Populismo e Participação Popular na Política Mexicana durante o governo Cárdenas (1934-1940)

Ival de Assis Cripa

Resumo


o artigo discute os pressupostos da corrente interpretativa que aplicou o conceito de populismo, para explicar a presença das massas no contexto político latino-americano dos anos 30, em especial no México, durante a gestão presidencial de Lázaro Cárdenas (1934- 1940). A partir da análise dos discursos de Cárdenas, busca-se outra interpretação da participação popular em seu regime.

Palavras-chave


Populismo, cardenismo, Revolução Mexicana, política de Massas, América Latina

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2009 Revista Brasileira de História & Ciências Sociais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional 

Desde 07 de março de 2009

A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia