PROFESSOR, ESPECIALISTA OU GENERALISTA

QUAL PEDAGOGO É CONSTITUÍDO NAS MATRIZES CURRICULARES DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA DA UERGS?

Autores

  • Ivana Almeida Serpa Universidade Estadual do Rio Grande do Sul
  • Rochele da Silva Santaiana Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.13194

Resumo

O presente estudo analisou a formação de pedagogos da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul inseridos num processo histórico de políticas que regulamentam o currículo do referido curso no Ensino Superior. Metodologicamente foi realizada uma pesquisa documental, cujos materiais que compuseram o corpus empírico analítico forma as matrizes curriculares do referido curso e Universidade dos anos de, 2008 e 2014. Autores como Carvalho (2011), Veiga-Neto (2005), Dantas (2015), Portella (2019), Anflor (2019), Martins (2009), entre outros balizaram a discussão. As questões emergenciadas pela pesquisa levam a constituição de um pedagogo generalista que foi (re)inventado pelas regulamentações, normativas legais, que constituíram um alargamento mais generalizado dessa formação. Foi possível, após análises dos documentos evidenciar que o Pedagogo generalista está em permanente reinvenção de forma a atender às demandas contextualizadas histórica, social e economicamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-08-31

Como Citar

Almeida Serpa, I., & da Silva Santaiana, R. (2022). PROFESSOR, ESPECIALISTA OU GENERALISTA: QUAL PEDAGOGO É CONSTITUÍDO NAS MATRIZES CURRICULARES DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA DA UERGS?. Revista Didática Sistêmica, 24(1), 192–206. https://doi.org/10.14295/rds.v24i1.13194

Edição

Seção

Artigos