CIVILIZAR E DISCIPLINAR A INFÂNCIA: A ESCOLA PAROQUIAL DO POVOADO DE SERROTE (JACOBINA-BA 1941-1957)

Autores

  • Tânia Mara Pereira Vasconcelos Universidade do Estado da Bahia

Palavras-chave:

Escola paroquial – infância - disciplina

Resumo

Este estudo se propõe a analisar concepções e práticas, relativas à educação da infância, da Escola Paroquial do Povoado de Serrote (BA). Essa escola fazia parte de uma rede de escolas fundadas por um padre austríaco cisterciense na região de Jacobina, contando com o apoio de parte da elite local. A escola paroquial possuía uma estrutura simples, oferecendo ensino primário gratuito para crianças e adolescentes em classes multisseriadas. A idéia de formar um cidadão católico, civilizado, higienizado e disciplinado, constituía o principal objetivo dessa escola; no entanto, havia resistências a esse sistema, identificadas através do cruzamento das diferentes fontes (depoimentos orais, documentos escolares, jornais e fotografias), sendo possível perceber uma distância entre a norma e a prática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tânia Mara Pereira Vasconcelos, Universidade do Estado da Bahia

Professora da Universidade do Estado da Bahia, Mestre em História Social pela USP.

Downloads

Publicado

2010-12-07

Como Citar

Vasconcelos, T. M. P. (2010). CIVILIZAR E DISCIPLINAR A INFÂNCIA: A ESCOLA PAROQUIAL DO POVOADO DE SERROTE (JACOBINA-BA 1941-1957). Revista Brasileira De História &Amp; Ciências Sociais, 2(4). Recuperado de https://periodicos.furg.br/rbhcs/article/view/10418