O Movimento Mucker e suas relações com a igreja católica e a protestante.

Autores

  • Marinês Andrea Kunz FEEVALE
  • Roswithia Weber FEEVALE

Palavras-chave:

Movimento Mucker. Rio Grande do Sul. Religiosidade.

Resumo

Este artigo visa caracterizar o movimento Mucker, que se configurou no Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul, a partir de 1868, e analisar como o discurso de diferentes instâncias de poder legitimaram o massacre desse grupo. Em especial, busca analisar as relações do movimento com a igreja católica e a protestante, as quais têm papel fundamental no evento. Para tal, utilizam-se fontes bibliográficas considerando diversas produções sobre o tema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marinês Andrea Kunz, FEEVALE

Doutora e m Te oria da Literatura pela Pontifícia Univers idade Católica do Rio Grande do Sul, professor a titu lar e pesquisadora da Universida de Feevale.

Roswithia Weber, FEEVALE

Doutora e m His tória pela U FRGS, professora e pesquisadora vinculada a o Ins tituto de Ciências Humanas, Letras e Arte s da Universidade Feevale.

Downloads

Publicado

2012-12-07

Como Citar

Kunz, M. A., & Weber, R. (2012). O Movimento Mucker e suas relações com a igreja católica e a protestante. Revista Brasileira De História &Amp; Ciências Sociais, 4(8). Recuperado de https://periodicos.furg.br/rbhcs/article/view/10506