Programa Nacional Escolas Sustentáveis: a implementação em quatro escolas municipais de João Pessoa/PB<br>National Sustainable School Program: the implementation in four regional schools in Joao Pessoa/PB<br>Programa Nacional Escolas Sostenibles: la implementación en cuatro escuelas municipales de João Pessoa / PB

Autores

  • Maria Andrêsa Silva Universidade Federal da Paraíba - UFPB
  • Luiz Carlos Santana Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - Rio Claro - SP

DOI:

https://doi.org/10.14295/remea.v35i1.7513

Palavras-chave:

Educação ambiental, políticas públicas, escolas sustentáveis

Resumo

O Programa Nacional Escola Sustentável (PNES) é uma proposta de política pública desenvolvida para a educação básica, voltada a apoiar a transição das escolas rumo à sustentabilidade, interligando três eixos: currículo, gestão e espaço físico. Este artigo apresenta uma análise da implementação do PNES em quatro escolas municipais de João Pessoa/PB. Nele destacamos as ações desenvolvidas e as contribuições do programa para as escolas. O artigo resulta de uma pesquisa de natureza qualitativa do tipo estudo de caso. Os instrumentos utilizados para coleta de dados nas escolas foram: entrevistas com professores/diretores, análise dos projetos político pedagógicos e planos de ações. Apesar das dificuldades encontradas na implementação do PNES as escolas desenvolveram ações contemplando preferencialmente o espaço físico, e dentre as contribuições mais significativas destaca-se a troca de conhecimentos entre escola e comunidade. The National Sustainable School Program (NSSP) is a political proposal developed to the basic education aimed at supporting the transition of the schools towards sustainability, connecting three axes: curriculum, management and physical space. This study shows an analysis about the implementation of NSSP in four regional schools in Joao Pessoa/PB, where we highlight the actions developed and the contributions from the program to the schools. This article is a result of a qualitative research of the type case study. The instruments used to collect the data were interviews with teachers and principals, political-pedagogical projects and action plans. Despite the obstacles found in NSSP’s implementation, the schools have developed actions preferentially contemplating the physical space, and one of the most significant contributions was the exchange of knowledge between school and community. El Programa Nacional Escuela Sustentable (PNES) es una propuesta de política pública desarrollada para la educación básica, orientada a apoyar la transición de las escuelas hacia la sostenibilidad, interconectando tres ejes: currículo, gestión y espacio físico. Este artículo presenta un análisis de la implementación del PNES en cuatro escuelas municipales de João Pessoa / PB. En él destacamos las acciones desarrolladas y las contribuciones del programa a las escuelas. El artículo resulta de una investigación de naturaleza cualitativa del tipo estudio de caso. Los instrumentos utilizados para la recolección de datos en las escuelas fueron: entrevistas con profesores / directores, análisis de los proyectos políticos pedagógicos y planes de acciones. A pesar de las dificultades encontradas en la implementación del PNES, las escuelas desarrollaron acciones contemplando preferentemente el espacio físico, y entre las contribuciones más significativas se destaca el intercambio de conocimientos entre escuela y comunidad.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Andrêsa Silva, Universidade Federal da Paraíba - UFPB

Departamento de Metodologia da Educação

Luiz Carlos Santana, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - Rio Claro - SP

Departamento de Educação

Referências

ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso. Texto, contexto e significados: algumas questões na análise de dados qualitativos. In: Caderno de Pesquisa, São Paulo. p. 66-71, 1983.

BRASIL, Ministério da Educação. Decreto n. 7.083, de 27 de Janeiro de 2010. Brasília, 27 jan. 2010. 2 p.

______. Vamos cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis: educando-nos para pensar e agir em tempos de mudanças socioambientais globais: Brasília, 2012. 46p.

______. Resolução n. 2, de 15 de junho de 2012. Estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental. Brasília: Ministério da Educação, 2012.

______. Plano Nacional de Mudança do Clima: Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2008.

CASCINO, Fabio. Educação Ambiental: princípios, história, formação de professores. 4. ed. São Paulo: SENAC São Paulo, 2007.

LIMA, Luciana Leite.; D'ASCENZI, Luciano. “Implementação de políticas públicas: Perspectivas analíticas”. In: Revista de Sociologia e Política, v. 21, n 48, p.101-110, Dez. 2013.

MENEZES, Anne Kassiadou. Os projetos ‘Escolas Sustentáveis’ no município de São João da Barra – RJ: reflexões entre a educação ambiental e os conflitos ambientais. In: VIII EPEA - Encontro Pesquisa em Educação Ambiental Rio de Janeiro, Anais... 2015. p. 1-14.

SATO, Michele.; TRAJBER, Rachel. “Escolas sustentáveis: incubadoras de transformações nas comunidades”. In: Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental (FURG), vol. especial, p. 70-78, setembro de 2010.

SILVA E SILVA, Maria Ozanira. Avaliação de políticas e programas sociais: uma reflexão sobre o conteúdo teórico e metodológico da pesquisa avaliativa. In: SILVA e SILVA Maria Ozanira (Org.) Pesquisa Avaliativa: aspectos teórico-metodológicos. São Paulo: Veras Editora, 2008, p.89-177.

YIN, Robert K. Estudo de caso. Porto Alegre: Artmed, 2010.

Downloads

Publicado

2018-05-18

Como Citar

Silva, M. A., & Santana, L. C. (2018). Programa Nacional Escolas Sustentáveis: a implementação em quatro escolas municipais de João Pessoa/PB&lt;br&gt;National Sustainable School Program: the implementation in four regional schools in Joao Pessoa/PB&lt;br&gt;Programa Nacional Escolas Sostenibles: la implementación en cuatro escuelas municipales de João Pessoa / PB. REMEA - Revista Eletrônica Do Mestrado Em Educação Ambiental, 35(1), 333–352. https://doi.org/10.14295/remea.v35i1.7513

Edição

Seção

Artigos