O espaço da temática ambiental na universidade face ao contexto da globalização

Maria do Socorro Silva Batista

Resumo


O trabalho discute a inserção da temática ambiental na universidade, no contexto da sociedade globalizada. Através de pesquisa bibliográfica e de análise documental analisamos o espaço ocupado pela temática ambiental nas políticas institucionais implementadas no âmbito da educação superior. O estudo revela a existência de limitações de instrumentos de acompanhamento e avaliação desse processo nas IES, o que torna difícil uma percepção mais apurada de sua efetivação. Entretanto, o crescimento da pesquisa e da produção literária visível em diversos fóruns acadêmicos, sobre o tema, sugerem a existência de avanços que configuram-se como elementos de fortalecimento desse campo, sinalizando ao mesmo tempo para uma resistência às políticas educacionais que conduzem a uma visão fragmentada e utilitária do conhecimento.

Palavras-chave


Educação Ambiental. Universidade. Formação

Texto completo:

PDF

Referências


BORGES, Maria Creusa de Araujo. A educação superior numa perspectiva comercial: a visão da Organização Mundial do Comércio. Revista brasileira de Adminstraçã da Educação. V 5 n 1jan-abr 2009, 83-91

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes da educação nacional. Brasília: MEC, 1996.

_____. Ministério do Meio Ambiente. Órgão Gestor da Política Nacional de Educação Ambiental Relatório de Gestão 2007/ 2008. Disponível em http://www.mma.gov.br. Acesso em 10 de dezembro de 2009.

________.Órgão Gestor da Política Nacional de Educação Ambiental. Mapeamento da Educação Ambiental em Instituições Brasileiras de Educação Superior: elementos para políticas públicas. Série documentos Técnicos, Brasília, n. 122, 2007.

______. Lei nº 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Brasília, 1999.

CABRAL NETO, Antonio. Avaliação do ensino superior no Brasil: as tensões entre emancipação e regulação. In: JACOB, Vera Lúcia Chaves; CABRAL NETO, Antonio; NASCIMENTO, Ilma Vieira.(orgs).Políticas para a educação superior no Brasil: velhos temas, novos desafios.São Paulo, Xamã, 2009.

CALDERON, ADOLFO IGNACIO. Universidades mercantis: a institucionalização do mercado universitário em questão. São Paulo Perspectiva. 2000, vol.14, n.1, pp. 61-72.

CARNOY, Martin. Mundialização e reforma da educação: o que os planejadores devem saber. Tradução de Guilherme João de Freitas Teixeira . Brasília : UNESCO, 2002.

CASTRO, Alda Maria de Araujo. Ensino superior no Brasil: expansão e diversificação. In: CABRAL NETO, Antônio; NASCIMENTO, Ilma Vieira do; LIMA, Rosangela Novaes. Política pública de educação no Brasil: compartilhando saberes. Porto Alegre: Sulina, 2006. p.103-146

CHAUÍ, Marilena de Souza. Escritos sobre a universidade. São Paulo, Ed. UNESP, 2001.

DIAS SOBRINHO. Dilemas da educação no mundo globalizado. Sociedade do conhecimento ou economia do conhecimento? São Paulo, Casa do psicólogo, 2005a.

______. Educação superior, globalização e democratização. Qual universidade? Revista Brasileira de Educação, n.28, jan./fev./mar./abr. 2005b. Disponível em: < www.cielo.br>. Acesso em: 10 mar. 2010.

HARVEY, David. Condição pós-moderna, São Paulo, Loyola, 2008.

LOUREIRO, Carlos Frederico B.; TREIN, Eunice; TOZONI-REIS, Marília Freitas de Campos e NOVICKI, Victor. Contribuições da teoria marxista para a educação ambiental crítica. Cad. CEDES 2009, vol.29, n.77, p. 81-97. 2009. Disponível em www.scielo.org. Acesso em 18 de agosto de 2009.

MACHADO, Lucila; MACHADO, Janaina. Globalização capitalista e apropriação implicações educacionais e ambientais. In: LUCENA, Carlos (org) Capitalismo Estado e Educação. Campinas/SP, Alínea, 2008.

SANTOS, Boaventura de Souza. Pela mão de Alice: o social e o político na pos -modernidade. 12 edição. São Paulo: Cortez, 2008.

SANTOS, J. E.; SATO, M. Universidade e Ambientalismo – encontros não são despedidas. In: SANTOS, J. E.; SATO, M. (org.). A contribuição da Educação Ambiental à esperança de Pandora. 3ª ed., São Carlos: Rima, 2006

SILVA Jr, João dos Reis; SGUISSARDI, Valdemar. Novas Faces da educação superior no Brasil. 2 Ed. São Paulo, Cortez, 2001.

SGUISSARDI, Valdemar. Universidade pública estatal: entre o público e o privado/mercantil. Educação e sociedade. campinas, vol. 26, n. 90, p. 191-222, jan./abr. 2005. Disponível em http://www.cedes.unicamp.br Acesso em 25 de maio de 2011.

TRISTÃO. Martha. A educação ambiental na formação de profesores: redes de saberes. 2ª ed. Sao Paulo: Annablume; Vitória Facitec, 2008

UNESCO. Declaração da Conferência Regional de Educação Superior na América Latina e Caribe (CRES-2008).Disponível e; . Acesso em: 19 dez. 2009.




DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v31i2.3601

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2014 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado de Educação Ambiental



Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.