Entraves e perspectivas à orientação de trabalho de conclusão de curso na educação a distância

Francisco Ricardo Miranda Pinto, Stela Lopes Soares, Carlos Antonio Bruno da Silva

Resumo


Aborda-se como núcleos centrais a Educação à Distância (EaD) e a produção do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) nesta modalidade de ensino. O objetivo é refletir acerca dos entraves e perspectivas da orientação de TCC na EaD embasado na Pedagogia da Autonomia de Paulo Freire (1996). É um estudo de abordagem qualitativa, do tipo estudo de caso crítico-reflexivo realizado em Instituição de Ensino Superior (IES) da zona norte do Estado do Ceará. Percebe-se que as dificuldades neste formato são de origens diversas e que requerem do professor-orientador competências e habilidades para dinamizar os entraves sem que haja prejuízos ao acadêmico e à pesquisa. Considera-se a necessidade de efetivar maior rigor na produção técnica ao longo do curso no sentido de preparar o acadêmico ao processo de construção do TCC.

Palavras-chave


Orientação. Professor-Orientador. Educação a Distância.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. Censo EAD.BR: relatório analítico da aprendizagem a distância no Brasil 2013 = Censo EAD.BR: analytic report of distance learning in Brazil 2016 [livro eletrônico]. Traduzido por Thereza Moss de Abreu. Curitiba: Ibpex, 2014. Disponível em: < http://www.abed.org.br/censoead2013/CENSO_EAD_2013_PORTUGUES.pdf>. Acesso em: 30 de janeiro de 2018

______. Censo EAD.BR: relatório analítico da aprendizagem a distância no Brasil 2016 = Censo EAD.BR: analytic report of distance learning in Brazil 2014 [livro eletrônico]. Traduzido por Thereza Moss de Abreu. Curitiba: Ibpex, 2015. Disponível em: < http://www.abed.org.br/censoead2014/CensoEAD2014_portugues.pdf>. Acesso em: 30 de janeiro de 2018

______. Censo EAD.BR: relatório analítico da aprendizagem a distância no Brasil 2016 = Censo EAD.BR: analytic report of distance learning in Brazil 2016 [livro eletrônico]. Traduzido por Thereza Moss de Abreu. Curitiba: InterSaberes, 2017. Disponível em: < http://abed.org.br/censoead2016/Censo_EAD_2016_portugues.pdf>. Acesso em: 30 de janeiro de 2018.

ANDRADE, Valter Zotto de. A comunicação entre o orientador de monografias e o orientando de pós-graduação nos ambientes virtuais de aprendizagem. In: Congresso Nacional de Educação – EDUCERE, X, 2011, Curitiba. Anais... Curitiba-PR, 2011. Disponível em: . Acesso em: 29 de janeiro de 2018.

ARRUDA, Eucidio Pimenta; ARRUDA, Durcelina Ereni Pimenta. Educação à distância no brasil: políticas públicas e democratização do acesso ao ensino superior. Educação em Revista. Belo Horizonte, v.31, n.03,p. 321-338, Julho-Setembro, 2015. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/edur/v31n3/1982-6621-edur-31-03-00321.pdf> Acesso em: 20 de janeiro de 2018.

ASSUMPÇÃO, Andreia dos Santos Barreto Monsores de. A mulher no Ensino Superior: distribuição e representatividade. Cadernos do GEA, n. 6, p. 7-48, jul./dez. 2016.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil [recurso eletrônico]. Brasília: Supremo Tribunal Federal, Secretaria de Documentação, 2017. Disponível em: < http://www.stf.jus.br/arquivo/cms/legislacaoConstituicao/anexo/CF.pdf>. Acesso em: 25 de janeiro de 2018.

______. Casa Civil. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9394.htm#art80. Acesso em: 25 de agosto de 2018.

______. Casa Civil. Decreto Nº 9057, de 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei Nº. 9394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2017/Decreto/D9057.htm#art24. Acesso em: 25 de agosto de 2018.

______. Casa Civil. Decreto Nº. 9057 de 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2017/Decreto/D9057.htm>. Acesso em 25 de agosto de 2018.

BUSSOLOTTI, Juliana Marcondes et al. A importância das atividades complementares no processo de aprendizado: percepção dos alunos de cursos de educação a distância da universidade de Taubaté. In.: Congresso Internacional ABED de Educação a Distância, 22, 2016. Águas de Lindoia. Anais... Águas de Lindoia-SP, 2016. Disponível em: . Acesso em: 29 de janeiro de 2016.

CAMPOS, Fernando Guerra Grossi; SANTOS, Raquel Fontes; PINTO E SANTOS, Flávia Costa. A importância da pesquisa científica na formação profissional dos alunos do curso de Educação Física do UNILESTEMG. Movimentum – Revista Digital de Educação Física. Ipatinga, v. 4, n. 2, p. 1-11, ago./dez., 2009. Disponível em: . Acesso em: 25 de janeiro de 2018.

CARVALHO, Adélia Honório de. A evolução histórica da educação a distância no Brasil: avanços e retrocessos. 2013. 36f. Monografia. (Especialização em Educação, Métodos e Técnicas de Ensino) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, 2013. Disponível em: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/bitstream/1/4653/1/MD_EDUMTE_II_2012_01.pdf>. Acesso em: 31 de janeiro de 2018.

CHIARELLA, Tatiana et al., A Pedagogia de Paulo Freire e o processo ensino-aprendizagem na Educação Médica. Revista Brasileira de Educação Médica, Brasília, v. 39, n. 3, p. 418-425, 2015. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/rbem/v39n3/1981-5271-rbem-39-3-0418.pdf>. Acesso em: 26 de agosto de 2018. http://dx.doi.org/10.1590/1981-52712015v39n3e02062014.

COSTA E SILVA, Ana Paula; SIHLER, Anelise Pereira; SILVA, Chris Alves da. Orientação de Trabalhos de Conclusão de Curso a distância: uma experiência fundamentada na interação. RENOTE. Rio Grande do Sul, v. 10, n. 1, p. 1-7, julho, 2012. Disponível em: . Acesso em: 30 de janeiro de 2018.

FIGUEIREDO, Jucelir de Oliveira et al. A importância da participação dos estudantes do ensino superior em eventos científicos para sua formação acadêmica. In.: Congresso Nacional de Educação, III, 2016. João Pessoa-PB, 2016. Disponível em: . Acesso em: 29 de janeiro de 2018.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 13. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996. Disponível em: . Acesso em 31 de janeiro de 2018.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. 14. ed. ver. atual. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2011.

DE GODOI, Mailson Alan. O Perfil do Aluno da Educação a Distância e seu Estilo de Aprendizagem. EaD em FOCO, [S.l.], v. 6, n. 2, ago. 2016. Disponível em: < http://eademfoco.cecierj.edu.br/index.php/Revista/article/view/383/177>. Acesso em: 31 de Janeiro 2018.

GOMES, Silvane Guimarães Silva; MOTA, João Batista; LEONARDO, Estela da Silva. Reflexão do perfil do aluno como determinante para a motivação e aprendizagem do curso de EaD. Cad. Ed. Tec. Soc. Inhumas, v. 7, p. 355-363, 2014. Disponível em: . Acesso em: 30 de janeiro de 2018.

HACK, Josias Ricardo. Introdução à educação a distância. Florianópolis: LLV/CCE/UFSC, 2011.

JESUS, Daniele Oliveira de et al. Extensão e pesquisa na modalidade EaD: qual a realidade dos cursos de Administraçãode Vitória da Conquista-BA?. In.: Seminários de Administração, XVIII, 2015. São Paulo-SP, 2015. Disponível em: . Acesso em: 28 de janeiro de 2018.

KENSKI, Vani Moreira. Educação e Tecnologias: o novo ritmo da informação. 8ª ed. Campinas, SP: Papirus, 2012.

LITTO, Fredric; FORMIGA, Marcos (orgs). Educação a distância: o estado da arte. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2009.

MACHADO, Andreia de Bem et al. Comunicação na EaD: uma análise do processo de orientação de monografia. In.: Congresso Internacional ABED de Educação a Distância, 20, 2014. Florianópolis. Anais... Florianópolis-SC, 2014. Disponível em: . Acesso em: 28 de janeiro de 2018.

MACHADO, Andreia de Bem; DOMINGUINI, Lucas; KAHL, José Carlos. O pape do orientador de monografia da Educação à Distância. Travessias, v. 8, n. 02, 21ª edição, p. 197-209, 2014. Disponível em: . Acesso em: 27 de janeiro de 2018.

MARTINS, Ronei Ximenes et al. O perfil sociodemográfico de candidatos a cursos de licenciatura a distância e os objetivos da Universidade Aberta do Brasil. In.: Congresso Brasileiro de Ensino Superior a Distância, IX, 2014. Recife. Anais... Recife-PB, 2014. Disponível em: < http://www.dired.ufla.br/portal/wp-content/uploads/2012/10/IXESUDat1-completoroneiludmilalucianamarina.pdf>. Acesso em: 30 de janeiro de 2018.

MELO, Keite Silva de; CAMPOS, Gilda Helena Bernardino de. Trabalho de conclusão de curso: trabalho interativo na orientação em EAD. Momento - Diálogos em Educação, [S.l.], v. 27, n. 1, p. 282-299, maio, 2018. Disponível em: . Acesso em: 26 de agosto de 2018. DOI:https://doi.org/10.14295/momento.v27i1.7754.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. Análise qualitativa: teoria, passos e fidedignidade. Ciênc. saúde coletiva, v. 17, n. 3, p. 621-626, 2012.

MORIN, Edgar. “Nosso pensamento está muito preso ao passado.” Jornal O Estado de São Paulo. São Paulo, 02/08/2009, Suplemento cultura, p. 6-7.

PIMENTA, Selma Garrido; ANASTASIOU, Léa das Graças Camargo. Docência no ensino superior. São Paulo: Cortez, 2002.

PINHEIRO, Ana Lucia F. B et al. Percepções e dificuldades do aluno na disciplina Metodologia do Trabalho Científico na modalidade semipresencial. Revista Trilha Digital, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 90-106, 2013. Disponível em: < http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/TDig/article/view/5889/4251>. Acesso em 26 de agosto de 2018.

PITANO, Sandro de Castro; GHIGGI, Gomercindo. Autoridade e liberdade na práxis educativa Paulo Freire e o conceito de autonomia. SABERES, Natal-RN, v. 2, n. 3, p. 80-93. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/saberes/issue/view/71. Acesso em 26 de agosto de 2018.

PRODANOV, Cleber Cristiano; FREITAS, Ernani César. Métodos e Técnicas de Pesquisa e do Trabalho Acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

SAMPIERI, Roberto Hernández; COLLADO, Carlos Fernandes; LUCIO, María del Pilar Baptista. Métodos de Pesquisa. 5.ed. Porto Alegre: Penso, 2013

SEIDLER, Elaine Monteiro. Ferramenta de leitura dlnotes2: sua aplicabilidade na educação a distância (EAD). Disponível em: < https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/136412/FERRAMENTA%20DE%20LEITURA%20DLNOTES2_Elaine%20Monteiro%20Seidler.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em: 10 de janeiro de 2017.

SIGNORINI, Roney. Parecer 146/02 e sucedâneos. Disponível em: . Acesso em 25 de janeiro de 2018.

SILUK, Ana Cláudia Pavão; SILVA, André Hellvig da; DALCIN, Eduardo. O aluno em foco na EaD: perfil e competências. In.: Simpósio Internacional de Educação a Distância. Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância, 2016. São Carlos. Anais... São Carlos-SP, 2016. Disponível em: . Acesso em 25 de janeiro de 2018

SOUZA, Roger Marchesini de Quadros. Os desafios do processo de construção do TCC em EaD. Educação e Linguagem, v. 18, n.2, p. 87-100, jul./dez., 2015. Disponível em: . Acesso em: 28 de janeiro de 2018.

VIANNA, Claudia Pereira. A feminização do magistério na educação básica e os desafios para a prática e a identidade coletiva docente. In: YANNOULAS, Silvia Cristina (Org.). Trabalhadoras: análise da feminização das profissões e ocupações. Brasília, DF: Abaré, 2013. p. 159-180. Disponível em: . Acesso em: 29 de janeiro de 2018.

VIEIRA, Leocádia Aparecida. Entre o real e o virtual: a Educação a Distância (EaD) como espaço para o educar (aprender e ensinar) pela pesquisa. 198f. Tese (Doutorado em Educação) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: http://www4.pucsp.br/gepi/downloads/RESUMO_DISSERTACOES_GEPI/2011_TESE_LEOCILEA.pdf. Acesso: em 25 de agosto de 2018.




DOI: https://doi.org/10.14295/momento.v28i3.8255

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




MOMENTO - Diálogos em Educação, E-ISSN 2316-3100, Rio Grande/RS, Brasil

PROPESQ
PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ