenação Geral de Educação Ambiental: Ministério do Meio Ambiente, Departamento de Educação Ambiental: UNESCO, 2007. p 66-72.

LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo. Educação ambiental transformadora. In: Identidades da educação ambiental brasileira / Ministério do Meio Ambiente. Diretoria de Educação Ambiental; Philippe Pomier Layrargues (coord.). – Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2004. P. 65-84.

LOUREIRO, Carlos Frederico Bernardo. Premissas teóricas para uma educação ambiental transformadora. Ambiente e Educação, Rio Grande, p. 37-54, 2003.

PORTO-GONÇALVES, Carlos Walter. Ambiente (Meio Ambiente). In: Dicionário de Educação do Campo. CALDART, Roseli Salete (et. al) (orgs). 2ª ed. Rio de Janeiro, São Paulo: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Expressão Popular, 2012. p. 94-103.

RAMINELLI, Ronald. A natureza na colonização do Brasil. In: Verde Cotidiano: o meio ambiente em discussão. REIGOTA, Marcos (org.). 3ª ed. Petrópolis: DP et all, 2008. P. 41-58.

RIGOTTO, Maria Raquel. ROSA, Islene Ferreira. Agrotóxicos. In: Dicionário de Educação do Campo. CALDART, Roseli Salete (et. al) (orgs). 2ª ed. Rio de Janeiro, São Paulo: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Expressão Popular, 2012. p. 86-94.

Downloads

Publicado

2020-08-31

Como Citar

Bicalho, R., & Jadejiski, R. R. (2020). As repercussões da educação ambiental numa escola do campo capixaba. Ambiente &Amp; Educação, 25(2), 127–150. https://doi.org/10.14295/ambeduc.v25i2.11278

Edição

Seção

Dossiê: Pesquisas e Práticas em Educação Ambiental e Educação do Campo