Estudo de usuários no SRI da Biblioteca Pública Benedito Leite: relato de experiência vivenciada na disciplina Referência no curso de Biblioteconomia da UFMA

Marcia Cordeiro Costa

Resumo


Trata de uma experiência vivenciada na condução da disciplina Referência, ministrada no curso de graduação em Biblioteconomia da Universidade Federal do Maranhão, no primeiro semestre letivo de 2017. Apresenta a importância da aprendizagem significativa na formação do acadêmico. Constata que a experiência de pesquisa contribui para o aprendizado significativo dos acadêmicos de Biblioteconomia sobre a temática do estudo de usuário no SRI.


Palavras-chave


Referência; Estudo de Usuários; Ensino em Biblioteconomia; Aprendizagem significativa.

Texto completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS

ALMEIDA JÚNIOR, O. F. Mediação da informação e múltiplas linguagens. Tendências da Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação, v.2, n.1, p.89-103, jan./dez. 2009. Disponível em: . Acesso em:

jul. 2017.

AUSUBEL, D.P. A aprendizagem significativa: a teoria de David Ausubel. São Paulo: Morais, 1982.

FIGUEIREDO, Nice Menezes de. Estudos de uso e usuários da informação. Brasília: IBICT, 1994.

GROGAN, Denis. A prática do serviço de referência. Tradução de Antonio Agenor Briquet de Lemos. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2001.

LUCAS, C. R. A organização do conhecimento e tecnologias da informação: oráculos humanos e inteligência artificial. In:____. Organização do conhecimento e sistemas de classificação. Brasília: MCT/CNP IBICT, 1996. p. 69-73.

MACEDO, Neusa Dias de ; MODESTO, Fernando. Equivalências: do Serviço de Referência convencional a novos ambientes de redes digitais em bibliotecas. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação: Nova Série, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 38-54, 1999.

MACEDO, Neusa Dias de. Princípios e reflexões sobre o serviço de referência e informação. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, v.23, n.1-4, p.9-37, jan./dez.1990.

MASETTO, M.T. Didática: a aula como centro. São Paulo: FTD, 1997.

NASCIMENTO, M. J. de. Usuário da informação como produção científica e disciplina curricular: origem dos estudos e o ensino no Brasil. Revista Digital de

Biblioteconomia & Ciência da Informação, Campinas, v. 8, n. 2, p. 41-71, jan./jun. 2011.

RANGANATHAN, S. R. As cinco leis da biblioteconomia. Tradução de Tarcisio Zandonade. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, 2009.

RUÉ, J. Aprender com autonomia no ensino superior. In: ARAUJO, U. F.; SASTRE, G. Aprendizagem baseada em problemas. São Paulo: Summus editorial, 2009.

SILVA, Edna Lúcia da; CUNHA, Miriam Vieira da. A formação profissional no século XXI: desafios e dilemas. Ciência da Informação. Brasília, v. 31, n. 3, p. 77-82, set./dez. 2002. Disponível em: . Acesso em: 16 de mar. 2017.




DOI: https://doi.org/10.14295/biblos.v32i1.7427

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PROPESQ PROPESQ PROPESQ   PROPESQ   PROPESQPROPESQ             PROPESQ