<b>As contribuições do construtivismo para o ensino de astronomia nos anos iniciais</b>

Autores

  • Roberta Chiesa Bartelmebs
  • Roque Moraes

Palavras-chave:

Ensino de astronomia. Anos Iniciais. Epistemologia Genética. Construtivismo

Resumo

Pretendemos aqui discutir quais as contribuições da epistemologia genética para a aprendizagem de temas da astronomia presentes no currículo dos anos iniciais do EF. Desta epistemologia surge, na pedagogia, a chamada metodologia construtivista. Demonstramos em nosso artigo que, ao utilizar uma metodologia que parta de perguntas e problemas o professor pode possibilitar a ação dos alunos sob o objeto de pesquisa e assim, tornar possível que construam seus conceitos sobre o mundo e possam cada vez mais complexificarem seus saberes. Ensinar astronomia desde os anos iniciais pode auxiliar no desenvolvimento do raciocínio lógico-matematico dos alunos, o que os torna capazes de compreender o mundo que os cerca, isto consequentemente influenciando na sua alfabetização cientifica, pois, cada vez mais poderão intervir no mundo de forma consciente. Neste sentido que acreditamos não apenas na inclusão de temas da astronomia no ensino de ciências, como também na necessidade de revisar as metodologias aplicadas nesta disciplina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberta Chiesa Bartelmebs

Professora substituta no Instituto de Educação. Mestranda do Programa de Pós Graduação em Educação em Ciências - FURG.

Roque Moraes

Professor visitante no Programa de Pós Graduação em Educação em Ciências - FURG.

Downloads

Publicado

2012-04-03

Como Citar

Bartelmebs, R. C., & Moraes, R. (2012). &lt;b&gt;As contribuições do construtivismo para o ensino de astronomia nos anos iniciais&lt;/b&gt;. Momento - Diálogos Em Educação, 20(1), 151–163. Recuperado de https://periodicos.furg.br/momento/article/view/2024

Edição

Seção

Artigos