A história oral na pesquisa social sobre espaço urbano

Aloísio Ruscheinsky, Elizabeth Fortunato

Resumo


Este texto apresenta algumas reflexões sobre o uso da metodologia denominada de História Oral em pesquisas no campo das ciências humanas. A metodologia da História Oral tem-se espraiado por diversas disciplinas e entre pesquisadores de origens diversas, ao mesmo tempo o seu uso tem provocado simpatias e adversidades. Os autores do presente texto buscam demonstrar que os indivíduos tomados como fonte original de informação junto às lutas sociais por moradia popular, a partir de sua prática social, alçam a condição de sujeitos sociais uma vez que contribuem para a produção da História e do espaço urbano. Na ampla tarefa das ciências sociais, cabe-lhe atribuir que trate os indivíduos como capazes de serem construtores e partícipes da História. Esta é uma tarefa científica, política e educativa de quem assim procede optando pelo uso da História Oral. Deve ficar claro que aqui nos atemos ao emprego da metodologia e não à apresentação dos resultados de uma pesquisa.

Palavras-chave


história; memória; sujeitos sociais.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PROPESQ PROPESQ PROPESQ   PROPESQ   PROPESQPROPESQ             PROPESQ

 

 

PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ