O neoconservadorismo e os retrocessos na agenda educacional<br>Neoconservatism and setbacks in the educational agenda<br>El neoconservadurismo y retrocesos en la agenda educativa

Autores

  • Suzane da Rocha Vieira Gonçalves

DOI:

https://doi.org/10.14295/remea.v0i2.8893

Palavras-chave:

Políticas Educacionais, Educação, neoconservadorismo

Resumo

O presente ensaio objetiva problematizar os possíveis efeitos do neoconservadorismo no contexto brasileiro para a educação. O texto analisa brevemente a conjuntura política brasileira desde o golpe de 2016, apontando como as propostas conservadoras vão ocupando os discursos e pautando as políticas públicas. Neste cenário, são verificados retrocessos nos diretos sociais dos brasileiros. Considerando o término do período eleitoral e a eleição de Jair Messias Bolsonaro, procura-se traçar possíveis encaminhamentos já apontados pela proposta de governo do então candidato, as quais devem acentuar os retrocessos e estão, em nosso entendimento, ancoradas nos pressupostos do neoliberalismo. The present essay aims to problematize the possible effects of neoconservatism in the Brazilian context for education. The text briefly analyzes the Brazilian political conjuncture since the coup of 2016, pointing out how the conservative proposals are occupying the speeches and guiding the public policies. In this scenario, there are verified setbacks in the social rights of Brazilians. Considering the end of the electoral period and the election of Jair Messias Bolsonaro, it is sought to trace possible referrals already pointed out by the government proposal of the then candidate, which should accentuate the setbacks and are, in our understanding, anchored in the assumptions of neoliberalism. El presente ensayo objetiva problematizar los posibles efectos del neoconservadorismo en el contexto brasileño para la educación. El texto analiza brevemente la coyuntura política brasileña desde el golpe de 2016, apuntando cómo las propuestas conservadoras van ocupando los discursos y pautando las políticas públicas. En este escenario, se verifican retrocesos en los derechos sociales de los brasileños. Teniendo en cuenta el final del período de elección y elección Jair Bolsonaro Mesías, trata de rastrear posibles referencias ya mencionadas en el gobierno de entonces candidato propuesto, que debe hacer hincapié en los contratiempos y que son, en nuestra opinión, anclados en los supuestos neoliberalismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Suzane da Rocha Vieira Gonçalves

Doutora em Educação Ambiental, professora Adjunta da Universidade Federal do Rio Grande –FURG, docente no Programa de Pós-graduação em Educação.

Referências

ANADON, Simone e GONÇALVES, Suzane da Rocha Vieira. "Uma ponte para o Futuro": (des)continuidades nas políticas de formação de professores. In: Momento: diálogos em educação, E-ISSN 2316-3100, v. 27, n. 2, p. 35-57, mai./ago, 2018. Disponível em: https://periodicos.furg.br/momento/article/view/8181/5395 Acesso em 10 de outubro de 2018.

BALL, Stephen J. Performatividade, privatização e o pós-Estado do Bem-Estar. Educação & Sociedade, Campinas, v.25, n.89, set./dez. 2004. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-73302004000400002&script=sci_abstract&tlng=pt Acesso em 10 de outubro de 2018.

HARVEY, David. Neoliberalismo como Destruição Criativa. In: Interfacehs. 2006. Disponível em: http://www3.sp.senac.br/hotsites/blogs/InterfacEHS/wp-content/uploads/2013/07/trad-2007.pdf Acesso em 10 de outubro de 2018.

SILVA, M. R. Políticas de currículo, ensino médio e BNCC. Um cenário de disputas. Revista Retratos da Escola, Brasília, v. 9, n. 17, p. 367-379, jul./dez. 2015. Disponível em: . Acesso em: 4 out. 2018.

SILVA, M. R. O golpe no ensino médio em três atos que se completam. In: AZEVEDO, J. C.; REIS, J. T. Políticas Educacionais no Brasil pós-golpe. Porto Alegre: Editora Universitária Metodista IPA, 2018.

SOLANO, Ester. Crise da Democracia e Extremismos de Direita. 2018. Disponível em: https://library.fes.de/pdf-files/bueros/brasilien/14508.pdf Acesso em 10 de outubro de 2018.

THOMPSON, E. P. A miséria da teoria ou um planetário de erros. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.

WEYLAND, K. “Neopopulism and neoliberalism in Latin America: how much a nity?” ird World Quaterly, p. 1095-1115, 2003.

Downloads

Publicado

2019-04-17

Como Citar

Gonçalves, S. da R. V. (2019). O neoconservadorismo e os retrocessos na agenda educacional&lt;br&gt;Neoconservatism and setbacks in the educational agenda&lt;br&gt;El neoconservadurismo y retrocesos en la agenda educativa. REMEA - Revista Eletrônica Do Mestrado Em Educação Ambiental, (2), 213–228. https://doi.org/10.14295/remea.v0i2.8893

Edição

Seção

Artigos