GINÁSTICA BRINCANTE

UMA PRÁTICA VOLTADA AO LIVRE BRINCAR E SE-MOVIMENTAR DAS CRIANÇAS

Autores

  • Eduarda Vesfal Dutra Universidade Federal de Pelotas
  • Patrícia Luiza Bremer Boaventura
  • Andrize Ramires Costa

DOI:

https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.13910

Resumo

Neste ensaio teórico-filosófico, refletimos uma ginástica com sentidos e significados para a vida da criança pequena. Apresentamos a partir de conhecimentos oriundos de projetos de pesquisa e extensão perspectivas de uma “Ginástica Brincante”, que considera a criança como centro do processo, ressaltando a necessidade da liberdade corporal para brincar e se-movimentar como linguagem imanente ao seu mundo. Notamos que o modo como a ginástica vem sendo desenvolvida com as crianças pequenas, remete majoritariamente a um ensino técnico e rígido, não contemplando seu mundo vivido. E, portanto, desenvolver uma Ginástica Brincante com as crianças pequenas, é uma maneira significativa de resgatar e valorizar o protagonismo infantil, sua subjetividade e seu livre brincar e se-movimentar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduarda Vesfal Dutra, Universidade Federal de Pelotas

Acadêmica do curso de Licenciatura em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas. Bolsista do Programa de Residência Pedagógica da UFPel. Membra do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Ginástica e Infância (NEPGI). Atua como professora voluntária no Projeto de Extensão Brincando de Ginástica. Integrante do Projeto de Extensão Vivencias Ginásticas Universitárias - GPT. Atua como professora voluntária no Projeto de Extensão Jogando para Aprender.  Atua como professora do Projeto de Extensão Agita UFPel-Ginástica online para servidores.

Downloads

Publicado

2022-08-31

Como Citar

Vesfal Dutra, E., Bremer Boaventura, P. L., & Ramires Costa, A. . (2022). GINÁSTICA BRINCANTE: UMA PRÁTICA VOLTADA AO LIVRE BRINCAR E SE-MOVIMENTAR DAS CRIANÇAS. Revista Didática Sistêmica, 24(1), 83–93. https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.13910

Edição

Seção

Dossiê