Seção Especial XI EDEA - Encontro e Diálogos com a Educação Ambiental

Discursos Esverdeantes e atravessamentos com a Ecopolítica

Isabel Ribeiro Marques, Paula Correa Henning

Resumo


O presente trabalho provém de uma tese do Programa de Pós Graduação em Educação Ambiental na Universidade Federal do Rio Grande que, em vias de finalização, analisa os Discursos Esverdeantes pulverizados por diferentes mídias e problematiza tais discursos fortemente relacionados ao verde, sendo muitas vezes vinculados a ideais de verdade e conduzindo a comportamentos diante das mazelas ambientais da contemporaneidade. Através das recorrências que o material da tese apresentou destacamos o conceito de ecopolítica para pensarmos sobre as imagens relacionadas ao planeta aliadas ao signo “eco”, entrelaçando sobre as estratégias biopolíticas que convergem para que esses discursos se tornem tão potentes e convincentes.

Palavras-chave


Educação Ambiental; Michel Foucault; Ecopolítica.

Texto completo:

PDF

Referências


AVILA, Dárcia Amaro.; RIBEIRO, Paula Regina Costa. Notas sobre a sustentabilidade em programas ambientais globais. In: HENNING, Paula Correa; MUTZ, Andresa Silva da Costa; VIEIRA, Virgínia Tavares. Educações Ambientais Possíveis: Ecos de Michel Foucault para pensar o presente. Curitiba: Appris, 2018. p. 85-97.

BARCHI, Rodrigo. Educação e Meio Ambiente Entre a Biopolítica e a Biopotência. Revista de Estudos Culturais, Sorocaba-SP, v. 37, p. 167-179, jun 2011.

CARVALHO, Isabel Cristina De Moura. A invenção do Sujeito Ecológico: Sentidos e Trajetórias em Educação Ambiental. Tese de doutorado Programa de Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. [S.l.]. 2001.

CASTRO, Edgardo. Vocabulário de Foucault: um percurso pelos seus temas conceitos e autores. 2. ed. Belo Horizonte : Autêntica, 2016.

FOUCAULT, Michel. O Sujeito e o Poder. In: DREYFUS, H.; RABINOW, P. Michel Foucault: uma trajetória filosófica para além do estruturalismo e da hermenêutica. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1995. p. 231-249.

FOUCAULT, Michel. Ditos e Escritos IV – Estratégia, Poder-Saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2006.

FOUCAULT, Michel. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária , 2008.

FOUCAULT, Michel. Segurança, território e população. São Paulo: Martins Fontes, 2008c.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. 3a. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015.

GUIMARÃES, Leandro Belinaso. Notas sobre o dispositivo da sustentabilidade e a formação de sujeitos “verdes”. Anais do 4º SBECE, ULBRA. Canoas: [s.n.]. 2011. p. 1-14.

HENNING, Paula. Estratégias Bio/Ecopolíticas na Educação Ambiental: a mídia e o aquecimento global. Educação Unisinos, v. 23, n. 2, p. 367-382, abril-junho 2019.

HENNING, Paula. Resistir ao presente: tensionando heranças modernas para pensar a Educação Ambiental. Ciência e Educação, Bauru, v. 25, p. 763-781, setembro 2019.

HENNING, Paula Corrêa; SILVA, Gisele. Ruiz. Rastros da Educação Ambiental. O dissenso como potência criadora. In: HENNING, Paula Correa; MUTZ, Andresa Silva da Costa; VIEIRA, Virgínia Tavares. Educações Ambientais Possíveis: Ecos de Michel Foucault para pensar o presente. Curitiba: Appris, 2018. p. 151-162.

MALETTE, Sébastien. Foucault para o próximo século: ecogovernamentalidade. ecopolítca, São Paulo, p. 4-25, 2011.

NIETZSCHE, Friedrich. Sobre verdade e mentira. São Paulo: Hedra, 2012.

PASSETI, Edson. Transformações da biopolítica e emergência da ecopolítica. Ecopolítica, São Paulo, p. 2-37, jan-abr 2013.

RABINOW, Paul.; ROSE, Nikolas. O conceito de biopoder hoje. Política & trabalho, p. 27-57, abril 2006.

SAUQUILLO, Julián. Michel Foucault: Poder, saber y subjetivación. Madri: Alianza editorial, 2017.

SEABRA, Giovanni. Educação Ambiental: conceitos e aplicações. João Pessoa: UFBP, 2013.

VEIGA-NETO, Alfredo. Ecopolítica: um novo horizonte para a Biopolítica. REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, p. 208-224, 2014.




DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v37i1.11068

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2020 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.