Identificação das principais discussões entre a Arquivologia e a Gestão Eletrônica de Documentos a partir de levantamento quantitativo

Nadiane Carla de Oliveira Silva, Roberto Lopes dos Santos Junior

Resumo


Análise sobre o estado da arte das discussões feitas pela Arquivologia sobre a Gestão Eletrônica de Documentos – GED, por meio de levantamento quantitativo e bibliográfico de artigos científicos em oito periódicos, sendo quatro na área de Arquivologia (Acervo, Ágora, Archeion Online e Informação Arquivística) e quatro em Ciência da Informação (Encontros Bibli, Informação & Sociedade, Perspectivas em Ciência da Informação e TransInformação). Da coleta de dados, compreende-se publicações no período de 1985 a 2016, onde foram selecionados sessenta e dois trabalhos, considerando cinco terminologias: Tecnologia e Sociedade, Avanços Tecnológicos, Preservação de Documentos, Certificação Digital e Gestão Eletrônica de Documentos. Percebeu-se o período a partir de 2012 como o mais produtivo sobre o tema, com a terminologia preservação como a mais discutida e abordada tanto na Arquivologia como na Ciência da informação. Conclui-se que a GED tem sido discutida e constituída ao longo dos últimos anos pela Arquivísitica, derivada dos avanços tecnológicos e seus desafios, sendo acessível e estruturada para uma conveniente gestão da informação pelo arquivista

Palavras-chave


Gestão Eletrônica de Documentos. Arquivologia. Tecnologia.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, Jorge Phelipe Lira de. Aprender a ler entre bits: autenticidade em arquivos pessoais digitais. Acervo, Rio de Janeiro, v. 29, n. 2, p. 133-142, jul./dez., 2016.

ALONSO, Luiza Beth Nunes; FERNEDA, Edilson; BRAGA, Lamartine Vieira. Governo eletrônico e políticas públicas: análise sobre o uso da certificação digital no Brasil. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 21, n. 2, p. 13-24, maio/ago., 2011.

ANJOS, Clebson Leandro Beserra; FELIPE, André Anderson Cavalcante. Gestão documental em unidades de informação: uma análise do arquivo da Fundação Norte-Rio-Grandense de Pesquisa de Cultura – FUNPEC. Ágora, Florianópolis, v. 24, n. 49, p. 257-276, 2014.

BAHIA, Eliana Maria dos Santos; SANTOS, Raimundo Nonato Macedo dos; BLATTMANN, Ursula. Estudo bibliométrico sobre preservação digital: Library and Information Science Abstracts – LISA. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 16, n. esp. 1 sem., p. 91-105, 2011.

BESSER, Howard. Longevidade digital. Acervo, Rio de Janeiro, v. 23, n. 2, p. 57-70, jul./dez., 2010.

BONATO, Nailda Marinho da Costa. O uso das fontes documentais na pesquisa em história da educação e as novas tecnologias. Acervo, Rio de Janeiro, v. 17, n. 2, p. 85-110, jul./dez., 2004.

BRASIL. Instituto Nacional de Tecnologia da Informação – ITI. Certificação digital. Disponível em: . Acesso em: 22 jun. 2017.

CABRAL, Ana Maria Rezende. Tecnologia digital em bibliotecas e arquivos. Transinformação, Campinas, v. 14, n. 2, p. 167-177, jul./dez., 2002.

CASTELLS, M. A sociedade em rede. 10º ed. São Paulo: Paz e Terra, 2016.

CASTRO, Astréa de Moraes e; CASTRO, Andresa de Moraes e; GASPARIAN, Danuza de Moraes e Castro. Arquivos: físicos e digitais. Brasília: Thesaurus, 2007.

CATTELAN, Paulo. Winbusca-GED: construção do banco de dados do arquivo histórico para o memorial do Rio Grande do Sul. Ágora, Florianópolis, v. 15, n. 31, p. 50-56, 2000.

CLOONAN, Michèle V. Preservando documentos de valor permanente. In: EASTWOOD, Terry; MACNEIL, Heather (Org.). Correntes atuais do pensamento arquivístico. Tradução de Anderson Bastos Martins, Revisão de Heloísa Liberalli Belloto. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2016. p. 107-134.

CONARQ – Conselho Nacional de Arquivos. e-ARQ Brasil: modelo de requisitos para sistemas informatizados de Gestão Arquivística de Documentos. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2011a.

______. Orientação Técnica nº 1: orientações para contratação de SIGAD e serviços correlatos. 2011b.

COSTA, Eliandro dos Santos; CAPORALLI, Lucinéia de Araújo. Preservação de documentos arquivísticos digitais autênticos: estudo do “Projeto de Extensão Eletrônico” da Universidade Estadual de Londrina. Informação Arquivística, Rio de Janeiro, v. 3, n. 2, p. 43-69, jul./dez., 2014.

DANTAS, Célia Medeiros; CORDULA, Flavio Ribeiro; ARAÚJO, Wagner Junqueira. Análise da representação da informação em modelos entidade relacionamento com base em metadados. Archeion Online, João Pessoa, v. 4, n. 1, p. 40-63, jan./jun., 2016.

DORNELES, Sânderson Lopes; CORRÊA, Renato Fernandes. Gestão de documentos digitais em aplicações de certificação digital. Informação Arquivística, Rio de Janeiro, v. 2, n. 2, p. 3-31, jul./dez., 2013.

ELIAS, Ezmir Dippe. Gerenciamento eletrônico de documentos (GED): aplicação na Universidade Federal de Santa Catarina. Ágora, Florianópolis, v. 22, n. 45, p. 15-30, 2012.

FERREIRA, Daniela Assis Alves. Tecnologia: fator determinante no advento da sociedade da informação? Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 8, n. 1, p. 4-11, jan./jun., 2003.

FLORES, Daniel; LAMPERT, Sérgio Renato. As funções de produção, classificação e avaliação de documentos arquivísticos no software Nuxeo Document Management. Informação Arquivística, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 41-64, jan./jun., 2013.

FONTANA, Fabiana Fagundes; FLORES, Daniel; NORA, Fabia Dalla; SANTOS, Henrique Machado dos. Archivematica como ferramenta para acesso e preservação digital à longo prazo. Ágora, Florianópolis, v. 24, n. 48, p. 62-82, 2014.

FREIRE, Isa Maria; CARVALHO, Luciana Moreira; CARVALHO, Mônica Marques; ARANHA, Terezinha de Queiroz. Ampliando o acesso livre à informação: a digitalização do acervo do Núcleo Temático da Seca. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 18, n. 2, p. 137-142, maio/ago., 2008.

GRÁCIO, José Carlos Abbud; FADEL, Bárbara; VALENTIM, Marta Lígia Pomim. Preservação digital nas instituições de ensino superior: aspectos organizacionais, legais e técnicos. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 18, n. 3, p. 111-129, jul./set., 2013.

HAYASHI, Maria Cristina Piumbato Innocentini. Sociologia da ciência, Bibliometria e Cientometria: contribuições para a análise da produção científica. In: SEMINÁRIO DE EPISTEMOLOGIA E TEORIAS DA EDUCAÇÃO, 4., 2012, São Paulo. Anais...São Paulo: UNICAMP, 2012. Disponível em:

https://www.marilia.unesp.br/Home/Graduacao/PETBib

lioteconomia/soc-da-ciencia-pet.pdf >. Acesso em: 12 fev. 2017.

HERKERT NETTO, Adriana. A contextualização da gestão arquivística de documentos com ênfase na autenticidade e confiabilidade dos documentos digitais. Informação Arquivística, Rio de Janeiro, v. 3, n. 1, p. 2-23, jan./jun., 2014.

LACOMBE, Claudia; RONDINELLI, Rosely Curi. Gestão e preservação de documentos arquivísticos digitais: revisando alguns conceitos que as precedem. Acervo, Rio de Janeiro, v. 29, n. 2, p. 61-73, jul./dez., 2016.

LAMPERT, Sérgio Renato. Os repositórios DSpace e Archivematica para documentos arquivísticos digitais. Acervo, Rio de Janeiro, v. 29, n. 2, p. 143-154, jul./dez., 2016.

LUZ, Marco Antônio da; FLORES, Daniel. A gestão de documentos e a preservação do patrimônio documental em municípios gaúchos: quando a regra é a exceção. Ágora, Florianópolis, v. 24, n. 49, p. 115-142, 2014.

MARQUES, Angélica Alves da Cunha. Pesquisas com temáticas arquivísticas na Ciência da Informação: mapeamento das principais tendências. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 16, n. esp. 1 sem., p. 1-22, 2011.

MARQUES, Otacílio Guedes; MANINI, Miriam Paula. Inserção profissional e contribuições teóricas do arquivista na gestão documental do poder judiciário. Ágora, Florianópolis, v. 25, n. 50, p. 61-84, jan./jun., 2015.

MARTINS, Daniela Francescutti. Os desafios da Arquivologia frente à Tecnologia da Informação: uma revisão de literatura. Ágora, Florianópolis, v. 12, n. 26, p. 10-16, 1997.

______. As relações entre o usuário e o Guia de Fundos na era digital: um relato de experiências. Ágora, Florianópolis, v. 11, n. 24, p. 23-35, 1996.

MIGLIAVACCA, Katiuscia Winckler; DUTRA, Moisés Lima. Governo eletrônico, biometria e certificação digital: um estudo de caso no TRE/SC. Ágora, Florianópolis, v. 24, n. 48, p. 242-251, 2014.

NASCIMENTO, Mayara Silva do; SOUSA, Marckson Roberto Ferreira de. A migração de documentos físicos para o ambiente digital no âmbito jurídico. Archeion Online, João Pessoa, v. 3, n. 2, p. 38-54, jul./dez., 2015.

NEGREIROS, Leandro R.; DIAS, Eduardo W. Automação de arquivos no Brasil: os discursos e seus momentos. Arquivistica.net, Rio de Janeiro, v. 3, n. 1, p. 38-53, jan./jun., 2007.

________. ;________. A prática arquivística: os métodos da disciplina e os documentos tradicionais e contemporâneos. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 13, p. 2-19, 2008.

OHIRA, Maria de Lourdes Blatt; DAVOK, Delsi Fries; SCHENKEL, Marília Beatriz de Castro. Proposta para criação do sistema de arquivos da Universidade do Estado de Santa Catarina: trajetória, desafios e perspectivas. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 18, n. 2, p. 143-154, maio/ago., 2008.

ROCHA, Claudia Lacombe; SILVA, Margareth da. Padrões para garantir a preservação e o acesso aos documentos digitais. Acervo, Rio de Janeiro, v. 20, n. 1-2, p. 113-124, jan./dez., 2007.

______. Carta para a preservação do patrimônio arquivístico digital brasileiro. Acervo, Rio de Janeiro, v. 17, n. 2, p. 131-140, jul./dez., 2004.

RONDINELLI, Rosely Curi. Gerenciamento arquivístico de documentos eletrônicos. 4. ed. Rio de Janeiro: FGV, 2005.

SALES, Luana Farias; SAYÃO, Luís Fernando. O impacto da curadoria digital dos dados de pesquisa na comunicação científica. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 17, n. esp. 2, p. 118-135, 2012.

SANTA ANNA, Jorge. O arquivista como gestor de recurso informacionais: uma reflexão acerca dos novos modelos de gestão. Ágora, Florianópolis, v. 25, n. 51, p. 77-100, jul./dez., 2015.

SANTOS, Henrique Machado dos; FLORES, Daniel. O documento arquivístico digital enquanto fonte de pesquisa. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 21, n. 4, p. 1-17, out./dez., 2016.

______. Preservação de documentos arquivísticos digitais: reflexões sobre as estratégias de emulação. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 20, n. 43, p. 3-19, maio/ago., 2015.

______. Preservação de documentos arquivísticos digitais autênticos: reflexões e perspectivas. Acervo, Rio de Janeiro, v. 28, n. 1, p. 241-253, jan./jun., 2015.

SANTOS, V. B. Preservação de documentos arquivísticos digitais. Ciência da Informação (Online), v. 41, p. 114-126, 2014.

SANTOS JUNIOR, Roberto Lopes dos; NUNES, Vanderson Monteiro. Estudo da preservação digital dos videogames sob o viés da arquivologia. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 26, n. 3, p. 31-46, set./dez., 2016.

SCHAFER, M. B. ; CONSTANTE, S. E. . Políticas e estratégias para a preservação da informação digital. PontodeAcesso (UFBA), v. 6, p. 108-140, 2012.

_______.; LIMA, Eliseu dos Santos. A classificação e a avaliação de documentos: análise de sua aplicação em um sistema de gestão de documentos arquivísticos digitais. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 17, n. 3, p. 137-154, jul./set., 2012.

SILVA, Ana Paula Araújo Cabral da. SEER e PDF/A na preservação do periódico Archivos Rio-Grandense de Medicina: relato de experiência. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 17, n. esp. 2, p. 227-237, 2012.

SILVA, Sérgio Conde de Albite. Decifra-me ou te devoro: desafios no uso de tecnologias para preservação e acesso em arquivos. Encontros Bibli, Florianópolis, v. 16, n. 1, p. 40-59, 2011.

THOMAZ, Kátia P. Gestão e preservação de documentos eletrônicos de arquivo: revisão de literatura – parte 2. Arquivística.net, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 114-131, jan./jun., 2006.

______; AZEVEDO JUNIOR, Márcio Antonio. Sistema de Processos Administrativos (SPA) do projeto “UFSC sem papel” sob a ótica dos servidores do Centro de Ciências Agrárias. Ágora, Florianópolis, v. 24, n. 49, p. 225-256, 2014.

______. O PDF/A na gestão de documentos arquivísticos. Ágora, Florianópolis, v. 21, n. 43, p. 73-79, 2011.




DOI: https://doi.org/10.14295/biblos.v33i2.7419

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 BIBLOS



PROPESQ PROPESQ  PROPESQ  PROPESQ PROPESQ  PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ 

Flag Counter