Polifonia da Educação Ambiental Libertária
Polyphony of the Libertarian Environmental Education

Diógenes Valdanha Neto, Doris Accioly e Silva

Resumo


O campo da educação ambiental está em expansão e conta com diversas propostas de categorização das correntes teóricas e práticas de modo a auxiliar uma melhor compreensão do que vem sendo constituído. Dentre essas categorias há a de educação ambiental libertária. O artigo parte da compreensão de que a qualificação “libertário(a)” é baseada no princípio anarquista, mesmo que por vezes contenha uma abrangência maior. É realizado um resgate de princípios filosóficos e pedagógicos anarquistas, colocando-os em conexão com a concepção de natureza como inseparável da cultura. Apresenta-se uma revisão bibliográfica sistematizada sobre a produção científica da educação ambiental nacional em associação ao embasamento anarquista/libertário. É constatado que muito pouco é produzido nesse escopo no Brasil. Múltiplas vozes são ouvidas no sentido de apontar caminhos para a configuração de possibilidades de fortalecimento da educação ambiental libertária como prática cultural e educacional.

Palavras-chave


Anarquismo; Natureza; Educação

Texto completo:

PDF

Referências


ACCIOLY E SILVA, Doris. Anarquistas: criação cultural, invenção pedagógica. Educação & Sociedade, Campinas-SP, v. 32, n. 114, 2011.

AMARAL, Ivan Amorosino. Programas e ações de formação docente em educação ambiental. In: TAGLIEBER, José Erno; GUERRA, Antonio Fernando Silveira (Org.). Pesquisa em educação ambiental: pensamentos e reflexões de pesquisadores em educação ambiental. Pelotas: Universitária/Ed. UFPel, 2004.

ARAÚJO, Alexandre Falcão; PASQUARELLI JÚNIOR, Vital. Teatro e educação ambiental: um estudo sobre ambiente, expressão estética e emancipação. Revista eletrônica do mestrado em educação ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 18, n. 1, 2007.

AUDOUZE, Jean; CASSÉ, Michel, CARRIÈRE, Jean-Claude. Conversas sobre o invisível: especulações sobre o universo. São Paulo: Editora Brasiliense, 1998.

AVANZI, Maria Rita; CARVALHO, Isabel Cristina de Moura; FERRARO JR, Luiz Antonio. Um olhar para a produção de pesquisa em educação ambiental a partir do GT Ambiente, Sociedade e Educação da ANPPAS. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 4, n. 2, 2009.

BARCHI, Rodrigo. Uma educação ambiental libertária. Revista eletrônica do mestrado em educação ambiental, Rio Grande-RS, v. 22, n. 1, 2009.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Edição revista e atualizada. Tradução de Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. Lisboa: Edições 70, 2009.

BOOKCHIN, Murray. The ecology of freedom: the emergence and dissolution of hierarchy. Oakland: AK Press, 2005.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. A canção das sete cores: educando para a paz. São Paulo: Contexto, 2005.

CARVALHO, Edgard de Assis. Enigmas da cultura. São Paulo: Cortez, 2003.

CASTELLANO, Maria; SORRENTINO, Marcos. Devemos aproximar questões sobre ética e direitos animas à educação ambiental? O que pensam educadores ambientais brasileiros sobre esse tema. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 10, n. 1, 2015.

CATALÃO, Vera Lessa. Cenário Temático da pesquisa em educação ambiental no contexto da ANPED. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 4, n. 2, 2009.

COETZEE, John Maxwell. A vida dos animais. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

COSTA, César Augusto Soares da; LOUREIRO, Carlos Frederico. Interculturalidade, exclusão e libertação em Paulo Freire: aproximações crítico-metodológicas para a pesquisa em educação ambiental. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 10, n. 1, 2015.

CRESWELL, John W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 54. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2013.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 30ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2007.

GALLO, Sílvio. Francisco Ferrer Guardia: o mártir da Escola Moderna. Pro-Posições, Campinas-SP, v. 24, n. 2, 2013.

GALLO, Sílvio. Anarquismo e educação: os desafios para uma pedagogia libertária hoje. Política & Trabalho, João Pessoa-PB, v. 36, n.1, 2012.

GRÜN, Mauro. A pesquisa em ética na educação ambiental. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 2, n. 1, 2007.

HIGUCHI, Maria Inês Gasparetto; ZATTONI, Michelle; BUENO, Fernando Protti. Educação ambiental em contextos não-escolares: definindo, problematizando e exemplificando. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 7, n. 2, 2012.

JAPIASSU, Hilton. A crise da razão no ocidente. Pesquisa em Educação Ambiental, v. 1, n. 1, 2006.

KROPOTKIN, Piotr Alekseievitch. O princípio anarquista e outros ensaios. Tradução e organização de Plínio A. Coêlho. São Paulo: Hedra, 2007.

KROPOTKIN, Piotr Alekseievitch. Ajuda mútua: um fator de evolução. Tradução Waldyr Azevedo JR. São Sebastião: A Senhora Editora, 2009.

LAYRARGUES, Phillippe Pomier; LIMA, Gustavo Ferreira da Costa. As macrotendências político-pedagógicas da educação ambiental brasileira. Ambiente & Sociedade, São Paulo-SP, v. 17, n. 1, 2014.

LENOIR, Hugues. A educação libertária. Educação Libertária, São Paulo/Rio de Janeiro, n. 2, 2014.

LOUREIRO, Carlos Frederico B. Educação ambiental e movimentos sociais: reflexões e questões levantadas no GDP. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 3, n. 1, 2008.

MARIANA, Fernando Bomfim. Educação e ecologia: práticas de autonomia social ou renovados discursos do poder do capital transnacional? Tese (Doutorado em Educação). Universidade de São Paulo, 2008.

OLIVEIRA, Haydée Torres de. Popular education and environmental education in Latin America: converging paths and aspirations. In: GONZÁLEZ-GAUDIANO, Edgar; PETERS, Michael A. (Eds.) Environmental Education: identity, politics and citizenship. Rotterdam, The Netherlands: Sense Publishers, 2008.

RECLUS, Jean Jacques Élisée. A anarquia e os animais. Tradução e diagramação de Ateneu Diego Giménez. Piracicaba: Ateneu Diego Giménez, 2010.

SAUVÉ, Lucie. Uma cartografia das correntes em educação ambiental. In: SATO, Michèle; CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. (Org.). Educação ambiental: pesquisa e desafios. Porto Alegre: Artmed, 2005.

SILVA, Dora Ferreira da. Poemas da estrangeira. São Paulo: T. A. Queiroz, 1995.

SILVA, Rosana Louro Ferreira da; CAMPINA, Nilva Nunes. Concepções de educação ambiental na mídia e em práticas escolares: contribuições de uma tipologia. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 6, n. 1, 2011.

SOUZA, Jucicleide Gomes da Silva; ALMEIDA, Elineí Araújo de. Educomunicação ambiental: comparando ações realizadas no espaço escolar e no percurso de aula-passeio em uma unidade de conservação costeira. Pesquisa em Educação Ambiental, Ribeirão Preto-SP, v. 8, n. 1, 2013.

TRAGTENBERG, Maurício. Francisco Ferrer e a pedagogia libertária. In: TRAGTENBERG, Maurício. Sobre educação, política e sindicalismo. São Paulo: Editora UNESP, 2004.

WHITAKER, Dulce Consuelo Andreatta; BEZZON, Lara Crivelaro. A Cultura e o Ecossistema: reflexões a partir de um diálogo. Campinas, São Paulo: Editora Alínea, 2006.




DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v33i3.5724

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2016 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado de Educação Ambiental

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.