FORMAÇÃO ECOSÓFICA: TRAMAS ENTRE A FORMAÇÃO E A EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Roselaine Machado Albernaz, Débora Laurino

Resumo


A formação do professor, na perspectiva da Educação Ambiental, é o foco desse artigo que é um recorte da tese
de doutorado intitulada “Formação Ecosófica: a cartografia de um professor de matemática”. Compreendemos a
formação a partir dos processos de subjetivação. Um processo de formação tem a ver com criação, com
invenção, com experimentação, com práticas que atuam sobre o si próprio. Com esse pensamento foi possível
articular os conceitos de cuidado de si, experiência e ecosofia, criando outros modos de perceber e atuar no
mundo, na vida. A escolha teórica foi pelas chamadas filosofias da diferença, tal escolha, imbricada às práticas
experimentadas, permitiu-nos propor o conceito de Formação Ecosófica, que é uma formação não formativa, não representativa.

Palavras-chave


Educação Ambiental; Formação; Ecosofia; Experiência; Cuidado de si.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/remea.v27i0.3190

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2014 REMEA - Revista Eletrônica do Mestrado de Educação Ambiental



Indexadores
Portal de Periódicos - Capes Repositório DSpace Portal do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - IBICT Diadorim Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras Google Acadêmico The Elektronische Zeitschriftenbibliothek (Alemanha) OEI - Biblioteca Digital Diretório Luso-Brasileiro Repositórios e Revistas de Acesso Aberto LATINDEX REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Rev. eletrônica Mestr. Educ. Ambient., E-ISSN 1517-1256, ISSN 2318-4884, Rio Grande, Brasil.