“O PROGRESSO VEM,MAS ACABA COMA NATUREZA”: O RIO JAGUARIBE NA VISÃO DOSMORADORES RESIDENTES NO SEU ENTORNO, JOÃO PESSOA, PB.

Kallyne Machado Bonifácio, Francisco José Pegado Abílio

Resumo


A ação humana sobre os recursos naturais tem gerado conseqüências em escala planetária e as bacias hidrográficas aparecem como um dos alvos dessa degradação. Considerado um braço de mar que se
encontra com o paul, o rio Jaguaribe, por sua localização urbana, encontra-se comprometido. Por meio do saber
local pode-se compreender o porque? como? e de que forma? os problemas ambientais do referido rio são
desencadeados e interferem no cotidiano desses indivíduos. Esse é o objetivo do presente estudo, que utilizou-se da Fenomenologia para obtenção dos dados, analisando-os através de “dados êmicos”. A percepção com relação ao paul mostrou-se unanimamente negativa, sendo a modificação desse ambiente para benefício próprio o foco
da degradação. Pode-se inferir que a questão ambiental passa pela observação da realidade. E a comunidade
local estabelecendo vínculo com um determinado ambiente traz contribuições crítica da questão ambiental,
subsidiando um futuro processo de sensiblização.

Palavras-chave


Educação Ambiental; Percepção Ambiental; Comunidade local; Rio; Paul.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v25i0.3516

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2014 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado de Educação Ambiental



Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.