Mulheres da vida difícil

Autores

  • Fabiane de Oliveira Resende Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Palavras-chave:

Literatura brasileira, Conto, Personagem prostituta, Aldyr Garcia Schlee

Resumo

Na criação ficcional de Aldyr Garcia Schlee, as personagens femininas sempre estiveram presentes e, muitas vezes, na condição de protagonismo, mesmo quando a representação reportava-se a um tempo de formação territorial sul-brasileira, espaço do fazer e do masculino. Em relatos assumidamente lacunares e preenchidos de imaginação, que tramam real e ficcional, misturando seus limites e provocando o leitor, aparece a representação da prostituta, central em Contos da vida difícil, volume de contos publicado no ano de 2013, dedicado ao tema. O presente trabalho ocupa-se com tal representação na obra de Schlee e com o modo como é construída formal e ideologicamente.

Referências

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. Obras escolhidas,v. 1. São Paulo: Brasiliense, 1985.

EBLE, Laeticia Jensen. “Escrevendo sua história com neon”: representação literária das prostitutas na contemporaneidade. In: Anais do XIV Seminário Nacional Mulher e Literatura / V Seminário Internacional Mulher e Literatura: Brasília, 2011.

GENETTE, Gérard. Paratextos editoriais. Trad. Álvaro Faleiros. Cotia: Ateliê, 2009.

GONZAGA, Sergius. Literatura marginal. In: FERREIRA, João-Francisco. Crítica literária em nossos dias e literatura

marginal. Porto Alegre: Ed. da Universidade/UFRGS, 1981. p. 143-153.

GOTLIB, Nádia Battella. Teoria do conto. São Paulo: Ática, 2006.

LIMA, Mauro André Moura de. A memória como efeito estético nos contos de Aldyr Garcia Schlee. [Tese de Doutorado] Universidade Federal do Rio Grande. Programa de Pós-Graduação em Letras. Doutorado em História da Literatura. 2019. Disponível em: https://argo.furg.br/?BDTD12507.

MARTINS, Gabriel S.; CORONEL, Luciana. Resistência e representações da prostituição na obra de Plínio Marcos.

Literatura e Autoritarismo, Santa Maria, Dossiê n. 20: Ressignificando histórias, p. 60-70, jul. 2017. Disponível em:

http://dx.doi.org/10.5902/1679849X27943.

MOREIRA, Ariágda dos Santos. O espaço da prostituta na literatura brasileira do século XX. Caligrama, Belo

Horizonte, v. 12, p. 237-250, 2007.

RESENDE, Fabiane de Oliveira. Aldyr Schlee e a linha de fronteira: homem, terra e literatura. [Dissertação de

Mestrado]. Universidade Federal do Rio Grande. Programa de Pós-Graduação em Letras. Mestrado em História da

Literatura. 2004. Disponível em: https://ppgletras.furg.br/images/Dissertacoes_pdfs/fabianeresende.pdf.

SCHLEE, Aldyr Garcia. Contos de sempre. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1983.

______. Uma terra só. Porto Alegre: Melhoramentos, 1984.

______. Os limites do impossível: contos gardelianos. Porto Alegre:

Ardotempo, 2009.

______. Contos da vida difícil. Porto Alegre: Ardotempo, 2013.

Downloads

Publicado

2020-10-09

Como Citar

Resende, F. de O. (2020). Mulheres da vida difícil. Cadernos Literários, 27(2), 32–39. Recuperado de https://periodicos.furg.br/cadliter/article/view/11750

Edição

Seção

Seção Livre