https://periodicos.furg.br/biblos/issue/feed BIBLOS 2020-12-31T22:19:09-03:00 Angélica Conceição Dias Miranda angelicacdm@gmail.com Open Journal Systems <p>A BIBLOS - Revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informação é uma publicação semestral, aceita trabalhos inéditos que apresentem resultados de estudos e pesquisas relacionados com as áreas da informação, tecnologia e afins.</p> <p><strong>COMPARTILHE A REVISTA</strong></p> <p><a href="https://www.linkedin.com/shareArticle?mini=true&amp;url=https://periodicos.furg.br/biblos/index"><img src="https://img.icons8.com/plasticine/60/000000/linkedin.png" alt="" width="25" height="25"></a>&nbsp;&nbsp;<a href="https://www.facebook.com/sharer/sharer.php?u=https://periodicos.furg.br/biblos/index"><img src="https://img.icons8.com/plasticine/60/000000/facebook.png" alt="" width="25" height="25"></a>&nbsp;&nbsp;<a href="https://api.whatsapp.com/send?text=https://periodicos.furg.br/biblos/index"><img src="https://img.icons8.com/plasticine/60/000000/whatsapp.png" alt="" width="25" height="25"></a>&nbsp;&nbsp;<a href="https://twitter.com/intent/tweet?text=https://periodicos.furg.br/biblos/index"><img src="https://img.icons8.com/plasticine/60/000000/twitter.png" alt="" width="25" height="25"></a></p> https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11287 INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS BENS CULTURAIS ACAUTELADOS PELO IPHAN E IBRAM 2020-09-21T15:29:57-03:00 Leonardo Barreto Oliveira barretoleonardo6@gmail.com Cátia Rodrigues Barbosa catiarbp1@hotmail.com A investigação analisou os dados e informações disponibilizados nos sites do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional-Iphan e do Instituto Brasileiro de Museus-Ibram, questionando se possibilitam a participação da sociedade no combate ao trafico ilícito de bens culturais. A pesquisa se apoiou em teorias relativas à eficácia da gestão da informação nas organizações. Os dados relativos aos bens culturais desaparecidos foram analisados para detecção de falhas em sua coleta. Comprovou-se a insuficiência de critérios técnicos na apresentação das informações, não propiciando a formulação de ações estratégicas, e impedindo a sociedade de participar de forma ativa no combate ao trafico ilícito de bens culturais 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12395 O FLUXO TEMPORAL DE TERMOS RELEVANTES 2020-12-14T22:52:55-03:00 Luiz Antônio Lopes Mesquita mesquitaluiz@hotmail.com Renato Rocha Souza renato.souza@fgv.br Célia da Consolação Dias celiadias@gmail.com <p>O objetivo geral desta pesquisa foi analisar se há uma variação temporal característica da distribuição de valores de termos relevantes ao longo do tempo da produção de textos que possa contribuir como um critério para o processo de sua indexação automática. Foram analisadas as teses de doutorado dos programas de pós-graduação (PPGs) da área de Ciências Sociais Aplicadas da UFMG, considerando-se 7 PPGs distintos, sendo cada um deles um <em>corpus</em>, com um total de 641 teses defendidas período de 12 anos, de 2007 a 2018. Os termos considerados foram todos os sintagmas nominais contidos nos próprios textos das teses. Cada sintagma nominal recebeu um valor associado à sua relevância como descritor de acordo com os critérios de frequência do termo na própria tese (<em>TF - Term Frequency</em>) e com o inverso da frequência de ocorrência do termo no total de teses de cada PPG (<em>IDF - Inverse Document Frequency</em>). As teses foram divididas em 12 grupos em cada PPG para o cálculo da data média de defesa das teses e da média de pontuação consolidada dos termos relevantes nas teses. Como resultados, identificou-se o comportamento característico de cada PPG através de um gráfico de dispersão do nível médio de pontuação de relevância ao longo do tempo. Para cada gráfico de cada um dos 7 PPGs foi adicionada uma linha de tendência, considerando seu respectivo R², e feita sua análise específica. Todos os comportamentos de distribuição temporais foram caracterizados em equações polinomiais e podem ser aplicados como critério para indexação automática.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11972 EL USO ÉTICO DE LA INFORMACIÓN EN LOS PLANES DE FORMACIÓN EN COMPETENCIAS INFORMACIONALES DE LAS BIBLIOTECAS UNIVERSITARIAS ESPAÑOLAS 2020-12-29T19:41:04-03:00 Renata Braz Gonçalves renatabraz@furg.br Aurora Cuevas-Cerveró macuevas@ccinf.ucm.es <p><span class="fontstyle0">Presentamos resultados de una investigación que ha tenido como objetivo detectar el uso ético de la información em los planes de formación de las bibliotecas universitarias españolas. Se analiza el uso ético de la información en los planes de formación en competencias informacionales desarrollados por bibliotecas vinculadas a la Red de Bibliotecas Universitarias Españolas (REBIUN). Tomando como referencia la documentación presentada en las páginas<br />institucionales de esas bibliotecas. Identificamos 69 universidades que presentan alguna referencia en su página sobre la realización de actividades de formación de usuarios, y de ellas, 16 disponen de un plan de formación formalizado en documento identificado como tal. Dichos planes constituyen el corpus de análisis de la investigación bajo la perspectiva del análisis de contenido. Los resultados revelan que, pese a que existen planes que contemplan los indicadores para las competencias informacionales relacionadas con la ética de la información, estos todavía son escasos. Además, los planes que lo hacen no siempre logran trabajar todos los indicadores, puesto que ningún indicador ha sido apuntado por todos los planes al mismo tiempo. Estos resultados nos indican la necesidad de discutir esa temática en las bibliotecas universitarias. <br /></span></p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12441 EDITORIAL DOSSIÊ TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO CONTEXTO DA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO 2020-12-22T12:03:17-03:00 Emanuelle Torino etorino@gmail.com Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti silvana.vidotti@unesp.br <p>Este número da ‘Biblos – Revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informação’, cuja temática norteadora consiste nas ‘Tecnologias de Informação e Comunicação no contexto da Ciência da Informação’, é lançado em um momento importante para a história, marcado por uma situação pandêmica que alterou substancialmente ações diárias da sociedade. Indiscutivelmente, as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) passaram dar suporte nessa nova realidade para o desenvolvimento das atividades profissionais, educacionais, científicas, sociais ou de entretenimentos.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12199 TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NA CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO 2020-11-08T22:57:34-03:00 Ricardo César Gonçalves Sant’Ana ricardo.santana@unesp.br <p><span>Este artigo apresenta estudo feito sobre aderência de pesquisas feitas na Ciência da Informação, em especial em dissertações de mestrado, com conceitos relacionados às Tecnologias da Informação e da Comunicação. Trata-se de uma pesquisa exploratória que buscou utilizar recursos de análise de frequência e dispersão de termos, e de similaridade entre eles, com o intuito de identificar indícios desta aderência e de apresentar alternativas de visualização dos dados obtidos pelas análises. Conclui-se que a utilização de recursos de análise e visualização não só permitem explicitar a aderência da Ciência da Informação a termos relacionados às Tecnologias da Informação e Comunicação como ainda permitem identificar configurações internas da produção de pesquisa como a caracterização de linhas de pesquisa. Espera-se que esta pesquisa motive o desenvolvimento de trabalhos futuros que permitam não só o descortinar da área para os seus próprios pesquisadores como para as áreas com que a Ciência da Informação tem potencial de interação.</span></p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11875 AFINAL, O QUE É DADO DE PESQUISA? 2020-10-23T17:21:55-03:00 Luis Fernando Sayão lsayao@cnen.gov.br Luana Farias Sales luanafsales@gmail.com <p>No contexto científico contemporâneo em que a geração, coleta e análise intensiva de dados se tornam etapas essenciais para o progresso científico, os sistemas de gestão e curadoria de dados se reconfiguram como infraestruturas-chave na composição das ciberinfraestruturas de pesquisa. Porém, a curadoria e gestão de dados só se efetivam se forem consideradas as especificidades dos domínios disciplinares, os fluxos de pesquisa e, sobretudo, as características dos dados coletados, aproximando o ciclo de vida da pesquisa com o ciclo de vida dos dados. Com o objetivo de contribuir para a superação desse desafio, o presente estudo procura explicitar e discutir os principais conceitos, características e propriedades dos dados de pesquisa – sistematizando-os na forma de uma taxonomia - em função dos impactos que eles têm na concepção das infraestruturas tecno-socias e organizacionais dos sistemas de gestão e curadoria de dados de pesquisa.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11809 COMPETÊNCIA EM DADOS 2020-10-08T11:17:37-03:00 Marcelle Costal costalcastro@gmail.com Luana Sales luanafsales@gmail.com Marianna Zattar mariannazattar@gmail.com <p align="center"> </p><p>Os desafios da gestão e curadoria de dados de pesquisa esbarram com a necessidade de desenvolver habilidades e competências específicas, dentre as quais as Tecnologias da Informação e Comunicação. Nesse sentido, este artigo tem por objetivo identificar quais são as habilidades técnicas e tecnológicas que o bibliotecário precisa desenvolver, relacionadas à competência em dados. Para tal, propõe a criação de categorias e eixos temáticos a partir de uma coleta de dados nas ementas dos cursos de mestrado em Biblioteconomia credenciados pela <em>American Library Association</em>. Utiliza como procedimento metodológico uma abordagem qualitativa a partir de um método exploratório. Tem por resultados habilidades técnicas e tecnológicas relacionadas aos padrões de metadados, o conhecimento de recursos de dados, aprendizado e uso da linguagem de programação, dentre outras competências de cunho interdisciplinar com a ciência de dados. Conclui que a competência em dados, está relacionada à competência em informação e pode projetar as práticas biblioteconômicas, quanto às etapas que envolvem o uso das Tecnologias da Informação e Comunicação para a gestão de dados de pesquisa.</p><p> </p><p><strong>Palavras-chave</strong>: Competência em dados. Gestão de dados de pesquisa. Tecnologia da informação e comunicação.</p><p> </p><p align="center"><strong>DATA LITERACY: LIBRARIAN’S SKILLS IN PROFESSIONAL AND EDUCATIONAL DEVELOPMENT</strong></p><p align="center"> </p><p align="center"><strong>ABSTRACT</strong></p><p>The research data management and digital curation challenges run into the need to develop skills, including literacies of Information and Communication Technology. This study aims to identify what are the technical and technological skills, that the librarian needs to develop the data literacy. This paper proposes the creation of thematic axes and categories based on data collection of institutional websites for master's courses in Library Science accredited by the American Library Association. The methodological procedure is a qualitative approach based on an exploratory method. Our results show that technical and technological skills include to metadata standards, knowledge of data resources, learning and use of the programming language, among other interdisciplinary skills. Overall, data literacy is related to information literacy and can be design library practices, that involve the use of information and communication technology for research data management.</p><p> </p><p><strong>Keywords</strong>: Data literacy. Research data management. Information and communication technology.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11870 POLÍTICAS DE PRIVACIDADE DA INFORMAÇÃO 2020-10-08T11:37:33-03:00 Sandra de Albuquerque Siebra sandra.siebra@ufpe.br Gabriela Araújo Cavalcanti Xavier gabrielaacx@gmail.com <p>Este artigo visa caracterizar e auxiliar na avaliação de políticas de privacidade da informação em ambientes digitais. Este é um estudo descritivo e qualitativo, cujos meios de investigação são a pesquisa documental e bibliográfica. Conclui-se que os interagentes carecem de informações sobre os processos de coleta, armazenamento, tratamento e compartilhamento de seus dados pessoais, que poderiam ser apresentados por meio de políticas de privacidade claras e objetivas. Sem estas informações torna-se difícil para os interagentes ponderarem sobre a troca de seus dados por serviços, tolhendo sua autonomia para controlar a privacidade de seus dados pessoais. Como contribuição, é apresentado um checklist para avaliação da qualidade e completude de políticas de privacidade, visando apoiar aqueles que precisarem elaborá-las e os interagentes que farão uso delas. Ressalta-se a importância do profissional da informação na conscientização do interagente e na publicação de estudos relacionados à privacidade da informação.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12102 ELEMENTOS DE ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO PERVASIVA NO CONTEXTO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO (ANCIB) 2020-10-30T23:03:47-03:00 Henry Poncio Cruz de Oliveira henry.poncio@gmail.com Laelson Felipe da Silva laelsonfelipesilva@gmail.com José Jullyan Galdino da Cruz Silva jjgaldino07@gmail.com <p class="western" align="justify"><span style="font-size: small;">A evolução das tecnologias </span><span style="font-size: small;"><span>da informação e comunicação</span></span><span style="font-size: small;"> promoveu o desenvolvimento de estudos a respeito da Arquitetura da Informação Pervasiva e a aplicação de seus aspectos conceituais em ambientes de disseminação e armazenagem informacional. A pesquisa objetivou a investigação dos elementos teóricos da Arquitetura da Informação Pervasiva no contexto </span><span style="color: #000000;"><span style="font-family: Calibri, sans-serif;"><span style="font-size: small;"><span lang="pt-BR">dos </span></span></span></span><span style="color: #000000;"><span style="font-family: Calibri, sans-serif;"><span style="font-size: small;"><span lang="pt-BR"><span>ambientes informacionais digitais</span></span></span></span></span><span style="font-size: small;">da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação . Para angariar dados foi realizada uma revisão de literatura sobre Arquitetura da Informação Pervasiva e análise em ambientes digitais da </span><span style="font-size: small;"><span>Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação</span></span><span style="font-size: small;">. Os resultados obtidos foram </span><span style="font-size: small;">a</span><span style="font-size: small;"> criação de novos ambientes com aplicabilidade </span><span style="font-size: small;"><span>melhor adequada ao arcabouçou teórico conceitual da Arquitetura da Informação Pervasiva</span></span><span style="font-size: small;">; </span><span style="font-size: small;"><span>a</span></span><span style="font-size: small;">padronização desses ambientes digitais; a inserção dos dados na nova versão e adoção de uma perspectiva ecológica. </span><span style="font-size: small;"><span>Consideramo</span></span><span style="font-size: small;"><span>s</span></span><span style="font-size: small;"> que novas análises podem ser realizadas com o intuito de aprofundar os conhecimentos. </span></p><p class="western" align="justify"> </p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11785 AVALIAÇÃO DA CONSISTÊNCIA EM AMBIENTES INFORMACIONAIS DIGITAIS NO CONTEXTO DE ECOLOGIAS INFORMACIONAIS COMPLEXAS 2020-10-30T19:44:01-03:00 Camila Adrianni Silva Oliveira camilaoliveira1700@gmail.com Fernando Luiz Vechiato vechiato2008@gmail.com <span class="TextRun BCX0 SCXW33637504" lang="PT-BR" xml:lang="PT-BR" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun BCX0 SCXW33637504">A Arquitetura da Informação Pervasiva enfatiza o projeto e a avaliação de ecologias informacionais complexas. Uma de suas heurísticas é a Consistência que, quando aplicada, proporciona diálogo lógico entre os diferentes ambientes informacionais digitais pertencentes a uma ecologia informacional complexa, no que diz respeito à organização, à rotulagem, à representação, à navegação e à busca e recuperação da informação disponível. A partir dessas premissas, objetivou-se propor um</span></span><span class="TextRun BCX0 SCXW33637504" lang="PT-BR" xml:lang="PT-BR" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun BCX0 SCXW33637504"> </span></span><span class="TextRun BCX0 SCXW33637504" lang="PT-BR" xml:lang="PT-BR" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun BCX0 SCXW33637504">checklist</span></span><span class="TextRun BCX0 SCXW33637504" lang="PT-BR" xml:lang="PT-BR" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun BCX0 SCXW33637504"> para avaliação da consistência de ecologias informacionais complexas, a partir de recomendações advindas da literatura científica, com utilização de pesquisa bibliográfica.</span></span> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12214 IMPLEMENTAÇÃO DE ASPECTOS DE ACESSIBILIDADE EM BIBLIOTECA DIGITAL DESENVOLVIDA COM O DSPACE 2020-10-30T14:34:36-03:00 Ingrid Torres Schiessl ingridschiessl@gmail.com Lucas Ângelo Silveira lucasangelosilveira2018@gmail.com Rafael Fernandez Gomes rafaelfernandezgomes@gmail.com Milton Shintaku sintaku@ibict.br <span id="docs-internal-guid-e26dd1d6-7fff-e109-0d73-8a15b7df32fb"><span>O DSpace tem se tornado a principal tecnologia para a criação de bibliotecas digitais de governo. Entretanto, o DSpace não implementa, de forma padrão, aspectos de acessibilidade requeridas por lei em sítios governamentais. Assim, o presente trabalho tem como objetivo descrever sobre a implementação de aspectos de acessibilidade em biblioteca digital de governo segundo orientações do Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico (eMAG), por meio de estudo que alia aspectos qualitativos com metodologia relacionada a informática. Os resultados revelaram que parte das tarefas de implementar aspectos de acessibilidade são alheias ao DSpace, visto que precisam dar acessibilidade a imagens utilizadas na configuração da biblioteca digital, por exemplo. Assim, é preciso acrescentar aspectos de acessibilidade também às políticas da biblioteca digital.</span></span> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11840 RECUPERAÇÃO DE INFORMAÇÃO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS 2020-10-30T13:49:52-03:00 Rodrigo Ananias da Silva Souza rodrigo.ananias@unesp.br Cecílio Merlotti Rodas cecilio.rodas@unesp.br <p>A Recuperação de Informação realizada por intermédio de dispositivos como o <em>desktop </em>e o <em>notebook </em>trouxe um grande avanço tecnológico para diversas áreas, assim como para a Ciência da Informação. Adaptar as estratégias da recuperação em telas de dispositivos móveis se torna necessário de acordo com as mudanças das necessidades informacionais dos usuários. Assim, esse trabalho procura mostrar a necessidade de pesquisas referentes à Recuperação da Informação em dispositivos móveis e ainda abordar a utilização de ferramentas tecnológicas, como o <em>Eye Tracking</em>, que possibilitam medir a usabilidade de ambientes informacionais digitais, assim como o comportamento do usuário buscando o aprimoramento de sua experiência diante das interfaces. Para o desenvolvimento deste trabalho foi realizada uma revisão bibliográfica, tendo como critérios de busca trabalhos publicados sobre o tema da Recuperação da Informação em dispositivos móveis e técnicas para realizar a mensura de usabilidade e recuperação da informação nos últimos cinco anos. O considerável aumento das necessidades informacionais e das buscas realizadas por intermédio de dispositivos móveis justifica a importância deste tema de pesquisa na Ciência da Informação. Além disso, considerando-se a pequena quantidade de trabalhos recuperados na base de dados da Brapci sobre objeto de estudo deste trabalho, acredita-se que novos estudos possam contribuir na perspectiva do acesso à informação por meio de dispositivos móveis.</p> <p><span id="docs-internal-guid-7afa1271-7fff-5936-2db1-57d9c8243a07"> </span></p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11839 CATALOGAÇÃO DESCRITIVA E TEMÁTICA DE DOCUMENTOS MUSICAIS NO CONTEXTO DA BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA 2020-10-25T20:30:07-03:00 Diego Rodrigues Figueiredo diegobbliotheconomie@gmail.com Joice Cleide Cardoso Ennes de Souza joicecardoso@id.uff.br Elisabete Gonçalves de Souza elisabetegs@id.uff.br <p class="normal">Objetiva analisar a catalogação descritiva e temática do documento musical, mais especificamente partitura, no âmbito da biblioteca universitária, de forma a discutir os aspectos relevantes a serem considerado no tratamento informacional desse recursos. Pesquisa de natureza básica, com abordagem qualitativa, bibliográfica e descritiva. A partir da análise da partitura musical de piano “Dansa Brasileira” de Camargo Guarnieri, depositada na Biblioteca Setorial do Centro de Letras e Artes da UNIRIO, destacou-se os aspectos adotados no tratamento informacional do documento à luz da literatura da área. Conclui-se que, para o tratamento informacional de um documento musical, é necessário que o catalogador desenvolva competência informacional de forma a conhecer as particularidades do documento e explorar o seu potencial informacional.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11515 A PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE ESTUDOS DE GÊNERO NO REPOSITÓRIO DIGITAL DA UFRGS 2020-11-08T22:52:59-03:00 Thaís Dias Medeiros tmedeiros497@gmail.com Natascha Helena Franz Hoppen natascha.hoppen@ufrgs.br Samile Andréa de Souza Vanz samile.vanz@ufrgs.br <p>O presente estudo caracteriza a produção científica sobre estudos de gênero no Lume – Repositório Digital da UFRGS – por meio de análise bibliométrica. O corpus é delimitado pelos documentos sobre estudos de gênero, sexualidade, feminismo e teoria queer. A produção concentra-se nas áreas de Ciências Sociais e Humanidades, Comunicação e Saúde. Os assuntos majoritariamente abordados são: sexualidade, feminismo, estudos culturais, relações de gênero, masculinidades e educação. Conclui-se que a UFRGS produz sobre a temática estudos de gênero, especialmente nas áreas de Ciências Sociais e Humanas, Comunicação e Saúde, e que sua produção na área acompanha o desenvolvimento nacional desse campo de estudo.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11490 O BIBLIOTECÁRIO NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E O MÉTODO ESTRUTURALISTA 2020-10-08T11:13:22-03:00 Paula Pinheiro da Nóbrega ppnjc@hotmail.com Andréa Soares Rocha da Silva andreasrs07@gmail.com Gabriela Belmont de Farias gabibfarias@gmail.com Priscila Barros David priscila@virtual.ufc.br <p>A Educação a Distância vem crescendo cada vez mais e vários profissionais estão engajados na área, dentre eles destaca-se o bibliotecário, o qual dispõe de competências que podem contribuir para a modalidade. Ao observar o método estruturalista, a partir da visão dos seus precursores, Saussere e Lévy-Strauss, os quais apresentam focos referentes à semântica e à antropologia. O presente artigo busca refletir e nortear, do ponto de vista teórico, as contribuições do estruturalismo à atuação do bibliotecário no ambiente da educação à distância. Trata-se, de uma pesquisa bibliográfica e exploratória, com abordagem qualitativa, onde busca, de acordo com a literatura, despertar para as relações importantes que o referido método pode contribuir com as ações do bibliotecário, desde aspectos documentais, como a <em>web </em>semântica, até análises sobre a satisfação dos usuários no tocante aos serviços prestados.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11811 TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO, METODOLOGIAS ATIVAS E OS FATORES DE INTERAÇÃO 2020-10-08T15:41:16-03:00 Fábio Rogério Batista Lima fabio.robal@yahoo.com.br Fabio Murakami fabiomk@outlook.com Solange Aparecida Devechi Ordones solange.ordones@gmail.com <p>O presente estudo traz reflexões acerca do processo de interação do indivíduo com as metodologias ativas por meio do uso de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) e faz conexão com os pensamentos de Marshall McLuhan. Para tanto, o artigo é de abordagem qualitativa e de natureza teórico-aplicada, apresenta objetivos descritivos e exploratórios e faz uso de procedimentos bibliográficos e documentais. Como resultado, a importância do uso das tecnologias de informação e comunicação, proporciona inserções de metodologias ativas e estruturas pedagógicas para o efetivo processo de ensino-aprendizagem. Assim, o desafio é a adaptação ao cenário cada vez mais mutável, e o processo de aprendizagem está diretamente relacionado à capacidade de relacionamento interpessoal, no desenvolvimento do comportamento informacional, na construção do conhecimento científico e no domínio das TIC.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11864 PROPOSTA DE INTEGRAÇÃO DE RECURSOS DO PATRIMÔNIO CULTURAL CIENTÍFICO NO MODELO EDM 2020-10-08T11:20:17-03:00 Cláudio Jose S. Ribeiro claudio.ribeiro@unirio.br Alexandre Medeiros Correia de Sousa alemed75@gmail.com Maria Manuel Borges mmb@fl.uc.pt <p>As instituições que lidam com a curadoria do patrimônio cultural têm o desafio de organizar as informações do campo em que estão inseridas e englobando questões sobre interoperabilidade de dados na internet. O uso das tecnologias da Web Semântica e dos princípios Linked Data tem sido apontado como facilitador para interligar dados e recursos oriundos de diferentes acervos e procedências a partir do momento em que possibilita que se estabeleçam metadados de ligações semânticas em contextos específicos. Neste ensaio propomos um estudo de caso sobre formas de integração de bens documentais do Patrimônio Cultural Científico, tomando por base a modelagem de descrição de recursos Europeana Data Model (EDM) e a possibilidade do reuso de metadados já estabelecidas por vocabulários semânticos. Dessa forma, buscamos verificar como esta abordagem pode contribuir para o desenvolvimento de uma rede de dados em campos mais específicos do patrimônio cultural mais específicos.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11636 ESTRATÉGIAS, MODELOS E PLATAFORMAS ON-LINE DE ARMAZENAMENTO PARA ARQUIVOS AUDIOVISUAIS 2020-11-08T22:54:21-03:00 Paulo Eduardo Silva Lins Cajazeira paulo.cajazeira@ufca.edu.br José Jullian Gomes Souza jullianjose64@gmail.com <p>Pretende-se apresentar as estratégias de armazenamento e salvaguarda os arquivos audiovisuais, a partir de modelos e plataformas online utilizados por instituições brasileiras. Como forma de propiciar a visualização dos formatos que podem ser apropriados por outras instituições, que possuem arquivos audiovisuais em seu acervo. Dessa forma, tem como objetivos secundários: a) explicitar os ambientes digitais de informação enquanto novos lugares de memória, sobretudo para o audiovisual e b) identificar as características próprias de cada modelo e plataforma digitais. O quadro metodológico perpassa uma abordagem qualitativa com estratégia de estudo exploratório, visualizando as plataformas utilizadas por diferentes instituições. Conclui-se que os ambientes digitais possuem diferentes recursos e plataformas, que podem ser utilizados para a preservação e potencialização do acesso e uso online do arquivo audiovisual.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11605 A RESPONSABILIDADE DO GESTOR DA INFORMAÇÃO NA GESTÃO DOCUMENTAL E NO PROCESSO DE DESCARTE LEGAL DE DOCUMENTOS ARQUIVÍSTICOS 2020-11-08T22:53:37-03:00 Hélio Márcio Pajeú heliopajeu@ufpe.br Jefferson Andrade de Araújo jota1000-19@hotmail.com <p>Gestão documental é o conjunto de procedimentos técnicos que racionaliza o acesso, o arquivamento e a preservação dos documentos arquivísticos desde a produção até a destinação. Dentre seus procedimentos, a avaliação é o processo que destina os documentos para o descarte ou preservação e a vigência dos documentos, assim como o descarte é regulada por uma legislação arquivística que leva a punição da instituição ou do profissional que descartar documentos de interesse social ou fora de sua vigência. O gestor da informação é o profissional, do campo da Ciência da Informação, que visa atender a necessidades informacionais, gerenciando a informação em todo o ciclo que a compreende, portanto, esta pesquisa busca refletir sobre a importância e a responsabilidade desse profissional no processo legal de descarte de documentos. Assim, por meio de uma pesquisa documental descrevemos e analisamos um conjunto de documentos oficiais organizados numa coletânea publicada pelo CONARQ necessários a esse profissional ao atuar no processo de gestão documental, destacando suas competências e habilidades para tal. Deste modo, cconsiderou-se o descarte legal de documentos uma atuação do gestor da informação para o gerenciamento de um dos ciclos informacionais em que deve fazer uso dos fundamentos arquivísticos, dos procedimentos da gestão documental e das leis e normas que regem o descarte legal de documentos, protegendo sua atuação, as responsabilidades da instituição e, sobretudo a informação a ser utilizada e pesquisada pelos seus usuários no momento oportuno.</p> 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/11368 DESINFORMAÇÃO, PÓS-VERDADE E COMPORTAMENTO HUMANO 2020-11-08T22:52:07-03:00 José Carlos Sales dos Santos jsalles@ufba.br Vagner Marcelo Ramos Santos postalsalles@gmail.com Fabiana Costa Lavigne postalsalles@gmail.com A desinformação, pós-verdade e comportamento informacional de usuários despontam-se como temáticas emergentes da Ciência da Informação, mas carecem de estudos e pesquisas que concatenem os mencionados assuntos conjuntamente. A desinformação reserva conteúdos orientados a convencer a opinião pública a determinadas notícias falsas, visando sempre vantagens particulares. Encontra-se, perante a disseminação intensa de conteúdos em fontes de informação, o comportamento de usuários/leitores inscrito em novos cenários e desafios informacionais. Considerando as premissas introdutórias, o objetivo do presente artigo procurou analisar como os processos da desinformação podem repercutir nas práticas relacionadas ao comportamento informacional de usuários/leitores. Para cumprir o objetivo balizador do <em>paper</em>, os autores discorreram acerca de conceitos relativos à desinformação e ao processo de compartilhamento de notícias falsas em meios de comunicação tradicionais e digitais, com destaque às redes sociais, assim como a relevância de profissionais da informação na orientação de usuários e no acesso a informações factuais. As considerações finais evidenciaram que usuários/leitores, e os citados profissionais da informação, precisam considerar e compreender os desafios impostos pela disseminação ostensiva de notícias falsas, que repercute negativamente nas práticas intrínsecas ao comportamento informacional de indivíduos em tela. 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS https://periodicos.furg.br/biblos/article/view/12429 BIBLOS 2020-12-17T16:56:45-03:00 Angélica C. D. Miranda angelicam@furg.br 2020-12-31T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2020 BIBLOS