Visões sobre Eshu: Imagens e interpretações da Cosmologia Iorubá na África Ocidental. O olhar dos cientistas sociais (1950-1980)

Autores

  • Anderson Ribeiro Oliva UnB

Palavras-chave:

Eshu. Cosmologia Iorubá. África Ocidental.

Resumo

O texto agora apresentado, que faz parte de uma investigação de maior dimensão, possui como principal objetivo identificar a forma como as imagens e funções cosmogônicas atribuídas a Eshu – orixá do panteão iorubá – foram tratadas nas leituras elaboradas por quatro cientistas sociais que realizaram seus trabalhos de campo na região da iorubalândia, na África Ocidental, entre as décadas de 1950 e 1980. Apesar de algumas divergências observadas nas pesquisas analisadas tornou-se evidente que, o uso da tradição oral iorubá, permitiu - mesmo com as interferências das ações europeias nessa área do Golfo da Guiné ao longo dos séculos XIX e XX - uma análise reveladora do papel desempenhado por Eshu no pensamento e na estrutura cosmológica dos iorubás.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anderson Ribeiro Oliva, UnB

Professor Adjunto do Departamento de História da Universidade de Brasília, atuando nas áreas de História da África e Teoria e Metodologia do Ensino de História. Doutor em História Social.

Downloads

Publicado

2012-12-07

Como Citar

Oliva, A. R. (2012). Visões sobre Eshu: Imagens e interpretações da Cosmologia Iorubá na África Ocidental. O olhar dos cientistas sociais (1950-1980). Revista Brasileira De História &Amp; Ciências Sociais, 4(8). Recuperado de https://periodicos.furg.br/rbhcs/article/view/10501