Educação ambiental voltada ao uso e ocupação do solo e a estrutura dos loteamentos Sabiá e Bem te vi no município de Marechal Cândido Rondon -PR

Irene Carniatto, Valdemir Aleixo, Cláudio Marcos Metzner, Danieli Lizzoni, Eduardo Fernando Riffel

Resumo


A urbanização, o planejamento urbano e a qualidade de vida, estão diretamente ligadas às condições estruturais das cidades em que vivem. Para tanto, houve a necessidade de se formular uma estratégia administrativa para ordenar o planejamento destes centros, de modo a contribuir com a gestão, na interface pública e política, tendo como pilar a Educação Ambiental, poderia ser pensada como portadora de um ideal ético, entendendo o ambiente como um bem, tendo uma visão de bem viver ecologicamente orientado. Todos esses meios de proteção e preocupação com o meio ambiente, vêm sendo positivos para o desenvolvimento das cidades e recuperação constante da natureza. O trabalho foi realizado no período compreendido entre fevereiro a dezembro de 2012, na cidade de Marechal Cândido Rondon, PR. Teve como objetivo avaliar a estrutura dos loteamentos Bem-te-vi e Sabiá, com base no Plano Diretor do município, e analisar a utilização dos mesmos, a fim de obter um diagnóstico sobre a utilização dos lotes urbanos. Os dados foram obtidos a partir de um questionário com 15 questões, aplicados aos moradores dos loteamentos Sabiá e Bem-te-vi. Outra fonte de pesquisa foram observações sistemáticas feitas sobre características pré-definidas, utilizadas para avaliar a situação em que se encontravam os lotes e a estrutura dos mesmos. Na estruturação dos loteamentos, foi possível observar que tanto os Loteamentos Sabiá, como Bem-te-vi, apresentam-se positivamente, pois a maioria dos itens está de acordo com o Plano Diretor do Município de Marechal Cândido Rondon, PR, porém há inadequações e/ou inexistência das placas de sinalização. Os resultados ainda são considerados subsídios para a elaboração de programas de Educação Ambiental para a construção de uma cidadania na formação de Comunidades Sustentáveis.

Palavras-chave


Planejamento urbanístico, Plano Diretor, Educação Ambiental.

Texto completo:

PDF

Referências


ACSELRAD, Henri; A duração das cidades: Sustentabilidade e risco nas Políticas Urbanas. Rio de Janeiro: DP&A, 2001. 239 p.

BATEIRA, Carmen; et al. A cidade que queremos. Disponível em: http://gapextrema.com.br/biblioteca/plandir/Cartilha_nucleo_RJ.pdf. Acesso em: 04 maio 2012.

BEUREN, Ilse Maria. Como elaborar trabalhos monográficos em contabilidade. 3. ed. 2 reimp. São Paulo: Atlas, 2008, 195 p.

BRASIL. República Federativa. Constituição Federal. De 05 de outubro de 1988.

CARNIATTO, IRENE. Subsídios para um Processo de Gestão de Recursos Hídricos e Educação Ambiental nas Sub-bacias Xaxim e Santa Rosa, Bacia Hidrográfica Paraná III. Tese (Doutorado) - Doutora em Ciências Florestais do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal, Setor de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Paraná. CURITIBA, 2007.

CARVALHO, Isabel Cristina de Moura. Invenção e auto-invenção na construção psicossocial da identidade: a experiência constitutiva do educador ambiental. In: Caminhos da educação ambiental: da forma à ação. 3° Ed. Campinas, SP: Papiru, 2006. p.31-50.

CASCINO, Fabio. Educação ambiental: princípios, história, formação de professores. 3° Ed. São Paulo: Senac, 2003. 109 p.

CHIAVENATO, Idalberto. Administração geral e pública. 6 reimp. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.

CHIAVENATO, Idalberto. Administração dos novos tempos. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1999.

CORREIA, Paulo V.D.; Políticas de solos no planejamento municipal. Porto Alegre: Bonfim. 2002.

COSTA, Adolfo Mariano da. Constituição do Estado do Paraná. Curitiba, Dioe, 1994. 270 p.

DONAIRE, Denis. Gestão ambiental na empresa. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1999. 169 p.

JACOBI, Pedro. Cidade e meio ambiente: percepções e práticas em São Paulo. 2. ed. São Paulo: Annablume. 2006. 209 p.

KWASNICKA, Eunice laçava. Introdução a administração. 5 ed. São Paulo: atlas, 1995. 271 p.

LIMA, Luiz Mario Queiroz. Tratamento de lixo. São Paulo: Hemus, [200-?]. 240 p.

MACARÓ, Juan Luis. Manual de Loteamentos e Urbanização. 2003. Disponível em: < http://soniaa.arq.prof.ufsc.br/arq1206/2003/adrianadias/ManualMascaro.pdf Acesso em: 29 /05/ 2012.

PÁDUA, Elisabete Matallo Marchesini de. Metodologia da Pesquisa – Abordagem teórico-prática. 2004. 131 p. Ed. Papirus

PAGLIARINI, Raphael. A cidade narrada: viveres e memórias no processo de urbanização de Marechal Cândido Rondon. 2012. 11 p. Disponível em: http://www.cfh.ufsc.br/abho4sul/pdf/Raphael%20Pagliarini.pdf . Acesso em: 17 Abril 2012.

PALUDO, Augustinho Vicente. Administração pública: teoria e questões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010. 496 p.

PHILIPPI JR, Arlindo; BRUNA, Gilda Collet. Política e Gestão Ambiental. In PHILIPPI JR, Arlindo; ROMÊRO, Marcelo de Andrade; BRUNA, Gilda Collet. Curso de gestão Ambiental. 1. reimp. São Paulo: Manole, 2004. p. 657-714.

PHILIPPI JR, Arlindo; ROMÊRO, Marcelo de Andrade; BRUNA, Gilda Collet. Curso de gestão Ambiental. 1. reimp. São Paulo: Manole, 2004. 1045 p.

PHILIPPI JR, Arlindo; SILVEIRA, Vicente Fernando. Saneamento Ambiental e Ecologia Aplicada. In: PHILIPPI JR, Arlindo; ROMERO, Marcelo de Andrade; BRUNA, Gilda Collet. Curso de Gestão Ambiental. São Paulo: Manole, 2004. p.19-52.

PREFEITURA MUNICIPAL MARECHAL CÂNDIDO RONDON. Nossa Cidade. 2012. disponível em: http://www.mcr.pr.gov.br/nossacidade. Acesso em: 21 Abr. 2012.

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARECHAL CÂNDIDO RONDON. Plano Diretor do Município de Marechal Cândido Rondon. Disponível em: . Acesso em: 2 abr. 2012.

SANTORO, Paula Freire; CYMBALISTA, Renato; CARDOSO, Patrícia de Menezes. Plano Diretor: participar é um direito. Disponível em: http://www.polis.org.br/uploads/1010/1010.pdfAcesso em: 6 set. 2011.

SILVA, Reinaldo Oliveira da. Teorias da Administração. 2. Reimp. São Paulo: Pioneira, 2002.

SIRKIS, Alfredo. Cidade. In: TRIGUEIRO, André. Meio ambiente no século 21: 21 especialistas falam da questão ambiental nas suas áreas de conhecimento. 4. ed. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 2005. p. 215- 229.

STODULSKI, Leocir. Manual De Aprovação De Loteamentos. Foz Do Iguaçu. 2006. Disponível em< http://www.udc.edu.br/monografia/Mono18.pdf> Acesso em: 29 maio 2012.

TRISTÃO, Martha. A educação ambiental na formação de professores: redes de saberes. São Paulo: Annablime; Vitória: Facitec, 2004. 236 p.

TUCKER, Compton. Estado do meio ambiente e retrospectivas políticas: 1972-2002. Disponível em: . Acesso em: 5/9/11

VALENTIM, Luis Sergio Ozório. Requalificação Urbana, Contaminação do Solo e riscos a saúde. Um estudo na cidade de São Paulo. São Paulo: Annablume,2007.163 p.

VARGAS, Heliana Comin. Gestão de Áreas Urbanas Deterioradas. In: PHILIPPI JR, Arlindo; ROMÉRO, Marcelo de Andrade; BRUNA, Gilda Collet. Curso de gestão Ambiental. 1. reimp. São Paulo: Manole, 2004. p. 857-890.

VARGAS, Heliana Comin; RIBEIRO, Helena. Novos Instrumentos de Gestão Ambiental Urbana. 1. reimp. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2004. 163 p.

VARUSSA. Rinaldo J. Coleta Seletiva e Reciclagem – Algumas Reflexões a partir do Município de Marechal Cândido Rondon Pr. Espaço Plural.ano VII. N. 15. 2 semestre 2006.

VITERBO JÚNIOR, Ênio. Sistema Integrado de Gestão Ambiental. Como implantar um sistema de gestão que atenda a norma ISO 14001, a partir de um sistema baseado na norma ISO 9000. São Paulo: Aquariana, 1998. 231 p.

WESZ JUNIOR, Valdemar João, et al. Os novos arranjos do êxodo rural: a evasão temporária de Jovens agricultores familiares gaúchos. 2011. 11 p. Disponível em: . Acesso em: 7 set. 2011.




DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v0i0.4450

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2014 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado de Educação Ambiental



Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.