Primeiro como tragédia, depois como farsa.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14295/cn.v1i3.9544

Palavras-chave:

ŽIŽEK, S. 2011. Primeiro como tragédia, depois como farsa. Trad. Maria Beatriz de Medina. São Paulo, Boitempo, 130 p. ISBN, 978-85-7559-174-1

Resumo

A impactante obra de Slavoj Žižek intitulada de Primeiro como tragédia, depois como farsa é um livro breve, porém, representativo de seu coerente e sistemático pensamento político e filosófico. Žižek problematiza os tempos contemporâneos ligados às duas crises que atingiram o mundo: os ataques de 11 de setembro de 2001 e a crise financeira de 2008. Na concepção de Žižek, esses dois eventos descortinam o declínio e o fim do ciclo das promessas da democracia liberal e o ressurgimento de uma nova esquerda.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Renato Ferraz da Silveira, Universidade Federal de Santa Maria

Professor Associado I do curso de Relações Internacionais da Universidade Federal de Santa Maria. 

Referências

ŽIŽEK, S. 2011. Primeiro como tragédia, depois como farsa. Trad. Maria Beatriz de Medina. São Paulo: Boitempo, 130 p. ISBN: 978-85-7559-174-1

Downloads

Publicado

2021-04-13

Como Citar

DA SILVEIRA, J. R. F. Primeiro como tragédia, depois como farsa. Campos Neutrais - Revista Latino-Americana de Relações Internacionais, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 107–109, 2021. DOI: 10.14295/cn.v1i3.9544. Disponível em: https://periodicos.furg.br/cn/article/view/9544. Acesso em: 16 abr. 2021.